web analytics

Astrônomo descobre possível planeta ainda mais longe no sistema solar

Tempo de leitura: 1 minuto

* Conteúdo da matéria com veracidade comprovada, de fontes originais fidedignas. (Em se tratando de tese ou opinião científica, só pode ser garantida a veracidade da declaração da pessoa envolvida, e não o fato por ela declarado.) (Missão do OVNI Hoje)

Astrônomo descobre possível planeta ainda mais longe no sistema solar

Um novo objeto foi descoberto nos confins do nosso sistema solar e recebeu o nome de “FarFarOut” (algo que pode ser traduzido como “MuitoMuitoLonge“), de acordo com um proeminente astrônomo.

A 140 vezes mais distante do Sol do que o nosso próprio planeta, o corpo recém-identificado – se a sua descoberta for confirmada – se tornará o objeto mais distante conhecido em nosso sistema solar.

O recordista atual – um planeta anão a 120 vezes a distância entre a Terra e o Sol – foi batizado com o nome de apenas “FarOut” quando foi descoberto pela mesma equipe em dezembro do ano passado.

The latest discovery was made by Dr Scott Sheppard, of the Carnegie Institution for Science in Washington DC, who with his team is working on analysing astronomical data to track down a much mooted but as yet unspotted body known as Planet Nine, thought to have 10 times the mass of Earth.

Foi sugerido que o hipotético Planeta Nove, que acredita-se estar à espreita na distante nuvem de Oort, está exercendo uma atração gravitacional sobre objetos nas profundezas do sistema solar, inclusive sobre o recentemente descoberto planeta anão Goblin e outro objeto chamado Biden.

Sheppard disse que fez a descoberta do FarFarOut quando uma palestra que ele deveria dar sobre o trabalho de sua equipe foi adiada e ele voltou a analisar seus dados.

Ele disse, dando sua palestra remarcada em Washington DC na quinta-feira (21):

Esta notícia é super fresca. Ontem nevou, então eu não tinha nada para fazer, assim fui olhar alguns dos nossos dados.

Ele disse que o FarFarOut era um tanto misterioso:

É muito apagado; está no limite de nossa capacidade de detectá-lo. Não sabemos nada sobre a órbita deste objeto, apenas sabemos que está muito, muito longe.

Sheppard disse que mais observações estão prestes a lançar mais luz sobre esta descoberta.

(Fonte)


Seguramente, muitas outras surpresas nos esperam nos confins do sistema solar.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais.

O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS: