OVNI é visto por vários voos comerciais nos EUA em outubro

Tempo de leitura: 4 min.

Um incidente recém-descoberto envolvendo várias companhias aéreas comerciais e OVNIs sobre os céus do estado de Oklahoma, em 2 de outubro de 2022, fez com que a tripulação a bordo de um voo se sentisse “amedrontada” e “chocada”.

OVNI é visto por vários voos comerciais nos EUA em outubro
Foto meramente ilustrativa.

O incidente ocorreu nas primeiras horas da manhã e em gravações obtidas pelo agente especial do FBI e apresentador do Discovery +, Ben Hansen, um voo da empresa Delta pode ser ouvido falando com o Controle de Tráfego Aéreo de Kansas City (ATC), afirmando:

Eu podia ver uma luz muito brilhante e depois ela desaparece e depois volta e depois desaparece e está acontecendo há 15 minutos, então não temos certeza se é tráfego aéreo ou não.

O voo da American Airlines pode ser ouvido respondendo: “tudo bem, então não estamos loucos, eu acho”, antes de sugerir que o OVNI poderia se relacionar com uma potencial atividade militar em Warrensburg, Missouri, a localização da Base Aérea de Whiteman, onde armas nucleares são armazenados.

No entanto, essa teoria é descartada pelo Controle de Tráfego Aéreo, que afirma que Warrensburg estaria do lado oposto onde o OVNI estava sendo visto.

O OVNI é descrito pelo voo da Delta como não se movendo, sugerindo que a luz estava seguindo sua direção. A tripulação informou ao Controle de Tráfego Aéreo:

Sempre está às 10 horas (posição em relação à aeronave) e não se moveu. Não posso dizer a distância, mas fica muito claro e escurece para nada.”

O OVNI parecia estar ao norte da aeronave que o relatou, o que significa que poderia estar sobre a área do estado de Kansas, em sua fronteira estadual próxima com Oklahoma. O Controle de Tráfego Aéreo não conseguiu identificar o OVNI, e uma tripulação de voo também relatou que estava “muito mais alto”, talvez fora do alcance do radar de tráfego aéreo.

O Controle de Tráfego Aéreo pode ser ouvido dizendo ao voo da Delta que há um Airbus 320 a 130 quilômetros de distância na posição de 10 horas, mas o piloto da Delta pareceu descartar isso, respondendo:

“A menos que eles estejam fazendo 360º com as luzes acesas, não sei o que mais poderia ser.”

Uma comissária de bordo servindo a bordo de uma aeronave próxima estava na cabine enquanto os eventos se desenrolavam. A pessoa que falou sob condição de anonimato disse ao Liberation Times:

“O oficial de voo que respondeu à transmissão pelo rádio apenas repetiu o que o Controle de Tráfego Aéreo lhe disse: ‘Por favor, fique atento a qualquer atividade estranha que você veja na área e, em caso afirmativo, informe-nos. Fomos informados por vários pilotos sobre objetos semelhantes a OVNIs voando nas áreas circundantes’.

O oficial de voo respondeu ‘entendido’. Assim que o piloto voltou do intervalo o oficial de voo repetiu a transmissão. O piloto meio que desconsiderou a mensagem então perguntei: ‘você acredita nesse tipo de coisa?’ Ele respondeu que não. Eu perguntei o mesmo ao oficial de voo, e ele respondeu: ‘sim, definitivamente há algo mais aqui conosco, muitos pilotos testemunharam isso e eu venho de um passado militar, então eu sempre soube sobre isso’.”

A comissária de bordo disse ao Liberation Times que sentiu medo durante o voo, devido ao que ouviu, comentando:

“Toda a situação me deixou muito desconfortável porque eu nunca tinha ouvido ninguém na indústria mencionar isso. Eu sou uma daquelas comissárias de bordo que podem lidar com tudo, adoro turbulência e nunca cedemos sob pressão, mas essa experiência me deixou sem palavras, porque pela primeira vez em meus 14 anos de voo me deparei com o fato de estarmos compartilhando espaço aéreo com um objeto não identificado voando ao nosso redor.

Não vou mentir, eu estava com medo e sem palavras.”

A comissária de bordo transmitiu a informação a outras comissárias de bordo, que ela descreve como estando chocadas:

“Eu disse aos outros membros da tripulação com quem eu estava voando o que aconteceu, todas eram novas comissárias de bordo que estavam lá há menos de seis meses. Todas elas pareciam chocadas e começaram a me fazer perguntas já que eu era a mais velha.”

