web analytics
Tempo de leitura: 4 min.

Esqueça os ETs! E se os OVNIs forem pilotados por golfinhos?

Tempo de leitura: 4 min.

Por JAZZ SHAW

Loucura? Talvez, mas me escute:

Esqueça os ETs! E se os OVNIs forem pilotados por golfinhos?
Crédito: Gerhard G.Pixabay

No início deste ano, eu estava participando de um painel de discussão envolvendo OVNIs quando o assunto inevitável surgiu: de onde eles estão vindo e quem, se houver alguém, os está pilotando. Porque eu já estava envolvido em uma espécie de experimento de pensamento sobre o assunto, decidi testá-lo com os outros painelistas e, desde então, adquiriu vida própria, pelo menos na minha linha do tempo de rede social.

Eu disse:

“Algumas pessoas acreditam que são os russos ou os chineses. Não é. Outros pensam que são alienígenas. Não são alienígenas. São golfinhos.

Se algum dia pegarmos um daqueles tic tacs e abri-lo, ele estará cheio de água salgada e haverá um golfinho dentro com algum tipo de capacete telecinético.”

Certamente eu estava lançando a ideia em parte por um valor humorístico, mas não inteiramente. Louco? Talvez. Mas tenha paciência comigo por um momento e talvez mude de ideia.

Como um mamífero subaquático construiria uma espaçonave?

Bem, essa questão vai longe demais na discussão, sem estabelecer a base necessária. Vamos começar com algo mais básico. Os golfinhos seriam capazes de compreender esses conceitos avançados?

Sabemos pelo registro fóssil que os golfinhos (conhecidos como Pakicetus) caminharam sobre a terra há cerca de 50 milhões de anos antes de retornarem ao oceano para voltar a evoluir em direção à forma que vemos hoje. Mesmo assim, eles tinham uma enorme caixa cerebral. Os golfinhos hoje têm o maior cérebro de qualquer animal quando medido como uma porcentagem de sua massa corporal total.

Os humanos, em contraste, nem começaram a andar eretos até cerca de cinco milhões de anos atrás, e nossos crânios tinham menos da metade do tamanho que têm agora. Os biólogos evolucionistas concordam que os animais tendem a desenvolver cérebros grandes o suficiente para permitir que sobrevivam. O que os golfinhos têm feito com aqueles cérebros enormes ao longo dos 45 milhões de anos de vantagem que eles tiveram sobre nós?

Vamos lá, cara. Se os golfinhos tivessem tecnologia, nós saberíamos isso

Nós saberíamos? Geralmente, vemos apenas golfinhos mergulhando cerca de trinta metros, mas com a vantagem tecnológica certa, quem sabe a que profundidade eles podem ir? E talvez os golfinhos que vemos sejam um ramo da família que realmente permaneceu selvagem (o cetáceo equivalente ao chimpanzé ou ao macaco?), enquanto seus primos mais espertos avançavam em sua tecnologia e se aprofundavam.

Os oceanos são muito profundos e praticamente inexplorados. Literalmente, temos mapas melhores da superfície completa da Lua e de Marte do que das partes mais profundas dos oceanos. E com dezenas de milhões de anos para trabalhar no projeto, você pode ficar muito bom em ocultar e cobrir seus rastros.

Neste ponto, você deve estar se perguntando porque esses golfinhos geniais com habilidades incríveis não falam conosco. Veja o que estamos fazendo com os oceanos. Por falar nisso, veja o que fazemos com os golfinhos. Quantos deles acabam em latas de atum? Não acho nada surpreendente que eles possam não ter interesse em conversar conosco ou nos ajudar.

Além disso, os golfinhos têm uma linguagem complexa. Mas depois de mais de um século de tentativas, ainda não conseguimos trocar uma única pergunta e resposta com eles. Quem são os verdadeiros “burros” aqui?

Mesmo que possível, ainda trata-se de um salto bastante grande a ser dado

Talvez sim. Mas vamos considerar a explicação alternativa que está sendo apresentada. Extraterrestres de Zeta Reticuli? Um dos primeiros argumentos levantados pelos céticos da hipótese extraterrestre é que o golfo do espaço interestelar é vasto demais para navegar. Nenhum problema para os golfinhos. Eles já estavam aqui.

E por que os golfinhos são tão libidinosos? Eles estão sempre tentando fazer sexo com mulheres humanas em piscinas. Poderia ser parte de seu programa de melhoramento híbrido? Admita … agora você está começando a pensar sobre isso.

Todos os anos perdemos centenas, senão milhares de nadadores e marinheiros que simplesmente desaparecem. Claro, a maioria deles provavelmente apenas se afogou ou foi comida por tubarões. Mas se os golfinhos tinham algum tipo de programa de abdução e experimentação humana em andamento, essa é a história de cobertura perfeita.

Mas por que? Por que os golfinhos querem ir ao espaço?

Não sei, Einstein. Por que você quer ir para o espaço? Não é como se eles não estivessem cientes de que há algo acima do topo da água. Lembre-se, eles costumavam viver na terra. Certa vez, eles também olharam para as estrelas. Certamente uma espécie com tanto poder cerebral teria que se perguntar o que estava lá fora na escuridão. E eles perceberiam que teriam que desenvolver tecnologia para descobrir.

Sem o benefício das mãos e polegares opositores, os golfinhos precisariam descobrir alguma outra maneira de manipular materiais para construir coisas. Nós regularmente ouvimos histórias de pessoas que afirmam que extraterrestres são capazes de mover objetos (e abduzidos) através de paredes usando alguma forma de telecinesia. Se você pode fazer isso, você também pode construir coisas. Claro que você provavelmente precisaria de um cérebro enorme e dezenas de milhões de anos de evolução para dominar algo assim. Oh espere…

Cérebros enormes. Uma vantagem inicial de 45 milhões de anos. Um vasto e profundo oceano para se esconderem. Você ainda tem certeza de que são os grays ou os reptilianos navegando perto de nossas instalações nucleares?

Então você acha seriamente que isto possa ser verdade?

Realmente, não. Mas esse foi todo o objetivo do experimento de pensamento em primeiro lugar. Falar sobre OVNIs e quem ou o que pode estar pilotando-os (se é que são pilotados) é fascinante para muitos de nós. Eu amo o assunto, mas até que alguém produza um corpo ou alguma outra evidência incontestável, toda teoria que alguém apresenta vem com um número significativo de suposições e incógnitas.

Quando se trata da hipótese extraterrestre, essa afirmação permanece 100% precisa. (Com desculpas a todos os seus experimentadores lá fora. Eu não tenho o benefício de tal conhecimento de primeira mão). E para cada ponto que está sendo feito sobre as inteligências alienígenas e como elas podem ser responsáveis [pelos OVNIs], você pode apresentar um argumento igualmente convincente de que os golfinhos são os responsáveis. Em alguns casos, você pode apresentar um argumento ainda mais convincente.

Não te levei nesta jornada para afastar a ideia da hipótese extraterrestre. Longe disso. Na verdade, se e quando finalmente aprendermos a resposta, tendo a pensar que esta é uma das mais prováveis. Mas podemos ter uma grande surpresa também. Com isso em mente, da próxima vez que você for à praia ou sair para um cruzeiro no oceano, fique de olhos abertos. Só estou avisando…

(Fonte)


Huuummm, intrigante, embora possa ser contestado pelo simples fato de que para forjar metais é necessário muito fogo e este é difícil de fazer embaixo d’água. Mas quem realmente sabe o que se encontra nas profundezas de nossos oceanos?

De qualquer forma, um belo exercício de pensamento.

– n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.


PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.
EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol