Alienígenas de rostos enrugados: Casos evidenciando a diversidade da vida inteligente que nos visita

Tempo de leitura: 5 min.

Esqueça aquele estereótipo imperante no meio ufológico de que somos visitados apenas por grays, nórdicos, reptilianos ou insetóides.

Alienígenas de rostos enrugados: Casos evidenciando a diversidade da vida inteligente que nos visita
Crédito da ilustração: mysteriousuniverse.org

Existem outros tipos bem mais estranhos que tem nos visitado, que porventura podem ser viajantes de pontos distantes do nosso universo, ou mesmo de outros universos ou dimensões.

Hoje tratarei dos estranhos seres de rostos enrugados. O caso mais famoso e que se tornou um clássico na ufologia mundial ocorreu no Japão em 1975 (uma época rica em avistamentos de alienígenas no Brasil e no mundo todo).  

Caso Kofu

23 de Fevereiro de 1975, 18 horas.

Ichiro Minegishi, de 8 anos, avistou uma estranha luz laranja no céu. A luz estava próxima ao Conjunto Habitacional Hinode. Ele avisou então os seus pais, que também puderam observá-la e não se parecia com nada que já tinham visto antes.

No mesmo instante, os meninos Masato Kawano e Yasuhiro Yamahata (ambos com 7 anos de idade) patinavam perto desse mesmo conjunto habitacional.

Por volta das 18h, avistaram duas grandes luzes cor de laranja que se aproximaram do conjunto habitacional.

A maior delas seguiu para o monte Atago. A menor desceu em um terreno atrás do conjunto, onde havia uma plantação de uvas (videiras).

Os meninos ficaram impressionados e também muito assustados com a estranha luz, mas a sua curiosidade foi maior que o medo, e resolveram correr até o local.

Quando chegaram nas proximidades, notaram que um objeto estava pousado ali, e parecia um disco voador, com tamanho depois estimado em 5 metros de diâmetro por dois e meio de altura, aproximadamente.

Na parte frontal da nave, os meninos puderam distinguir cinco desenhos que talvez fosse algum tipo de letra ou escrita.

Então, mesmo amedrontados, decidiram se aproximar mais da estranha nave. Todavia, o impacto do evento ao verem algo fora de qualquer padrão de normalidade, os deixou com mais medo ainda, e decidiram que era melhor correr e fugir.

Todavia, foi tarde demais, pois uma pequena porta na lateral do disco se abriu. Da nave saiu um humanoide, com cerca de 1 metro e 30 cm de altura.

Os meninos observaram que o ser tinha grandes orelhas lisas e pontudas. Talvez em razão das rugas que cobriam o rosto, as crianças não puderam distinguir olhos, nariz e boca. Apenas puderam ver que o humanoide tinha algo semelhante a três grandes dentes que mais pareciam presas pontudas, as quais se sobressaiam no rosto no lugar onde devia estar a boca (com certeza escondida nas rugas ou pregas).

Eles viram que o ser carregava pendurado sobre o ombro um objeto que lembrava um pouco com um rifle reluzente.

Alienígenas de rostos enrugados: Casos evidenciando a diversidade da vida inteligente que nos visita
Desenho feito a partir da descrição das crianças sobre a nave, do ser e do objeto que parecia carregar pendurado no ombro. Crédito da imagem: okrodovzk.blogspot.com

Dentro da nave, cuja cúpula era transparente, puderam ver outro humanoide idêntico, porém este não saiu, e parecia estar no controle dos instrumentos.

Rapidamente o humanoide se aproximou dos meninos e então tocou no ombro de Yamahata, que sentiu imediatamente todo o seu corpo paralisar. Incapaz de se mover ou permanecer em pé, caiu imediatamente no chão. Ele estava apavorado, pois embora quisesse correr, nada pôde fazer.

Kawano, vendo o amigo caído, correu para pedir ajuda. Mas logo, Yamahata recobrou os movimentos e então também fugiu em disparada, escondendo-se em um cemitério próximo do local. Escondido, ele viu o humanoide vindo em sua direção. Yamahata correu então apavorado pelo cemitério, dirigindo-se rumo a sua casa.

Os meninos chegaram nas suas casas histéricos, contando a experiência apavorante aos seus pais, os quais ficaram, obviamente, muito assustados ao ver o estado de terror, de grande pavor que os filhos aparentavam. Imediatamente, decidiram ir com os meninos até a plantação de uvas, para ver o que havia lá e averiguar o ocorrido.

Quando se aproximaram do local, os pais dos meninos puderam ver uma grande luz laranja piscar por alguns minutos, e depois ela se tornou ainda mais brilhante, levantou voo e rapidamente sumiu em direção ao monte Atago.

Enquanto isso, em uma delegacia, uma outra testemunha chegou apavorada descrevendo o mesmo tipo de nave e o mesmo tipo de ser que afirmou ter avistado em outro local da cidade.

