web analytics
Tempo de leitura: 4 min.

A Força-Tarefa OVNI iniciou contato com a NASA, mas não dizem porque

Tempo de leitura: 4 min.

Em 4 de agosto de 2020, o Departamento de Defesa (DoD) anunciou a criação da Força-Tarefa OVNI (de sigla em inglês, UAPTF). Sua missão, de acordo com o comunicado à imprensa, era “melhorar sua compreensão e obter uma visão sobre a natureza e as origens dos UAPs [Fenômenos aéreos não identificados – OVNIs]. A missão da força-tarefa é detectar, analisar e catalogar UAPs que podem representar uma ameaça à segurança nacional dos EUA.”

A Força-Tarefa OVNI iniciou contato com a NASA, mas não dizem porque
Crédito da imagem: depositphotos

O Departamento de Defesa dos EUA (de sigla em inglês, DoD) observou que as incursões dentro de “áreas de treinamento ou espaço aéreo designado” seriam o foco principal e, desde sua criação, eles realizaram reuniões informativas confidenciais sobre o tema para a Casa Branca, o Comitê Permanente de Inteligência da Câmara, o Subcomitê de Contraterrorismo, Contra-espionagem e Contraproliferação, e outros.

Agora, um novo documento esclarece o que mais eles estavam fazendo nos bastidores. Em um pedido pela Lei de LIberdade de Informação (de sigla em inglês, FOIA) protocolado pelo site The Black Vault, foi revelado pela resposta que no primeiro mês após o estabelecimento da UAPTF, eles iniciaram contato com a NASA e solicitaram que a força-tarefa informasse a NASA sobre UAPs em um ambiente seguro.

Mas a razão exata do PORQUÊ, permanece desconhecida.

A porta-voz do Pentágono, Susan Gough, disse em uma declaração por e-mail ao The Black Vault:

“Durante o curso de seu trabalho, a UAPTF alcançou organizações em todo o DoD, a Comunidade de Inteligência e o governo dos EUA. Por razões de segurança, não iremos detalhar as contribuições de organizações específicas para o trabalho da UAPTF, nem as áreas discutidas com cada organização como parte das investigações da UAPTF.”

Gough, que em grande parte tem sido a voz da maioria dos comentários relacionados aos OVNIs feitos em nome do governo dos EUA, emitiu esta declaração para o The Black Vault após coordenar com a NASA para formular a resposta. Sua palavra fala em nome de ambas as agências sobre o assunto.

Esta descoberta recentemente encontrada vem de documentos obtidos por meio de um caso FOIA (21-HQ-F-00507) pedindo e-mails enviados para ou do Administrador Associado de Ciências da NASA, Dr. Thomas Zurbuchen, que contêm palavras-chave como “Aéreo Não Identificado” ou “Voo não identificado” etc. Foi motivado por uma conferência de imprensa em 2 de junho de 2021, na qual o administrador da NASA Bill Nelson e Zurbuchen falaram sobre o fenômeno.

O caso rendeu uma pequena pilha de registros, mas um deu uma revelação importante ainda não conhecida do público em geral.

Em 13 de setembro de 2020, o então Administrador Associado em exercício para o Escritório de Relações Internacionais e Interagências, Mike Gold, enviou um e-mail de ‘Atualização Semanal’ para uma lista de destinatários, que incluía Zurbuchen, o então Administrador da NASA Jim Bridenstine e muitos outros. Na atualização, Gold fala sobre um reunião informativa de que participaria “a pedido da UAPTF”.

O documento nomeia todos os participantes da reunião por meio de uma videoconferência “segura”. Isso incluiu o gerente do programa da Estação Espacial Internacional (ISS), Joel Montalbano; a Diretora do Controle de Exportações e Divisão de Ligação Interinstitucional, Margaret Kieffer; a Ex-Administradora Associada para Assuntos Legislativos Suzanne Gillen; e Gold.

Mike Gold, ex-administrador associado interino do Escritório de Relações Internacionais e Interinstitucionais

Antes de trabalhar com a NASA, Gold trabalhou para a Bigelow Aerospace. Embora potencialmente apenas uma coincidência, Gold trabalhou para a Bigelow Aerospace de fevereiro de 2003 a abril de 2016. Isso o colocaria dentro da Bigelow Aerospace como o Diretor de Operações DC e Crescimento de Negócios, quando eles operavam os Estudos Espaciais Avançados da Bigelow Aerospace subsidiária(de sigla em inglês, BAASS) supostamente investigando eventos paranormais e avistamentos de OVNIs para a Agência de Inteligência de Defesa (DIA). Este programa foi denominado Programa de Aplicações de Sistemas de Armas Aeroespaciais Avançadas (AAWSAP).

O pedido de informar a NASA vem como uma surpresa, já que no recente “Relatório OVNI“, oficialmente intitulado como “Avaliação Preliminar: Fenômenos Aéreos Não Identificados”, a NASA não foi mencionada na lista de agências governamentais que foram coordenadas, embora, de acordo com o governo dos Estados Unidos, essa lista não estava totalmente completa quando se trata de todo o escopo do trabalho realizado pela UAPTF fora do relatório.

Na versão pública da “avaliação” dos OVNIs, ela lista várias agências e ramos militares que foram coordenados para sua criação. A NASA não foi mencionada.