Falando sobre as gravações de voo e declarações feitas pela comissária de bordo, o apresentador Ben Hansen disse ao Liberation Times:

“Mesmo deixando de lado o tema dos extraterrestres, vivemos em um mundo muito perigoso com adversários políticos que adorariam voar livremente sobre nossos espaços aéreos para coletar informações ou lançar ataques.

É muito preocupante que a maioria desses incidentes de OVNIs sejam relatados e terminem com nada mais do que alguns alertas casuais e comentários jocosos de pilotos e controladores.

Espero mais dos responsáveis ​​pela gestão e defesa do nosso espaço aéreo. A devida diligência deve envolver a investigação até que uma explicação razoável seja encontrada; ou, alternativamente, um plano de resposta detalhado seja implementado para os incidentes que não podem ser resolvidos.”

Este último encontro é apenas um de vários incidentes recentes relatados por Ben Hansen e segue um relatório de Inteligência do Senado dos Estados Unidos, que afirmou que “ameaças transmídias à segurança nacional dos Estados Unidos estão se expandindo exponencialmente“.

Uma Avaliação Preliminar de OVNIs de junho de 2021 afirmou que “os OVNIs ameaçam a segurança de voo e, possivelmente, a segurança nacional“, após 11 quase acidentes entre aviadores navais e objetos desconhecidos. No entanto, o relatório abordou apenas a segurança do voo militar, não a segurança do voo comercial, o que poderia comprometer a segurança dos passageiros e da tripulação de voo.

Ryan Graves, ex-aviador naval, que é co-presidente da Comunidade de Interesse Aeroespacial Não Identificado do Instituto Americano de Aeronáutica e Astronáutica (AIAA), falou ao Liberation Times sobre o tema da segurança de voo em voos comerciais. Graves comentou:

“As companhias aéreas não devem esperar até que haja ciência estabelecida sobre a origem de qualquer caso particular de OVNIs. Há coleta de dados prudente e medidas de segurança que podem ser implementadas agora para aliviar a incerteza da tripulação.

A Comunidade de Interesse AIAA UAP está reunindo especialistas em assuntos de segurança da aviação para ajudar a permitir mudanças nas políticas de segurança nas agências apropriadas com dados e fatos.”

Falando ao Liberation Times, um ex-funcionário da Autoridade Federal de Aviação dos EUA (FAA) confirmou que OVNIs foram historicamente detectados pela FAA, afirmando:

“Radares ocasionalmente mostraram objetos sem identificação de transponder viajando pelo céu. Às vezes, esses objetos giravam, subiam e saíam do alcance de detecção.”

Quando solicitado a comentar sobre recentes encontros de voo entre aeronaves comerciais e OVNIs, a FAA confirmou que as informações foram compartilhadas com a Força Tarefa OVNI (de sigla em inglês, UAPTF) e que colabora com o Departamento de Defesa (DoD) e a NASA. Um porta-voz da FAA disse ao Liberation Times:

“A Federal Aviation Administration (FAA) documenta avistamentos de OVNIs sempre que um piloto relata um a uma instalação de controle de tráfego aéreo.

Se o relatório do piloto puder ser corroborado com informações de apoio, como dados de radar, ele será compartilhado com a Força-Tarefa OVNI. A FAA colabora com outras agências governamentais, como o Departamento de Defesa (DoD) e a Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço (NASA) sobre OVNIs.

O recém-criado Escritório de Resolução de Anomalias de Todos os Domínios (de sigla em inglês, AARO) do DoD serve como a câmara de compensação centralizada do governo para relatórios de OVNIs que afetam a segurança nacional.

“A NASA anunciou recentemente uma equipe, da qual a FAA faz parte, para estudar OVNIs.”

[Para instruções de como ativar a legenda em português do(s) vídeo(s) abaixo, embora esta não seja precisa, clique aqui.]

(Fonte)


E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Participe dos comentários mais abaixo… e (importante) se puder, colabore na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo, ou use a chave PIX “OVNIHoje” (sem as aspas):

Agradecimentos aos colaboradores dos últimos meses: Edward de Lima, José de Castro, Teogenis de Oliveira, Egídia dos Santos, Silas Raposo, Reinaldo Galhardo, Luiz Buria, Silas Raposo, Maria Dorotea Soares..

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!