Apesar de muitas outras testemunhas afirmarem terem visto uma luz muito brilhante sobrevoando a cidade, as autoridades (como sempre) disseram que não era nada de mais e nunca emitiram um parecer oficial sobre o que seria a criatura descrita por pessoas em diferentes locais no mesmo dia.

Um professor universitário, ao saber do caso, que logo ganhou repercussão na imprensa japonesa, resolveu investigar por conta própria, foi ao local onde os meninos viram a nave e o ser e fotografou os pilares que teriam sido quebrados quando a nave pousou… Ele também comprovou a presença de radiação fora dos padrões esperados no local.

Alienígenas de rostos enrugados: Casos evidenciando a diversidade da vida inteligente que nos visita
Menino aponta o local onde a nave pousou. Crédito da imagem: okrodovzk.blogspot.com

Esse caso é interessante porque relata o que parece, em princípio, ser uma tipologia alienígena única na ufologia. Todavia, seres com rosto enrugado, ou com orelhas pontudas, também foram relatados em outras partes do mundo.

Outros casos

Caso 1

Gorhan, New Hampshire, costa leste dos EUA, 1977

A testemunha fez o seguinte relato de seu encontro:

Depois de avistar uma nave pousada, viu seis ocupantes do lado de fora, com altura estimada de um metro e meio de altura, os quais tinham olhos pouco visíveis, pois o rosto era coberto por uma pele muito enrugada. Foi possível distinguir narizes meio simiescos, porém o rosto não tinha pelos.  Eles usavam luvas.

A testemunha podia ouvir que os seres falavam, mas não compreendeu nada. Logo ela sentiu o calor extremo que provinha da nave próxima. Os seres então entraram no objeto, que decolou em linha reta e voou para o sul.

Quando a testemunha voltou para casa, viu que todo o seu rosto e as suas pernas estavam muito vermelhas, o que atribuiu ao calor intenso emitido pela nave. O seu cão por um tempo apresentou comportamento anormal, pois não a deixava se aproximar da área onde o objeto tinha pousado. Investigações posteriores não revelaram nenhum vestígio ou marca no local.

Fonte: Albert Rosales. 1977 humanoid case reports.  Relatado por Lorraine Duchesne ao MUFON.

Caso 2

Sydney, Australia, 1988

Relato da testemunha:

Acordei em meu quarto e apesar de consciente e acordado, senti que estava paralisado. Desesperado, tentei chamar outras pessoas da família, mas não consegui emitir nenhum som. Comecei a entrar em pânico pensando que não voltaria a andar.  Então olhei para o lado direito da cama e pude ver 3 ou 4 seres que vestiam roupas escuras com capuzes cobrindo suas cabeças. Pude ver que os seus rostos eram muito enrugados e de cor preta brilhante.

Fonte: Chalker, Bill. Hair of the Alien: DNA and Other Forensic Evidence of Alien Abduction. New York, NY, Paraview Pocket Books, 2005.

Caso 3

Proximidades da cidade de Queretaro, México, 1991

Eduardo Martinez estava dirigindo por uma estrada próximo à  cidade quando o motor do veículo e os faróis repentinamente pararam. Saiu do carro e foi abordado por dois indivíduos que usavam uma espécie de macacão justo azul-escuro. Ele notou que os seres tinham olhos escuros, cabelos negros e a pele do rosto era muito enrugada.

Os humanoides comunicaram-se telepaticamente com ele, e lhe disseram que eram uma raça pacífica e não desejavam alterar as coisas na Terra. Entre outras coisas, disseram ainda que visitavam nosso planeta desde 1971 e, em diferentes épocas, levaram seres humanos para dentro de suas naves espaciais.

Fonte: Albert Rosales. 1991 Humanoid Case Reports.

Se você alguma vez teve uma experiência com seres cujos rostos eram enrugados, agora pode finalmente sentir-se a vontade para relatar o que viu. Como foi exposto nesta matéria, você nao está sozinho e … sim, esses seres, vindos de outros mundos, também parecem estar interessados neste planeta e nos seus “estranhos” habitantes.

Lembrando a interessante informação passada por uma alienígena nórdica que se apresentou como pesquisadora ou cientista ao agricultor francês Robert L. em 1969, depois dele ser levado a uma nave que apareceu por muitas semanas em sua fazenda, tendo inclusive sido vista por familiares:

Existe vida inteligente em TODO o nosso universo, e também EM OUTROS UNIVERSOS para onde eles viajam em missões de pesquisa…  a forma predominante dos seres é cabeça, tronco e membros, embora outras formas existam, mas são raras.

Se você teve alguma experiência ufológica ou conhece um caso envolvendo um amigo, familiar ou conhecido e não quiser falar abertamente aqui nos comentários do blog, escreva para o meu e-mail: guyana.luis@hotmail.com  

Manterei sigilo se você o desejar.

– PREDADOR

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.