Avião hipersônico poderá chegar a qualquer lugar do mundo em 2 horas

Tempo de leitura: 2 min.

A startup aeroespacial da Suíça, Destinus SA, quer construir um avião hipersônico movido a hidrogênio para suprir a necessidade de transporte rápido e limpo. Destinus moveu um passo mais perto para concretizar seu sonho depois que levantou 26,8 milhões de francos suíços (US $ 29 milhões) em uma rodada de financiamento, disse um comunicado de imprensa da empresa.

Empresa trabalha em avião hipersônico que chega a qualquer lugar do mundo em 2 horas
Crédito: Destinus

Enquanto a indústria automotiva está definida para a eletrificação alimentada por bateria para tratar as emissões de carbono, a chave da indústria da companhia aérea não será tão fácil. Voos movidos a bateria, embora estejam em testes e desenvolvimento, têm enormes obstáculos para atravessar em relação à sua resistência e transporte de capacidades. Enquanto os táxis aéreos movidos a bateria podem resolver os problemas de viajar dentro de uma cidade, a indústria das companhias aéreas tem seus olhos fixados em combustíveis alternativos, como hidrogênio.

A maior vantagem de usar o hidrogênio como fonte de energia é que ele produz emissões de carbono zero. Quando é queimado como combustível, o hidrogênio produz água como subproduto, que pode ser dividido novamente usando métodos ambientalmente amigáveis ​​para o tornar em combustível novamente, um grande ganho para o setor de transporte. A Destinus quer levar este conceito um passo adiante, alimentando voos hipersônicos usando este combustível.

Um avião que voa em velocidades de foguete!

De acordo com o comunicado de imprensa, a Destinus prevê um avião hipersônico que é um híbrido entre um avião e um foguete. O avião hipersônico não precisa de infraestrutura especial, pois pode usar aeroportos existentes para decolar e pousar. No entanto, quando atinge uma certa altitude, ele mudará para seu motor foguete criogênico que impulsionará o avião em velocidades hipersônicas e reduzirá o tempo de viagem entre os continentes em uma questão de algumas horas.

A empresa foi fundada por Mikhail Kokorich, um empreendedor com habilidades de engenharia, técnica e organizacional. Atualmente, a empresa tem uma equipe de mais de 50 engenheiros e gerentes que trabalharam anteriormente no Arianespace, Boeing, Airbus, Dassault, Rolls-Royce e outras grandes empresas aeroespaciais. Ele planeja aumentar seu tamanho de equipe para 100 este ano para intensificar seus esforços de pesquisa e desenvolvimento e iniciar testes de voo.

Na curta duração da sua existência, a empresa já projetou subsistemas exclusivos, como um sistema de resfriamento ativo para seu avião hipersônico e patenteado também, diz o comunicado de imprensa. O conceito foi apoiado por vários fundos de risco de todo o mundo e a empresa quer usar este financiamento para desenvolver seus motores foguetes que usam hidrogênio e conduzir voos de teste supersônico nos próximos 18 meses.

O presidente do Conselho Consultivo da empresa é o ex-ministro da Economia e Tecnologia, e o vice-chanceler da Alemanha, Philipp Rösler. Um piloto apaixonado, Rosler disse:

“É de tirar o fôlego para ver um futuro em que viajar em qualquer lugar do mundo em 1-2 horas estarão disponíveis. O avião hipersônico em desenvolvimento usará hidrogênio líquido para alimentar seus motores. Isso dá a grande oportunidade de voar rápido e ao mesmo tempo ser neutro em carbono. Estou animado que as empresas como a Destinus poderão fornecer liderança europeia no setor aeroespacial.”

(Fonte)

Colaboração: NINGUEM


E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO… e (importante) se puder, ajude na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo:

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!