web analytics

Sabemos muito mais sobre OVNIs e alienígenas do que achamos

Tempo de leitura: 4 min.

O Presidente Harry Truman, disse em conferência de imprensa da Casa Branca de 4 de abril de 1950:

“Posso garantir que os discos voadores, visto que existem, não são construídos por nenhum poder na Terra.”

Sabemos muito mais sobre OVNIs e alienígenas do que achamos
Crédito: Internet, domínio público

O astronauta Gordon Cooper, descrevendo seus primeiros encontros diretos com OVNIs enquanto servia como piloto militar na Alemanha, disse:

“Nos dois ou três dias seguintes, os discos passaram diariamente pela base. Às vezes, eles apareciam em grupos de quatro, outras vezes até dezesseis. Eles podiam manobrar e nos flanquear aparentemente à vontade. Eles se moviam em velocidades variadas – às vezes muito rápido, às vezes devagar – e outras vezes paravam de repente enquanto passávamos por baixo.”

O Sargento Clifford Stone, reformado, testemunhou que encontrou alienígenas “gray” enquanto trabalhava em uma unidade do Exército dos EUA que recuperava veículos extraterrestres acidentados:

“Esses (alienígenas gray) eram criaturas vivas que respiravam, tão mortais quanto você e eu. Eles tinham sentimentos, tinham famílias. Eles tinham uma sociedade cultural. A única coisa que eles não tinham era hostilidade. Eles tinham raiva, pelo que observei – e não sei como explicar melhor do que afirmar – era uma raiva intelectual.

Eles não podiam … compreender como uma espécie como a nossa, que tinha um potencial tão grande para fazer coisas tão maravilhosas, podia fazer coisas tão horríveis e de pesadelo uns com os outros.”

O ex-oficial da CIA, Victor Marchetti, citado em “How the CIA Views the UFO Phenomenon” Second Look, vol. 1, no. 7. Washington, D.C. 1979:

“Suspeito que fomos, de fato, contatados – talvez até visitados – por seres extraterrestres, e o governo dos Estados Unidos, em conluio com outras potências nacionais da Yerra, está determinado a manter essas informações longe do público em geral.”

Dr. Herman Oberth, cientista de foguetes alemão da NASA, disse:

“Nós, sozinhos, não podemos levar o crédito por nosso recente avanço em certos campos científicos. Fomos ajudados.”

Quando solicitado a identificar os ajudantes, Oberth respondeu:

“As pessoas de outros mundos.”

Imagine o seguinte: Você vai a um museu de ciências e segue para o salão das civilizações antigas. Lá, você caminha entre cenas da vida primitiva: abrigos rústicos, fogueiras e artesanato rudimentar.

Quando você se inclina para olhar semi-macacos com crânios pequenos e maxilares grandes, uma emoção forte o invade. De repente, você percebe – este não é um museu comum. Quando você se aproxima das telas, elas ganham vida, transportando você para o cenário real de tais eventos: a fumaça, o medo e as paixões de uma paisagem cruel, mas bela.

Como você se sentiria?

Sua experiência seria semelhante à que os alienígenas podem sentir ao visitar o planeta Terra, com uma exceção. Pode-se esperar que alguns alienígenas tenham avançado a um nível que está muitas vezes além da diferença entre você e os semi-macacos no museu.

Como os alienígenas poderiam ser mais avançados do que cirurgia a laser, semicondutores e voo a jato?

Não simpatizariam eles, pelo menos, com a nossa literatura, as nossas instituições jurídicas e a nossa caridade?

Eles provavelmente fariam isso, mas alguns ficariam magoados em ver humanos cometerem os mesmos erros que eles próprios cometeram milhares, senão bilhões de anos antes. Eles podem querer sugerir um estilo de vida melhor. Sem dúvida, alguns gostariam de nos ajudar a evoluir de forma mais pacífica.

Outros alienígenas menos avançados podem tentar tirar proveito de nosso atraso para expandir sua esfera de influência, para ter acesso aos recursos de nossa vizinhança.

