Apollo 18 e os enigmas lunares

Tempo de leitura: 2 min.

Excelente reportagem sobre o filme Apollo 18,  publicado por Pepe Chaves, editor do diário digital Via Fanzine e da Rede VF, com a colaboração de Márcio R. Mendes (SP):

Apollo 18 e os enigmas lunares

Longametragem propõe que a missão “Apollo 18” teria sido lançada

em dezembro de 1973 e financiada pelo Departamento de Defesa dos EUA.

Numa missão "desclassificada", dois astronautas vivenciam episódios insólitos na superfície lunar.

‘Mix’ de fatos & ficções

 Um dos filmes de ficção científica mais esperados do ano é “Apollo 18”, que traz uma elaborada trama astronáutica reunindo suspense e pavor num ambiente extraplanetário. Procurando mudar os rumos da história oficial esta grande produção do cinema aponta à uma versão conspiratória para a missão cancelada pela Nasa, alguns meses antes de seu lançamento previsto.

 Oficialmente, a Nasa declara que a missão Apollo 18 não existiu, já que o programa de viagens tripuladas à Lua teria sido encerrado após o lançamento da Apollo 17, em 17 de dezembro de 1972. Esta teria sido a última, de seis missões tripuladas que levaram 12 homens à Lua. Estas missões lunares foram executadas pela agência espacial americana, entre julho de 1969 a dezembro de 1972 – da Apollo 11 a 17, com exceção da missão 13, que não alunissou por pane na espaçonave.

Agora, este longametragem propõe que a missão “Apollo 18” teria sido lançada – em segredo – um ano depois (em dezembro de 1973) daquela que teria sido oficialmente a última. No filme,  dois astronautas americanos da Apollo 18 seguiram em missão secreta e financiada pelo Departamento de Defesa dos EUA, rumo à Lua em busca de um objetivo definido.

A produção mescla filmagens originais com efeitos especiais realistas, criando um clima de suspense e mistério, associado por alguns críticos de cinema a produções como “As Bruxas de Blair” e “Cloverfield”. Neste sentido, o que é apresentado impinge uma clara impressão de realidade, sobretudo, por conta do clima documental e de boa dose de casualidade sugerida em algumas tomadas, fotografias e passagens.

Efeitos especiais e imagens originais dão ar de realismo à trama.

Mistérios lunares

Enquanto a missão espacial Apollo 18 foi oficialmente cancelada, mesmo após de já ter escalada a sua equipe de astronautas, frustrando os anseios de servidores da Nasa e entusiastas das viagens tripuladas americanas, essa trama cinematográfica propõe que a dita missão zarpou, sim, silenciosamente para a superfície lunar.

E assim, os dois astronautas em “missão secreta”, descem na superfície lunar e acabam por se envolver em ocorrências bizarras e repletas de incógnitas numa determinada região do satélite terrestre.

Entre as curiosidades vivenciadas por ambos, está um achado sem explicações em solo lunar: um capacete do que seria um cosmonauta russo. O misterioso capacete traz as siglas da União Soviética (CCCP) e cujo visor está quebrado.

E, por conta das ocorrências insólitas dessa missão, a partir de então – de acordo com o enredo -, nem os EUA ou a antiga União Soviética “ousaram” elaborar novos planos para o retorno humano à Lua.

Apollo 18, o filme, tem produção do cineasta russo Timur Bekmambetov para a Weinstein Company, com direção do espanhol Gonzalo Lopez-Gallego e roteiro de Brian Miller.

Apollo 18 estreia nos cinemas dos EUA e do Brasil em 02 de setembro de 2011.

* Pepe Chaves é editor do diário digital Via Fanzine e da Rede VF.

–  Imagem: divulgação.

– Extra: clique aqui para assistir o trailer do filme.

————-

Nossos agradecimentos ao Pepe Chaves por esta excelente reportagem às vésperas do lançamento do filme.

n3m3


hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!