Primeiro crime no espaço? NASA investiga astronauta por possível crime na ISS

Tempo de leitura: 2 min.


Uma batalha de divórcio entre pessoas do mesmo sexo na Terra parecem ter chegado à Estação Espacial Internacional.

Primeiro crime no espaço? NASA investiga astronauta por possível crime na ISS
Anne McClain (Image: NASA)

Um pequeno crime para a humanidade pode levar a uma investigação gigante para a NASA. A agência espacial dos EUA está investigando o que pode ser o primeiro crime cometido no espaço exterior.

De acordo com o The New York Times, a NASA está examinando uma alegação de que um astronauta acessou indevidamente a conta bancária de sua ex-esposa da Estação Espacial Internacional.

A astronauta Anne McClain é acusada de roubo de identidade e de acessar indevidamente os registros financeiros privados de sua esposa, enquanto estava em uma missão de seis meses a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS), segundo a reportagem.

A esposa de McClain, Summer Worden, apresentou uma queixa à Federal Trade Comission – FTC de Comércio de que McClain havia cometido roubo de identidade, apesar de não ver qualquer indicação de fundos transferidos ou gastos.

Worden, uma ex-oficial de inteligência da Força Aérea, apresentou a queixa no início deste ano depois de saber que McClain havia acessado sua conta bancária sem permissão. A família de Worden apresentou outra queixa com o Escritório do Inspetor Geral da NASA, segundo o jornal.

Enquanto isso, o advogado de McClain disse que a astronauta não fez nada de errado e acessou os registros do banco enquanto estava na ISS para monitorar as finanças combinadas do casal – algo que ela havia feito durante o relacionamento. O advogado disse que McClain estava monitorando a conta para garantir o bem-estar do filho de Worden, que eles vinham criando, usando a mesma senha para acessar a conta que ela tinha durante todo o relacionamento.

Investigadores da NASA entraram em contato com as duas mulheres, segundo o jornal.

McClain, que retornou à Terra em junho, ganhou fama por ser uma das duas mulheres escolhidas para uma caminhada histórica só feminina, mas a NASA descartou a caminhada planejada em março devido à falta de roupas espaciais bem ajustadas, provocando acusações de sexismo.

Worden disse que a FTC não respondeu ao relato de roubo de identidade, mas que um investigador especializado em casos criminais com o Escritório do Inspetor-Geral da NASA está investigando a acusação, de acordo com o Times.

A dupla casou em 2014, e Worden pediu o divórcio em 2018, depois de McClain acusá-la de agressão – um movimento que Worden argumentou foi parte de tentativas de longa data de McClain para obter a custódia de seu filho. Poucos meses depois, McClain foi ao espaço e, em seguida, Worden descobriu o acesso à conta bancária, informou o jornal.

(Fonte)


Aqui está sua dose de fofoca para hoje, neste caso, “fofoca espacial”.

Nada a ver diretamente com o tema do OH, mas já que aconteceu no espaço, por que não informar você?

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.