web analytics
Tempo de leitura: 3 min.

Área 51, Bob Lazar e a suposta instalação secreta conhecida como S-4

Tempo de leitura: 3 min.

Quaisquer que sejam seus pensamentos sobre as alegações de Bob Lazar, há uma coisa importante a saber (e a lembrar). Ou seja, Lazar disse que trabalhou em apenas uma parte da área geral que equivale à Área 51. Ele certamente não tinha acesso aberto a todos os aspectos da Área 51. Na verdade, o fato é que a Área 51 é na verdade apenas uma parte do que é intitulado de Nevada Test and Training Range (NTTR). E Lazar supostamente trabalhou para outro corpo dentro do intervalo chamado S-4. Sim, é um pouco confuso – isto é, até você se familiarizar com os nomes, lugares e locais.

Área 51, Bob Lazar e a suposta instalação secreta conhecida como S-4
Sincero ou mentiroso?

Dito isso, vamos dar uma olhada mais de perto no S-4. De acordo com Lazar, no final de 1988 ele trabalhou por um breve período na S-4. O trabalho supostamente girou em torno do estudo de uma série de espaçonaves alienígenas adquiridas. Sim, o governo dos EUA possui uma área de armazenamento secreto para veículos de outros mundos. Talvez até de outras galáxias. Pelo menos, se você acreditar nas histórias de Lazar. Hoje, além de ser o lar da Área 51 e da instalação S-4 em que Bob Lazar afirmou ter trabalhado brevemente no final dos anos 1980, o NTTR abriga o Tolicha Peak Electronic Combat Range, o Eastman Airfield Target e o Point Bravo Electronic Combat Range.

Ao procurar trabalho, Lazar se encontrou com a equipe da EG&G em um escritório no Aeroporto Internacional McCarran de Las Vegas. Acabou sendo um pouco decepcionante – mas com uma luz distinta no fim do túnel. Lazar foi informado de que ele era superqualificado para a posição que eles tinham em mente. Mas, eles tinham outro projeto em mente que achavam que seria muito mais ideal para Lazar. Tudo o que Lazar soube na época foi que o programa girava em torno de sistemas de propulsão novos e alternativos. Para alguém que construiu seu próprio carro a jato, isso parecia algo bem no beco de Lazar. Não demorou muito para que Lazar tivesse sua entrevista – mais uma vez nos escritórios do Aeroporto McCarran. A reunião foi com um homem chamado Dennis Mariani, um tipo prático que tinha o ar de um oficial militar e que acabou por ser o supervisor de Lazar. A dupla voou para fora do aeroporto – apenas uma pequena viagem. Eles chegaram a uma instalação no deserto e Lazar foi transportado para um veículo com as janelas escurecidas. De lá, Lazar foi levado para uma parte da Área 51, que Lazar veio a conhecer como S-4.

Não só isso, supostamente algo sério estava acontecendo na S-4. Por exemplo, Lazar revelou que na instalação, em suas próprias palavras, “há um documento extremamente confidencial que trata da religião, e é extremamente espesso. Mas por que deveria haver quaisquer documentos confidenciais estarem lidando com religião?”

Essa é uma pergunta muito boa. A resposta que Lazar obteve dos documentos informativos fornecidos a ele por seus colegas na Área 51 foi que nós, a raça humana, não somos o produto de um deus – ou mesmo de vários deuses. Lazar afirmou que a documentação que leu revelou que “fomos feitos por correções progressivas na evolução”, especificamente por extraterrestres altamente avançados no passado distante.

De acordo com Lazar, S-4 era uma instalação enorme; entretanto, ninguém saberia disso se voasse sobre ela. Na verdade, você mal saberia se estivesse no chão também. Lazar explicou que a S-4 foi realmente construída dentro das montanhas circundantes, que foram cuidadosa e maciçamente escavadas. Foi dentro dessas áreas reforçadas e vazadas que todo o trabalho na nave alienígena foi realizado. Nada podia ser visto do céu. Praticamente nada se via no solo. E, toda a instalação estava escondida nas montanhas. Era o local perfeito para trabalhar e esconder os discos voadores que Dennis Mariani disse a Lazar que estavam armazenados na S-4.

Assim a história continuou, a equipe na Área 51 tinha nada menos que nove naves alienígenas em sua posse. A maioria delas estava em boas condições – na verdade, algumas estavam em excelentes condições. Uma foi danificada superficialmente, mas não excessivamente.

Não é surpreendente que Lazar tenha sido ameaçado – com sua vida, nada menos – para nunca falar sobre nada disso com ninguém fora do programa. Isso incluía a esposa, família e amigos de Lazar. Sobre esse assunto, Lazar foi informado de que, para garantir que ele se mantesse na linha, seu telefone residencial seria grampeado. Ele teve que assinar um documento que detalhava o resultado de qualquer violação do acordo – que incluía longas sentenças de prisão e até uma visita do “anjo da morte”. Ou de um agente do governo com talento para exterminar vidas. Disseram-lhe até que, se falasse fora da linha, a hipnose e os produtos químicos poderiam ser usados ​​para apagar suas memórias do que viu na S-4.

Para Lazar, tudo isso era muito sinistro, mas as apostas eram tão altas – a capacidade de trabalhar em espaçonaves alienígenas – que era uma isca muito grande para dizer não. Lazar avidamente renunciou a sua vida em um instante. Talvez todos nós o faríamos.

A Área 51, em si, pode não ser a chave para a verdade da história. O mesmo para a NTTR. A S-4 (e S-4 apenas) pode ser a chave para toda a controvérsia. Se, é claro, realmente houver uma S-4. Afinal, não podemos provar isso depois de mais de trinta anos de controvérsia.

(Fonte)


Muitas das coisas que Lazar disse são impressionantes e impossíveis de serem comprovadas e há algumas coisas que contradizem seu histórico. Contudo, ele passou por vários testes de polígrafo (detector de mentiras) e, ainda hoje, 30 anos depois, se perguntado, Lazar continua afirmando que aquilo que viu e que até mesmo trabalhou para desmantelar eram naves alienígenas.

Interessante lembrar que Lazar não lucrou nenhum centavo com suas declarações e nem mesmo participou de qualquer evento ou convenção ovniológica. Na verdade, o que declarou chegou até mesmo a arruinar a sua vida.

Onde reside a verdade sobre este caso? Os pesquisadores e o público em geral está divido, com alguns achando que Lazar está realmente dizendo a verdade, enquanto outros o descartam como sendo um mentiroso patológico.

E você, o que acha? Participe da rápida enquete abaixo e nos deixe saber sua opinião:

– n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.


PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.
EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol