O mistério da “Cidade de Cristal” descoberta sob a Antártica

Tempo de leitura: 2 min.

A Antártica é um lugar cheio de mistérios, mas poucos se comparam à expedição do almirante Richard Byrd e aos segredos que ele conseguiu encontrar no continente gelado.

O mistério da "Cidade de Cristal" descoberta sob a Antártica
Imagem ilustrativa. Crédito: History Channel.

Em agosto de 1946, o oficial naval americano e explorador Richard Byrd foi encarregado de organizar a Operação Highjump, a maior expedição já mobilizada para a Antártida. A travessia foi realizada logo após a Segunda Guerra Mundial e deveria durar de dezembro a março. Mas em meados de fevereiro, algo mudou completamente o curso da exploração.

Um dos objetivos da missão era investigar locais adequados para instalar bases militares na Antártica. Durante a exploração, algo incrível foi descoberto, de acordo com Byrd em seu diário pessoal. Acontece que as histórias da Operação Highjump não vêm de relatos oficiais, mas de registros em seu diário, que foi escondido e suprimido por ordem do governo.

No entanto, seu filho o encontrou após sua morte. O diário relata como Byrd ouviu rumores de uma suposta entrada no interior da Terra no Pólo Sul. Seguindo essa pista, ele liderou uma esquadrilha de aviões e sobrevoou o local, descobrindo algo que, com certeza, eles não deveriam ter descoberto. O local de entrada era quente, ao contrário do resto da Antártica.

A entrada os conduziu a uma região cheia de vegetação e vida, como se fosse um mundo diferente. No entanto, ele disse que o mais surpreendente foi mais tarde, quando no horizonte, algo começou a brilhar como se fosse o Sol. Era uma cidade toda feita de cristal, com veículos voadores em forma de disco sobrevoando. Essas navies se posicionaram ao redor dele e o trouxeram para terra.

Byrd foi escoltado para uma espécie de caverna onde conheceu uma entidade que chamou de ‘O Mestre’ nas páginas de seu diário. O Mestre disse a ele como eles estavam decepcionados com os seres humanos pela criação de armas nucleares e eles estavam muito preocupados com as consequências que isso poderia ter para a Terra, então eles esperavam que parássemos.

Os teóricos consideram essa explicação muito importante; desde que começou exatamente quando o aumento dos avistamentos de OVNIs começou, bem no final da Segunda Guerra Mundial e a detonação das primeiras bombas atômicas. Além disso, acrescenta-se o grande número de avistamentos de OVNIs sobrevoando bases militares que protegem armas nucleares.

A história do almirante também é consistente com as histórias sobre ‘seres superiores’ que demonstraram preocupação com uma possível guerra nuclear. Essas histórias vêm principalmente de oficiais da Força Aérea dos EUA os quais testemunharam que entidades misteriosas até mesmo desativaram as armas nucleares diante de seus olhos.

Para os teóricos, essas entidades não se preocupam apenas com a destruição da própria humanidade, mas com os danos irreparáveis ​​que o planeta poderá sofrer, já que também lhes pertence.

Se o diário de Richard Byrd for real, revelaria que compartilhamos a Terra com outra civilização avançada que vive abaixo da superfície e monitora tudo o que fazemos. O oficial detalhou em seu diário a emoção que sentiu ao contar sua jornada, mas foi interceptado antes de fazê-lo. Ele escreveu amargamente que, ao retornar, foi transferido para um complexo do governo, onde foi obrigado a permanecer em silêncio, ordenando que sua descoberta não fosse divulgada e tudo o que dissesse fosse classificado como secreto.

É possível que as antigas histórias sobre entidades que habitam o interior da Terra estejam relacionadas ao fenômeno OVNI. Talvez, o momento em que eles finalmente apareçam diante de nós e evitem um desastre em escala planetária esteja próximo, pois parece que a humanidade está determinada a se destruir e levar tudo em seu caminho.

[Para instruções de como ativar a legenda em português do(s) vídeo(s) abaixo, embora esta não seja precisa, clique aqui.]

(Fonte)


E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Participe dos comentários mais abaixo… e (importante) se puder, colabore na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo, ou use a chave PIX “OVNIHoje” (sem as aspas):

Agradecimentos aos colaboradores dos últimos meses: Edward de Lima, José de Castro, Teogenis de Oliveira, Egídia dos Santos, Silas Raposo, Reinaldo Galhardo, Luiz Buria, Silas Raposo, Maria Dorotea Soares..

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!