Coronavírus está sendo responsabilizado por avistamentos de OVNIs

Tempo de leitura: 3 min.

Em 1989, uma onda de avistamentos de grandes aeronaves triangulares sobre a Bélgica estava causando um rebuliço diferente dos melhores avistamentos de OVNIs. Dezenas de testemunhas afirmaram ter visto as aeronaves em massa quando passavam a baixa altitude por várias partes do país, provocando interesse oficial e, finalmente, até uma tentativa de interceptação.

Coronavírus está sendo responsabilizado por avistamentos de OVNIs
Starlink fotografado passando pelo céu noturno perto de Santa Cruz, Califórnia (Crédito: Unsplash).

Agora, as autoridades belgas dizem que estão recebendo quase tantos relatórios de OVNIs quanto durante a famosa ‘onda’ tantos anos atrás … mas desta vez não são triângulos gigantes que as pessoas estão vendo.

O The Telegraph relata que “o coronavírus e o magnata da tecnologia Elon Musk foram responsabilizados por um número recorde de avistamentos de OVNIs na Bélgica”, observando que apenas nos últimos dias de março “mais de 50 belgas na Flandres relataram uma fileira de luzes em movimento voando de oeste para leste”.

As aparições são, é claro, da matriz Starlink Satellite de Elon Musk.

Um observador, um piloto acompanhado na época por seu copiloto relatou para mim:

Eu e meu copiloto vimos uma série de luzes, alto o suficiente para serem pontos únios e não um objeto, todas irregularmente espalhadas, mas numa linha perfeita, e todas com distâncias constantes, cobrindo na distância talvez 1/8 a 1/6 do arco do céu, movendo-se de aproximadamente 335 graus a 155 graus na bússola e visíveis por 20 a 30 segundos.

Então, sim, Elon Musk é o culpado por muitos avistamentos de OVNIs agora em todo o mundo, não apenas na Bélgica. Mas o que o coronavírus tem a ver com tudo isso?

O ângulo do The Telegraph aqui é que, com tantas pessoas presas em casa com ordens de se abrigarem, e até mesmo toque de recolher em algumas comunidades, mais pessoas ficam em casa à noite e muitas estão olhando para cima.

O fato dos belgas estarem vendo coisas incomuns nos céus também tem uma ligação óbvia com a famosa série de eventos que ocorreram no país décadas atrás, quando muitas pessoas relatavam observações de aeronaves triangulares estranhas – e muito grandes – de movimento lento .

Na madrugada, entre 30 e 31 de março, uma aeronave não identificada foi identificada no radar e rastreada pelas autoridades, levando a Força Aérea Belga a despachar um par de jatos F-16 para ver se eles podiam observar a aeronave. Nenhum dos pilotos disse ter visto a nave e nove tentativas separadas de interceptação não tiveram êxito, com os pilotos travando seus radares um contra o outro, em vez do objeto.

No entanto, até 143 pessoas se apresentaram nas semanas que se seguiram, alegando que também haviam visto a aeronave grande, bem como os F-16 aparentemente tentando persegui-la.

O incidente levou a uma resposta extraordinariamente receptiva de governos de toda a Europa, não apenas da Bélgica. David Clark, Ph.D., porta-voz do Partido Trabalhista na época, falou com o Sunday Express logo após as aparições, acusando o Ministério da Defesa britânico de descartar todo o caso.

Clark disse:

Eles têm informações oficiais gravadas e nossa opinião é que o Ministério da Defesa está sendo muito secreto. Eles deveriam ser muito mais abertos sobre esse assunto. Se não era um OVNI e era um bombardeiro Stealth, deriam nos informar.

Edward Ashpole, autor de The UFO Phenomena, disse ao Sunday Express que não havia aeronaves americanas conhecidas nos céus da Bélgica na época e que, mesmo existindo, nenhuma delas possui capacidade de voo como os supostos triângulos.

Ashpole afirmou:

O grande volume de relatos de testemunhas oculares, o rastreamento por radar e os relatórios da força aérea dificultam ignorar o caso.

Atualmente, os triângulos não são vistos com tanta frequência, embora na mesma época da onda belga houvesse inúmeras observações semelhantes em outras partes do mundo, especialmente no Reino Unido e nos EUA.

Embora esses avistamentos permaneçam inexplicáveis, o mesmo não pode ser dito para avistamentos dos satélites Starlink. Portanto, para pessoas de todo o mundo que olham para a noite e vêem uma estranha sequência de “OVNIs” passando por cima, não há necessidade de se preocupar: desta vez, podemos culpar Elon Musk e, sim, alguém pode até argumentar que a atual pandemia de coronavírus seja parcialmente culpada por isto.

(Fonte)


Vamos ficar atentos, pois é muito fácil diferenciar os satélites Starlink de qualquer outra coisa, pois esses se deslocam no céu em linha reta. A não ser, é claro, que agora os ETs decidirem colocar suas esquadrilhas em fila indiana para enganar os terráqueos 😁

Então pessoal, sempre de “olhos no céu… e pés na Terra!”

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.