Projeto SETI@Home entra em ‘hibernação’. Encontraram ETs?

Tempo de leitura: < 1 min.

A iniciativa de longa data do SETI de usar computadores domésticos ociosos para processar dados na busca por alienígenas foi interrompida.

Projeto SETI@Home entra em 'hibernação'. Encontraram ETs?
Após duas décadas de processamento de dados, o SETI@Home está fechando suas portas. Crédito de imagem: CC BY 3.0 CSIRO

Lançado em 17 de maio de 1999, o SETI@Home trabalhava pedindo aos participantes que executassem um software especial em seus computadores para que, quando a máquina estivesse ociosa, o poder de processamento adicional pudesse ser usado para processar dados astronômicos referentes à busca por vida alienígena.

O projeto utilizou o sistema Berkeley Open Infrastructure for Network Computing (BOINC) e foi hospedado pelo Laboratório de Ciências Espaciais da Universidade da Califórnia, em Berkeley.

Este foi um empreendimento bastante popular, com milhares de caçadores de alienígenas se inscrevendo para participar.

Agora, porém, 21 anos após seu lançamento, o SETI@home foi colocado em um estado de ‘hibernação’, porque dados suficientes foram coletados no momento e os pesquisadores agora estão procurando reorientar seus esforços na análise das descobertas e na redação de um novo artigo sobre o projeto.

O SETI escreveu:

Cientificamente, estamos no ponto de retornos decrescentes; basicamente, analisamos todos os dados que precisamos por enquanto. É muito trabalho gerenciarmos o processamento distribuído de dados.

Precisamos nos concentrar em concluir a análise de back-end dos resultados que já temos e escrever isso em um artigo de periódico científico.

Somos extremamente gratos a todos os nossos voluntários por nos apoiarem de várias maneiras nos últimos 20 anos. Sem vocês, não haveria SETI@home.

Estamos empolgados em concluir nosso projeto científico original e esperamos ansiosamente o que vem a seguir.

Certamente será interessante ver o que a análise final dos dados do projeto revelará.

(Fonte)

Colaboração: André F. Machado


Será que já descobriram o que queriam?

E não esqueça que na nossa página principal várias notícias são publicas todos os dias. Clique aqui para acessá-la.

n3m3

Compartilhe este artigo com a galáxia!

_______

ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)

_______

O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:


PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

[Devido a problemas técnicos, dispositivos móveis que acessam a versão amp (Accelerated Mobile Pages) do OVNI Hoje não terão acesso ao sistema de comentários Disqus. Neste caso, para acessar os comentários simplesmente acesse o site ovnihoje.com diretamente, e não por intermédio do sistema de procura. Estou trabalhando para tentar resolver esta questão.]

-------
-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.