Em alguns casos, isso iria contra a maioria de fora do mundo, mas se os alienígenas ofensores fossem intrusos formidáveis ​​de outra galáxia, por exemplo, poderia haver pouco que os vizinhos da Terra pudessem fazer para impedi-los.

Os perigos do conflito seriam muito graves. Em vez disso, os alienígenas vizinhos podem tentar educar os humanos para serem mais responsáveis ​​por si próprios e pelo universo maior.

Eles podem nos achar uma raça teimosa, propensa à superstição e uma relutância em explicar cientificamente os conceitos religiosos da Idade do Bronze. Por outro lado, um visitante alienígena pode ficar impressionado com os movimentos intelectuais de nossos últimos 20 a 30 anos.

Por exemplo:

1) pensamento feminista que distingue entre gênero biológico e ideias populares exageradas sobre gênero

2) um movimento global para reconhecer os direitos e os recursos humanos dos povos nativos

3) um aprofundamento da consciência de nossa ecologia global finita

4) uma popularização tardia, mas importante, tanto dos conceitos quanto da lógica da física quântica. Embora a maioria das pessoas não tenha assimilado totalmente a estranheza fundamental da física quântica, usamos computadores que são baseados em tais fenômenos diariamente

Sem dúvida, mais uma tendência no pensamento humano se destacaria nitidamente. Um grande número de povos do mundo foi exposto a, se não profundamente influenciado por retratos de vida extraterrestre.

Ao contrário do mundo de cinquenta anos atrás, a maioria das pessoas agora reconhece que figuras de cabeça grande com olhos amendoados representam um certo tipo de alienígena.

Empresas de alta tecnologia fazem campanhas publicitárias comparando suas inovações com as do outro mundo, e a lista de todos os tempos dos filmes de maior bilheteria está repleta de filmes sobre extraterrestres.

O tema alienígena é muito mais profundo. De acordo com pesquisas de opinião recentes, mais de 40 por cento das pessoas nos Estados Unidos pensam que há uma conspiração do governo para encobrir os fatos sobre OVNIs.

Isso é quase 100 milhões de pessoas. Cerca de um terço dos entrevistados acha que os humanos realmente fizeram contato com alienígenas.

Acredite ou não, os meios de comunicação de outras nações regularmente apresentam imagens de OVNIs se movendo em seus céus.

As comissões do Ministério da Defesa na França e na Grã-Bretanha publicaram recentemente relatórios concluindo que seus governos devem se preparar para a alta “probabilidade” de que alienígenas visitem a Terra, e que a tecnologia alienígena derrubada encontrou seu caminho para uma estrutura de orçamento negro nos Estados Unidos.

Há poucos anos, o presidente do Estado-Maior Conjunto da Rússia, o oficial militar de mais alta patente do país, anunciou que seu governo observa regularmente naves alienígenas e possui a posse de tecnologia alienígena derrubada. As autoridades chinesas falam abertamente sobre o assunto, assim como as autoridades de várias outras nações.

Na verdade, o que antes era conhecido como OVNIs são cada vez mais descritos pelo tipo genérico ou, em vez disso, como “OVI”: objetos voadores identificados.

(Fonte)


Penso que não seja exatamente assim como o autor do artigo acima menciona, mas uma coisa é indubitável: o fenômeno OVNI é real.

Contudo, mesmo considerando-se que este fenômeno tem estado em nosso planeta há séculos, será mesmo que ele é originário de outros planetas? Se não forem de outros planetas, de onde vêm OVNIs?

Estas questões, para mim, são muito inquietantes. Espero saber a verdade antes de partir daqui, embora possa ser que do outro lado as respostas estejam à nossa espera.

– n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.


Meus sinceros agradecimentos aos que doaram ao OH neste mês de maio:

  • Boris G. K.
  • Ricardo C. A.
  • Eduardo S. S.
  • Egidia L.
  • Joaquim F. P. C.
  • Helio S Jr.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.
EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol