web analytics

Anúncio do Pentágono sobre OVNIs é emocionante, levanta controvérsias

COMPARTILHE COM A GALÁXIA:
Tempo de leitura: 3 min.
Anúncio do Pentágono sobre OVNIs é emocionante, levanta controvérsias
Nick Pope dá seu “pitaco”.

O anúncio do Pentágono de que está estabelecendo uma força-tarefa para “detectar, analisar e catalogar” fenômenos aéreos não identificados é uma adição bem-vinda na busca agora muito pública de OVNIs, embora tenha suas próprias controvérsias, de acordo com um especialista.

Nick Pope, ex-funcionário e investigador de OVNIs do Ministério da Defesa da Grã-Bretanha, informou em um e-mail para a Fox News:

Eu apoio esta iniciativa, que corretamente enquadra a questão em termos de segurança”, disse Nick Pope. Embora haja debate sobre o que isso implica exatamente – a menção de aeronaves não autorizadas fazendo incursões em campos de treinamento parece relativamente mundana – UAP [sigla em inglês para fenômenos aéreos não identificados] é o termo oficial para o que a mídia e o público se referem como OVNIs, Portanto, não tenho dúvidas sobre a verdadeira natureza da missão.

Embora animado com a confirmação pública, Pope apontou uma grande discrepância com o anúncio do Pentágono.

Pope, que trabalhou para o Ministério da Defesa de 1991 a 1994, acrescentou:

A Lei de Autorização de Inteligência para o ano fiscal de 2021 referiu-se à força-tarefa como já estando em operação.

Ainda não está claro como essa nova força-tarefa se relaciona com o Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespaciais (AATIP). Pope citou ‘ex-oficiais de defesa’ do grupo que estavam envolvidos no trabalho relacionado aos OVNIs.

O AATIP foi formada em 2007 a pedido do ex-senador Harry Reid, informou a Fox News anteriormente. O programa teria encerrado as operações em 2012, mas em 2017, o New York Times informou que o Departamento de Defesa ainda estava investigando episódios em potencial de objetos voadores não identificados.

Luis Elizondo, o ex-chefe do AATIP, disse anteriormente que as pessoas deveriam prestar atenção aos comentários que o governo está fazendo sobre os OVNIs.

Elizondo escreveu em um artigo de opinião na Fox News sobre o encontro de 2004 dos pilotos da Marinha dos EUA:

O que os pilotos encontraram naquele dia foi capaz de funcionar de maneiras que desafiavam toda a lógica e nossa compreensão atual da aerodinâmica.

Vídeos desses encontros foram divulgados publicamente pela Marinha dos Estados Unidos em abril de 2020, após terem circulado entre o público por anos.

Na sexta-feira (14), o DoD disse que espera “melhorar sua compreensão e obter informações sobre a natureza e as origens dos UAPs. A missão da força-tarefa é detectar, analisar e catalogar os UAPs que podem representar uma ameaça à segurança dos EUA Segurança.”

Em junho, o senador da Flórida, Marco Rubio, presidente em exercício do Comitê de Inteligência do Senado, instruiu o diretor de inteligência nacional, o secretário de defesa e outros chefes de agência a compilar dados sobre o “fenômeno aéreo não identificado”.

Os legisladores escreveram em um relatório:

O Comitê continua preocupado com o fato de não haver um processo unificado e abrangente dentro do governo federal para coletar e analisar inteligência sobre fenômenos aéreos não identificados, apesar da ameaça potencial.

O Comitê entende que a inteligência relevante pode ser sensível; no entanto, o Comitê considera que o compartilhamento e a coordenação de informações em toda a Comunidade de Inteligência têm sido inconsistentes e que esta questão não recebeu atenção dos líderes seniores.

Em julho, o Times noticiou que um pequeno grupo de funcionários do governo, incluindo Reid, e cientistas acreditam que objetos de ‘origem indeterminada’ caíram na Terra e foram recuperados. A publicação citou Eric W. Davis, um astrofísico que trabalhou como subcontratado e consultor do programa de OVNIs do Pentágono. Davis, que agora trabalha para a empreiteira de defesa Aerospace Corporation, disse que forneceu informações sobre a recuperação de objetos inexplicáveis ​​para membros da equipe do Comitê de Serviços Armados do Senado e do Comitê de Inteligência do Senado, em 21 e 23 de outubro de 2019, respectivamente.

Em abril, o Pentágono publicou oficialmente vídeos de ‘fenômenos aéreos não identificados’, conhecidos como ‘FLIR1‘, ‘Gimbal‘ e ‘GoFast‘, anteriormente filmados por aeronaves da Marinha. As filmagens haviam circulado entre o público por anos. Elas foram originalmente liberadas para o New York Times e a The Stars Academy of Arts & Science, dirigida pelo ex-co-fundador do Blink-182, Tom DeLonge.

Depois que os vídeos foram liberados publicamente, DeLonge disse que “Os OVNIs são reais”, em um tuíte apagado.

O primeiro vídeo do objeto não identificado foi feito em 14 de novembro de 2004 e feito pela câmera fotográfica do F-18. O segundo vídeo foi filmado em 21 de janeiro de 2015 e mostra outro veículo aéreo com pilotos comentando como ele é estranho.

O terceiro vídeo também foi feito em 21 de janeiro de 2015, mas não está claro se o terceiro vídeo era do mesmo objeto ou diferente.

Sete meses antes, em setembro de 2019, a Marinha dos EUA reconheceu pela primeira vez que os vídeos continham objetos não identificados, especificamente usando a terminologia de ‘fenômenos aéreos não identificados’.

(Fonte)


Tudo como dantes no quartel de Abrantes.

…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar. Cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

As doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ||| Silas Raposo ||| Franklin Viana ||| Karin Gottert ||| Leopoldo Della Rocca

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta, portante aja com responsabilidade.
  • O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!
COMPARTILHE COM A GALÁXIA:
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!

hit counter code