Gough disse ao The Black Vault:

“A lista de organizações incluídas no Relatório UAP ao Congresso foram as que forneceram contribuições específicas na preparação do relatório. Não era uma lista abrangente de todas as organizações que a UAPTF contatou no decorrer de seu trabalho.”

Talvez um dos aspectos mais intrigantes desta nova revelação, seja a inclusão de Montalbano. Montalbano atualmente atua como gerente de programa da Estação Espacial Internacional (ISS).

A ISS tem vários sistemas para ajudar a monitorar a Terra, o que pode ser o motivo pelo qual a UAPTF queria coordenar e compartilhar dados. A NASA o chama de “estação global de observação e diagnóstico” que “promove observações internacionais da Terra destinadas a compreender e resolver as questões ambientais de nosso planeta natal”.

É possível que a UAPTF quisesse obter acesso aos dados coletados por esses sistemas de bordo, a fim de ver o que poderia ser ganho durante a investigação de casos de OVNIs mais perto da superfície da Terra.

Embora eles não tenham confirmado que esse era o motivo, o Pentágono reforçou a possibilidade.

A declaração de Gough continuou:

“É importante notar … a Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço é uma organização com amplas responsabilidades científicas, incluindo pesquisas atmosféricas, etc. Essas informações são vitais para o entendimento completo do ambiente em que os aviadores da Marinha operam e as condições que podem ter estado presentes durante qualquer observação específica.”

Este cenário também é gracejado em outros e-mails liberados para o The Black Vault através do mesmo caso FOIA. Apenas alguns meses após a reunião informativa da NASA ser agendada para acontecer, o Conselheiro Sênior do Administrador, Randy Cruz, escreveu um e-mail em 4 de janeiro de 2021, falando sobre a “discussão na mídia” ocorrendo sobre OVNIs. Cruz declarou a Sandra Connelly, Administradora Adjunta Associada (DAA) da Diretoria de Missão Científica (SMD) da NASA, e a Karen Feldstein, Administradora Associada para Relações Internacionais e Interinstitucionais, que ele sentiu que a NASA pode ser contatada para ajudar a validar e utilizar “nossas tecnologias/capacidades para monitorar e ou analisar algumas dessas alegações [OVNIs]. ”

Claro, também é possível que a inclusão da UAPTF da NASA também possa estar ligada a numerosos avistamentos de OVNIs capturados por câmeras da ISS. Em 2020, o cosmonauta russo Ivan Vagner postou um vídeo que fez de objetos misteriosos capturados durante um lapso de tempo a bordo da ISS. Em 2014, o Houston Chronicle relatou um objeto desconhecido visto zumbindo na ISS e transmitido pelas câmeras de transmissão ao vivo da NASA. E em 2013, um usuário no Military.com identificado apenas como “Membro 26835147,” postou um vídeo de vários OVNIs capturados por câmeras da ISS. Existem inúmeros casos que podem ser referenciados, e alguns podem até ter explicações razoáveis, mas a UAPTF pode se interessar por todos eles para encontrar casos de interesse.

Podemos nunca saber o escopo da reunião informativa secreta da NASA sobre OVNIs. Mas desde então, a NASA certamente começou a falar abertamente sobre OVNIs e UAPs. No mesmo dia em que o Escritório do Diretor de Inteligência Nacional (ODNI) publicou sua versão pública da “Avaliação Preliminar” dos OVNIs, a NASA lançou uma seção online de “Perguntas Frequentes” (FAQ) em seu site, tudo sobre UAPs e OVNIs.

Embora principalmente sobre a busca de vida alienígena no Cosmos, a seção de perguntas frequentes aborda os aspectos mais práticos dos fenômenos que parecem atormentar a Terra e desafiar qualquer explicação.

Uma das respostas dizia:

“Por meio de nossos satélites de observação da Terra, a NASA coleta dados extensos sobre a atmosfera da Terra, muitas vezes em colaboração com outras agências espaciais do mundo. Embora esses dados não sejam especificamente coletados para identificar UAPs (OVNIs) ou tecnossinaturas alienígenas, eles estão disponíveis publicamente e qualquer pessoa pode usá-los para pesquisar a atmosfera. Embora a NASA não procure ativamente por UAPs, se aprendermos sobre UAPs, isso abriria a porta para novas questões científicas a serem exploradas. Cientistas atmosféricos, especialistas aeroespaciais e outros cientistas podem contribuir para a compreensão da natureza do fenômeno. Explorar o desconhecido no espaço está no cerne de quem somos.”

(Fonte)

Colaboração: Marcelino


É óbvio o porquê da Força-Tarefa OVNI do Pentágono ter contatado a NASA. Afinal, com todo o equipamento que ela tem no espaço, quem melhor para suprir a Força-Tarefa com dados provenientes dos satélites? Mas a questão que fica é que, devido ao histórico da agência espacial tentando desmentir seus próprios cientistas, será que ela está mesmo disposta a revelar a existências de coisas fora do âmbito acadêmico? …A não ser, é claro, que algo tenha mudado lá dentro.

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é produtos-OVNI-Hoje-1.jpg
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Loja-Nerd.jpg

Leitores OVNI Hoje ganham 10% de desconto em todos os produtos da Loja Nerd, inclusive nos produtos OVNI Hoje. (Use o cupom OVH10)


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.

Plugin Kapsule Corp