Misterioso OVNI ‘Tic Tac’ cometeu ‘Ato de Guerra’, afirma testemunha credível

Tempo de leitura: 3 min.
Misterioso OVNI ‘Tic Tac’ cometeu 'Ato de Guerra', afirma testemunha credível
Lex Friedman entrevistou David Fravor

Capturado em vídeo, um encontro entre pilotos estadunidenses e um misterioso OVNI em forma de Tic Tac durante exercícios militares em 2004 tornou-se um dos mais famosos avistamentos de naves alienígenas, com a veracidade das imagens posteriormente confirmadas pela Marinha dos Estados Unidos.

Uma testemunha que encontrou pessoalmente um dos objetos misteriosos e ainda inexplicáveis ​​que foram avistados na costa dos Estados Unidos em 2004, revelou que o OVNI cometeu um ‘ato de guerra’.

O comandante David Fravor, o piloto que é creditado por ter testemunhado o objeto em forma de Tic Tac realizar manobras aéreas extraordinárias que a tecnologia humana é incapaz de fazer, apareceu recentemente em um podcast apresentado pelo cientista pesquisador do MIT, Lex Fridman.

[Para informações de como ativar a legenda em português do(s) vídeo(s) abaixo, embora ela não seja precisa e possa não funcionar em dispositivos móveis, clique aqui.
(Macete: algumas legendas são melhores acompanhadas lendo-se somente a última linha)]

https://youtu.be/aB8zcAttP1E

Proclamado pelo anfitrião como “uma das testemunhas mais credíveis” na história da pesquisa de OVNIs, Fravor disse que o encontro durou apenas alguns minutos, com a nave voadora aparentemente reagindo às manobras dos pilotos, fazendo curvas “no espaço de uma moeda” e tornando-se invisível para radar.

O ex-piloto, que estava voando em missão ao largo do porta-aviões USS Nimitz quando avistou o objeto, disse:

‘Isso não é como ‘vimos e sumiu’ ou ‘eu vi luzes no céu e sumiram’- assistimos a essa coisa em um dia cristalino com quatro observadores treinados.

O comandante Fravor foi enviado para investigar a área depois que anomalias de radar foram detectadas lá. O objeto viajou a uma velocidade que ele nunca tinha visto antes.

Ele disse:

Não há propulsão, não há asas. Ele acelera rapidamente e desaparece. A coisa mais estranha que já vi na minha vida.

O ex-piloto disse que tentou se aproximar dele, mas assim que chegou a algumas centenas de metros, o objeto rapidamente ganhou velocidade e desapareceu em meio segundo.

Ele disse na entrevista:

Lembro-me de dizer ao cara no meu banco de trás, ‘Cara, não sei sobre você, mas estou muito espantado’.

Após o pouso, Fravor narrou o encontro para outro piloto, Chad Underwood, que estava prestes a decolar. Underwood também encontrou o suposto OVNI, apontando seu radar para ele. No entanto, o dispositivo travou.

Fravor disse:

Ele está dizendo ao radar: ‘Olhe para baixo na linha de visão, o que quer que esteja lá, quero que você pegue e construa um arquivo de rastreamento nele’, que dirá onde está, a que velocidade e a direção que está indo.

De acordo com o ex-piloto, o radar normalmente informa se está sendo “bagunçado”.

Fravor disse:

Você consegue dizer se está sendo bloqueado. Quando você bloqueia ativamente outra plataforma, isso é tecnicamente um ato de guerra.

O ex-piloto de caça afirmou que as manobras realizadas pelo bizarro objeto exibiam uma tecnologia notável à sua disposição. Ele rejeitou as especulações de que poderia ter sido alguma embarcação de última geração feita pelos militares:

Não gosto de homenzinhos verdes, mas não acho que tenhamos desenvolvido isso … Acho que você pode esconder as coisas por um tempo. Este é um salto gigante em tecnologia.

Consequentemente, outros pilotos gravaram com sucesso imagens do estranho fenômeno, com um vídeo obtido pela To the Stars Academy of Arts and Science, uma corporação de benefício público fundada pelo ex-oficial de inteligência da CIA Harold E. Puthoff e o músico Tom DeLonge, e carregado no conta do YouTube da empresa em 2017.

A autenticidade da filmagem foi finalmente confirmada pelo Pentágono em 2019, com oficiais admitindo que ainda não tinham ideia do que era o objeto gravado.

O Pentágono explicou sua decisão de divulgar os vídeos pelo fato de eles não revelarem nenhuma capacidade sensível dos sistemas de vigilância dos Estados Unidos.

Sugestões de que poderia ter sido fenômeno climático, pássaros ou uma nave artificial foram descartadas.

(Fonte)


Bem, se há um tipo de testemunha de OVNI que se pode acreditar é alguém com o treinamento militar para identificar todos os tipos de tecnologia humana que está voando pelos céus, e ninguém melhor para isso do que um piloto militar de caças. Certamente David Fravor se enquadra perfeitamente neste quesito e duvido que ele estaria falando essas coisas somente para obter fama; afinal, não foi só ele que testemunhou esses estranhos objetos naquela data. Vários de seus colegas atestam a isso também.

E quanto ao que alguns “professores da impossibilidade” estão dizendo, que se trata de tecnologia secreta humana, realmente não faz sentido algum. Essa tecnologia tem sido testemunhada ao longo da história humana e se fosse mesmo tecnologia humana neste caso em particular, ela já estaria sendo utilizada em conflitos bélicos ao redor do mundo, pois o avistamento ocorreu há 16 anos.

O mistério continua…

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.