web analytics
Tempo de leitura: 3 min.

Precisamos de um plano se descobrirmos que não estamos sozinhos

Tempo de leitura: 3 min.

Se a humanidade receber sinais autênticos de uma civilização alienígena, ela deve responder? A questão não é absurda demais para ser considerada.

Precisamos de um plano se descobrirmos que não estamos sozinhos
Crédito da ilustração: depositphotos

Espera-se que o governo dos EUA publique em breve um relatório revelando o que várias de suas entidades, inclusive a Agência Central de Inteligência, sabem sobre “fenômenos aéreos inexplicáveis” – isto é, avistamentos de OVNIs feitos ao longo de várias décadas por militares e outros.

Se existirem civilizações alienígenas, as chances de fazermos contato, por menores que sejam, provavelmente estão crescendo mais rápido do que nunca, dados os avanços em nossa capacidade de estudar planetas orbitando outros sistemas estelares e de pesquisar com telescópios por sinais que indicam vida inteligente. Até agora, quase todos os sinais detectados – principalmente por pesquisas apoiadas pelo Instituto SETI na Califórnia – eventualmente foram rastreados até nossos próprios satélites ou interferências provenientes de outras atividades humanas. Mas um dia – na próxima semana, em um século, talvez mais – isso pode mudar.

Se realmente ouvirmos de uma civilização alienígena, devemos enviar uma mensagem de volta? Ficar em silêncio? Essa questão gerou polêmica entre os cientistas, já que qualquer outra civilização provavelmente seria muito mais avançada do que a nossa. Alguns cientistas insistem em enviar sinais para iniciar o contato agora; outros acham que é muito arriscado. Mas isso realmente não deve ser uma decisão apenas para cientistas – o mundo inteiro deve estar envolvido.

Se a vida não é um evento excepcional visto apenas na Terra, mas uma ocorrência natural em todo o universo, então é verdadeiramente intrigante porque ainda não vimos sinais de vida alienígena. Como o físico Enrico Fermi apontou em 1950, mesmo que a vida surja apenas raramente em planetas habitáveis, há tantas estrelas em nossa galáxia que muitas outras civilizações, alguns milhões de anos mais velhas que a nossa, já deveriam ter colonizado toda a nossa galáxia. Por que não as vimos – ou ouvimos mensagens delas?

Nos últimos 70 anos, as pessoas propuseram dezenas de respostas possíveis para esse quebra-cabeça, conhecido como paradoxo de Fermi. Talvez os alienígenas já estejam aqui, disfarçados de alguma forma, ou talvez os estejamos vendo em um OVNI ocasional, mas eles estão nos deixando nos acostumar com eles lentamente, preocupados que o choque do contato total possa desencadear o colapso social. Mais ameaçador, talvez civilizações alienígenas tenham aprendido a se manter bem escondidas, tendo testemunhado que qualquer um que se expõe foi imediatamente aniquilado por algum grupo superavançado e predatório.

Enquanto isso, os cientistas não pararam de procurar por sinais alienígenas. Os pesquisadores do SETI procuram sinais que parecem não ter origem natural, como ondas de rádio de frequência precisa. Até agora, depois de cerca de 60 anos, eles não encontraram nada. E essa falha fez com que alguns cientistas pressionassem por uma abordagem mais ativa conhecida como METI, ou Messaging Extraterrestrial Intelligence. A ideia é que, se a escuta passiva não estiver funcionando, devemos enviar sinais poderosos para as estrelas-alvo que achamos que podem abrigar vida para ver se obtemos uma resposta.

Para muitos cientistas, isso parece profundamente arriscado. Stephen Hawking observou que, na história da humanidade, culturas mais tecnologicamente avançadas tenderam a escravizar ou massacrar outras culturas menos avançadas. Seria diferente com os humanos enfrentando um grupo muito mais avançado de alienígenas?

Mas os apoiadores do METI merecem ser ouvidos. Eles argumentam, por exemplo, que civilizações altamente avançadas provavelmente já sabem sobre nós pelas emissões de rádio e televisão que temos gerado no século passado. Portanto, enviar sinais não apresenta nenhum risco adicional. Além disso, evitar os riscos de fazer contato significa aceitar outros riscos – por exemplo, poderíamos perder a orientação inestimável de uma civilização mais avançada que poderia nos ajudar a tornar nosso planeta sustentável.

Dado que não sabemos quase nada sobre qualquer possível civilização alienígena, tudo isso permanece altamente especulativo. Mas enviar sinais poderosos para outros mundos seria um ato definitivo e irreversível, afetando potencialmente o futuro de todos na Terra.

Por esse motivo, alguns cientistas dizem que é hora de pensar em desenvolver leis ou tratados internacionais para regular essa atividade, para que nenhuma parte – uma nação desonesta ou um bilionário excêntrico – possa tomar o futuro do planeta em suas próprias mãos. Esse pensamento é fácil de descartar, mas não deveria ser. O esforço dos EUA para ser mais aberto sobre o que sabemos sobre assuntos relacionados a alienígenas pode ajudar a fazer com que mais pessoas pensem seriamente sobre isso.

No ano passado, os pesquisadores do SETI descobriram um sinal de banda estreita interessante, cujo estudo subsequente ainda não conseguiu se conectar a nenhum processo natural ou atividade humana. Continua a ser um sinal candidato, embora os pesquisadores acreditem que seja 99,9% provável que um estudo mais aprofundado eventualmente identifique alguma tecnologia humana por trás dele.

(Fonte)


Este último sinal recebido parece ser intrigante, pois vem justamente da estrela mais próxima da Terra. Não é para menos que astrônomos como Avi Loeb quer dar uma olhada lá com o novo Telescópio Espacial James Webb, que deverá ser lançada em outubro deste ano.

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é produtos-OVNI-Hoje-1.jpg
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Loja-Nerd.jpg

Leitores OVNI Hoje ganham 10% de desconto em todos os produtos da Loja Nerd, inclusive nos produtos OVNI Hoje. (Use o cupom OVH10)


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.

Plugin Kapsule Corp