web analytics
Tempo de leitura: 2 min.

Sonda transportando materiais de um asteroide distante chega à Terra

Tempo de leitura: 2 min.
Sonda transportando materiais de um asteroide distante chega à Terra
Visão artística do Hayabusa2 a caminho da Terra. Agora sabemos que a cápsula de retorno com amostras de asteroides pousou na Austrália. Crédito: IEEE Spectrum

A cápsula de pouso da missão japonesa Hayabusa2 entrou na atmosfera da Terra de acordo com o plano. Minutos depois, a equipe confirmou a ejeção bem-sucedida do paraquedas. Demorou um pouco mais do que o esperado antes de ser confirmado que a cápsula havia atingido a superfície da Terra e estava emitindo um sinal de rádio. Uma vez que isso aconteceu, o procedimento de retorno foi declarado bem-sucedido!

Caso você não esteja acompanhando o progresso da missão ou esta seja a primeira vez que ouve falar sobre ela, a Hayabusa2 foi lançado em dezembro de 2014. Dois anos atrás, ele atingiu seu alvo – um asteroide distante chamado Ryugu.

Meses depois, em 2019, ela pousou com sucesso na superfície do asteroide e coletou amostras de solo. Em 13 de novembro de 2019, o estágio final da missão começou – a viagem de retorno à Terra.

O retorno de agora foi a última etapa crítica desta ambiciosa expedição. Agora, tudo o que resta é confirmar com certeza que a cápsula de pouso contém amostras do asteroide Ryugu. Ao contrário da missão espacial norte-americana Osiris-Rex, que pousou e coletou amostras do asteroide Bennu com sucesso em outubro e foi capaz de fotografar o contêiner diretamente, a Hayabusa 2 não tem como avaliar qualitativamente ou quantificar as amostras coletadas. Se há pedras e amostras de Ryugu, só saberemos após a abertura da cápsula.

Isso, é claro, é literalmente uma faca de dois gumes, pois as amostras coletadas podem não ser suficientes para pesquisas e experimentos extensivos. No entanto, os especialistas não acreditam que a cápsula de devolução trará a quantidade prometida.

Agora, sabemos que a cápsula de retorno pousou perto da cidade de Woomera, Austrália. Por um curto período de tempo, a conexão com a antena foi perdida, mas foi restabelecida em breve.

Segundo a JAXA, eles calcularam o ponto aproximado de pouso da cápsula com amostras de asteroides e, há poucos minutos, enviaram um helicóptero para procurá-lo. Por enquanto, não foi confirmado que ele foi localizado.

Enquanto isso, a nave-mãe Hayabusa2 voou com segurança ao redor da Terra e continuou sua jornada no espaço solar para dois outros asteroides. Em aproximadamente 6 anos, ela deve pousar no asteroide (98943) 2001 CC21 antes de continuar sua jornada no espaço para um terceiro asteroide chamado 1998 KY26. Esta segunda meta deve ser alcançada em 2031, o que significa que a Hayabusa2 provavelmente não retornará à Terra por mais 15 anos.

Como um todo, não ouviremos muito sobre isso por algum tempo, mas as questões urgentes em questão são se as amostras de asteroides de Ryugu serão suficientes. Essas missões podem dar errado a qualquer momento e seria uma decepção se essa missão não fosse bem-sucedida no final.

(Fonte)

Colaboração: Wizard Uncle, Lênio


n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é produtos-OVNI-Hoje-1.jpg
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Loja-Nerd.jpg

Leitores OVNI Hoje ganham 10% de desconto em todos os produtos da Loja Nerd, inclusive nos produtos OVNI Hoje.

Use o cupom OVH10


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.
EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol