CIA declara ter sido responsável por pelo menos metade dos avistamentos de OVNIs na década de 50

Tempo de leitura: < 1 min.
Para a CIA, esta foi a causa de mais da metade dos avistamentos de OVNIs da década de 50.

 

(UPI) — A Agência Central de Inteligência dos EUA  (CIA) anunciou via Twitter, na segunda-feria (30/12), que foi responsável por pelo menos metade dos avistamentos de OVNIs na década de 1950.

Ela escreveu:

Relatos de atividade anormal nos céus nos anos 50? Fomos nós“.

O documento associado ao tweet se trata de um relatório anteriormente confidencial sobre os testes do avião espião U-2, em altitudes de mais de 60.000 pés.  Ele diz que metade ou mais dos avistamentos de OVNIs ocorreram quando eles estavam voando o avião a grandes altitudes, o que as pessoas não sabiam ser possível na época.

Embora eles percebiam que as pessoas estavam avistando o avião, através da referência cruzada dos avistamentos com o tempo e o local que a aeronave estava voando, a agência não podia informar ao público.  A agência diz que os documentos que explicam o cenário foram os mais lidos dentre os liberados este ano de seus bancos de dados.

Cento e quatro aeronaves U-2 foram fabricadas ao todo.  Um foi abatido pela União Soviética em maio de 1960 a 70.500 pés de altitude, durante a primeira tentativa de cruzar aquele país, indo do espaço aéreo do Paquistão até a Noruega.


Mas certamente, aqueles que acompanham de perto e estudam o fenômeno dos OVNIs sabem que a alegação da CIA, de que metade ou mais dos avistamentos da época foram causados pelo U-2, está muito aquém da verdade.  Eu diria 5%, numa estimação muito otimista.

n3m3

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.