Alienígenas podem nos detectar a partir de mil sistemas planetários em 300 anos-luz

Tempo de leitura: 2 min.
Alienígenas podem nos detectar a partir de mil sistemas planetários em 300 anos-luz

Um novo estudo investigou exoplanetas que têm uma linha de visão direta para a Terra; mundos a partir dos quais poderíamos estar sendo observados por cientistas extraterrestres.

Três décadas depois que o famoso Carl Sagan sugeriu que a sonda Voyager 1 tirasse uma foto da Terra em seu caminho para o espaço interestelar, resultando na foto icônica “Pale Blue Dot, dois astrônomos acabaram de levar o conceito até o exoplanetário.

Lisa Kaltenegger, professora associada de astronomia na Faculdade de Artes e Ciências e diretora do Carl Sagan Institute em Cornell; e Joshua Pepper, professor associado de física da Universidade de Lehigh, identificaram 1.004 sistemas estelares da sequência principal (semelhantes ao nosso) que poderiam conter planetas semelhantes à Terra em suas próprias zonas habitáveis, todas a cerca de 300 anos-luz do planeta Terra, e que devem ser capazes de detectar vestígios químicos de vida na Terra.

O artigo, intitulado “Which stars can see Earth as a transiting exoplanet?” (“Quais estrelas podem ver a Terra como um exoplaneta em trânsito?”) foi publicado em 21 de outubro na revista especializada Monthly Notices of the Royal Astronomical Society.

Alienígenas podem nos detectar a partir de mil sistemas planetários em 300 anos-luz
Acredite ou não, você está bem aqui. Imagem da Terra obtida pela sonda Voyager 1 a mais de 6 bilhões de quilômetros.

Kaltenegger disse:

Por um momento, vamos inverter o ponto de vista de outras estrelas e perguntar de que perspectiva outros observadores podem encontrar a Terra como um planeta em trânsito.

Um planeta em trânsito é aquele que passa pela linha de visão do observador para outra estrela, como o Sol, revelando pistas sobre a composição da atmosfera do planeta.

Ela explicou em um comunicado:

Se os observadores estivessem olhando, eles poderiam ver sinais de uma biosfera na atmosfera de nosso Ponto Azul Pálido. E podemos até ver algumas das estrelas mais brilhantes em nosso céu noturno sem binóculos ou telescópios.

As observações de trânsito são uma ferramenta crucial para os astrônomos na Terra caracterizarem os planetas extrasolares habitados, especialmente no próximo ano, quando o Telescópio Espacial James Webb da NASA for lançado.

De quais sistemas estelares eles poderiam nos encontrar?

A chave para esta ciência é a eclíptica – o plano da órbita da Terra em torno do sol. A eclíptica é onde os exoplanetas com uma visão melhor da Terra estariam localizados, cruzando sua própria estrela e efetivamente fornecendo aos observadores uma maneira de descobrir a vibrante biosfera de nosso mundo.

Pepper e Kaltenegger criaram a lista das mil estrelas mais próximas usando o catálogo de estrelas do Transiting Exoplanet Survey Satellite (TESS) da NASA.

Pepper disse:

Apenas uma pequena fração dos exoplanetas se alinhará aleatoriamente com nossa linha de visão para que possamos vê-los em trânsito. Mas todas as estrelas que identificamos em nosso artigo na vizinhança solar foram capazes de ver a Terra transitando no Sol, chamando sua atenção.

Kaltenegger filnalizou:

Se encontrássemos um planeta com uma biosfera vibrante, ficaríamos curiosos para saber se outra inteligência está ou não nos observando de lá. É por isso que acabamos de criar o mapa estelar de onde devemos olhar primeiro.

O trabalho de pesquisa foi financiado pelo Carl Sagan Institute e pela Breakthrough Initiative.

(Fonte)


Podem ter certeza: estamos sendo observados de outros sistemas planetários e, possivelmente, até mesmo sendo visitados por essas inteligências.

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site.

Clique aqui para apoiar através do site Apoia.se, ou use o botão abaixo:


*Agora você também pode doar através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:

(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.