Há algo muito estranho sobre este exoplaneta, se as leituras estão certas

Tempo de leitura: 2 min.
Há algo muito estranho sobre este exoplaneta, se as leituras estão certas
Ilustração artística do planeta LTT 9779b.


Uma equipe de astrônomos da Universidade de Kansas (KU) descobriu evidências de uma atmosfera em torno de um exoplaneta extremamente quente – e ele não deveria existir, dizem eles.

O exoplaneta é um “Netuno quente”, um planeta gigante com massa semelhante a Urano ou Netuno, que orbita tão perto de sua estrela que sua superfície fica exposta a grandes quantidades de radiação. De modo geral, esses tipos de planetas acabam sendo muito mais quentes do que Netuno.

Mas há algo incomum sobre este em particular, apelidado de LTT 9779b e localizado a cerca de 260 anos-luz de distância. Ao analisar dados do telescópio espacial TESS e Spitzer da NASA, eles descobriram que o planeta tinha uma atmosfera – apesar de sua temperatura escaldante.

Ian Crossfield, professor assistente de física e astronomia da KU e principal autor do artigo publicado na revista Astrophysical Journal Letters, disse em um comunicado:

Pela primeira vez, medimos a luz que vem deste planeta que não deveria existir.

Este planeta é tão intensamente irradiado por sua estrela que sua temperatura é de mais de 1.600 graus Celsius e sua atmosfera poderia ter evaporado completamente. Ainda assim, nossas observações do Spitzer nos mostram sua atmosfera por meio da luz infravermelha que o planeta emite.

Apesar da existência de uma atmosfera, o LTT 9779b seria um lugar horrível para se viver.

Crossfield disse:

Este planeta não tem uma superfície sólida e é muito mais quente do que Mercúrio em nosso sistema solar – não só o chumbo derreteria na atmosfera deste planeta, mas também a platina, o cromo e o aço inoxidável.

Um ano neste planeta dura menos de 24 horas – essa é a rapidez com que gira em torno de sua estrela. É um sistema bastante extremo.

Mas não é tão quente quanto outros exoplanetas de seu tipo.

O coautor do estudo, Nicolas Cowan do Instituto de Pesquisa de Exoplanetas (iREx) e McGill Universidade de Montreal, disse no comunicado:

O planeta é muito mais frio do que esperávamos, o que sugere que está refletindo muito da luz estelar incidente que o atinge, provavelmente devido às nuvens diurnas,

A descoberta deixou a equipe entusiasmada com pesquisas futuras.

Crossfield disse:

Eu não diria que entendemos tudo sobre este planeta agora, mas já medimos o suficiente para saber que este será um objeto realmente frutífero para estudos futuros.

Na verdade, a NASA está planejando dar uma olhada mais de perto usando seu tão esperado Telescópio Espacial James Webb.

Embora possa ser extremamente inóspito, a pesquisa pode nos levar a localizar outros lugares muito mais hospitaleiros do universo.

Crossfield informou:

Se alguém vai acreditar no que os astrônomos dizem sobre encontrar sinais de vida ou oxigênio em outros mundos, vamos ter que mostrar que podemos realmente fazer direito nas coisas fáceis primeiro. Nesse sentido, esses planetas maiores e mais quentes como o LTT 9779b agem como rodinhas de treinamento e mostram que realmente sabemos o que estamos fazendo e podemos acertar tudo.

(Fonte)


Realmente se trata de um exoplaneta intrigante. Imagine só o que mais poderemos encontrar lá fora no Universo: muito provavelmente coisas que consideramos hoje impossíveis de existir.

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site.

Clique aqui para apoiar através do site Apoia.se, ou use o botão abaixo:


*Agora você também pode doar através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:

(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.