Cineasta afirma que temos naves intactas que não são da Terra

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 4 min.
Ouça este artigo...

O cineasta e jornalista investigativo Jeremy Corbell tem investigado o fenômeno OVNI há vários anos. Seu filme “Bob Lazar: Area 51 & Flying Saucers” acrescentou alguma credibilidade ao caso de Bob Lazar, permitindo que as pessoas lhe dessem outra chance de sua história. Sua contribuição para a compreensão dos OVNIs não pode ser negada e, portanto, ele entrevistou muitas pessoas autênticas que experimentaram os fenômenos.

Jeremy Corbell fez essas declarações para Russell Brand. (Captura de vídeo da entrevista)

Corbell surpreendeu os entusiastas de OVNIs com suas evidências sobre o fenômeno e as informações que recebeu enquanto estudava os OVNIs. Com sede em Los Angeles, Califórnia, ele é um artista contemporâneo e cineasta investigativo que conduziu pesquisas abrangentes sobre tópicos como nanotecnologia, exploração aeroespacial e sistemas de propulsão exóticos. Além disso, ele examinou minuciosamente a vida e as descobertas do misterioso “Padrinho da Conspiração” John Lear.

Corbell foi destaque na mídia de notícias como The Washington Post, CNN, Fox News, etc. Ele e o jornalista George Knapp são dois indivíduos que levaram o OVNI para a mídia mundial. Corbell foi o único civil nomeado durante a histórica audiência OVNI do Congresso dos EUA em maio de 2022.

Em 24 de janeiro de 2023, “WeaponizedPodcast.com”, apresentado por Corbell e pelo jornalista investigativo George Knapp, publicou uma imagem. Isso marcou a primeira vez que o público americano teve acesso a um OVNI designado em uma zona de conflito ativo, de acordo com Corbell, que também compartilhou a imagem com a Fox News Digital. A imagem preocupa os combatentes, pois eles não podem determinar a qual ativo ela pertence.

Corbell disse:

“OVNIs de controle inteligente são captados por radar, vistos por pilotos e engajados por nossos militares diariamente.”

Ele argumentou que “não há razão” para que o público americano não deva ver esses vídeos. “Essa filmagem nunca é divulgada ao público, a menos que vaze para os jornalistas”, disse Corbell, que explicou que o clipe de quatro segundos do “Mosul Orb” fazia parte de um briefing interno maior do Departamento de Defesa (DoD) para desestigmatizar os relatórios militares sobre OVNIs.

Corbell discutiu o Mobul Orb no programa de Russell Brand, revelando que obteve a filmagem exclusiva de um “OVNI capturado na zona de conflito” do briefing classificado dirigido por Jay Stratton, o ex-chefe da força-tarefa de OVNIs do Pentágono. Durante sua longa carreira trabalhando com várias agências de inteligência, Stratton pode ter visto mais arquivos ocultos de OVNIs do Pentágono do que qualquer um.

Stratton foi responsável por quase todas as atividades relacionadas a OVNIs de 2008 a 2021. Ele ocupou uma posição de destaque na Inteligência Naval e foi emprestado à Agência de Inteligência de Defesa, onde se especializou em engenharia reversa…

Corbell disse a Brand:

“Estou tentando colocar gasolina de volta neste fogo e garantir que eles tentem apagá-lo da maneira certa para o público americano e global… Este é um OVNI direto. Eles se certificaram de que não é um balão, eles se certificaram de que não é um satélite.

Se você vir o vídeo que espero que faça, ele se move do lado direito da tela para a esquerda, está sob controle inteligente e não é nosso, não é da China, não é da Rússia. Isto não é um balão, é uma máquina inteligente controlada que é avançada e não sabemos de quem é.”

Além disso, Brand perguntou a Corbell:

“Quão profundo você imagina que esse contato vai, você sabe, quando diz que o governo não quer que as pessoas vejam o orbe de Mosul? O que você imagina é o tipo de contato que eles tiveram? O que você acha que Reagan quis dizer quando disse na exibição de Contatos Imediatos que apenas algumas pessoas na sala sabem o quão real é essa coisa? Quão profundo você acha que o contato foi e você acha que influencia os eventos aqui?”

Corbell respondeu:

“Eu sei, com certeza, e foi provado para mim, sem sombra de dúvida, que temos naves e máquinas completas e intactas que estamos tentando fazer engenharia reversa. E eu vou apenas dizer isso, cara. Essas máquinas? Elas não são daqui. Quem as construiu parece ser uma inteligência não humana.

Eu sei, com certeza, que houve comunicações limitadas, ou comunicações, com quem quer que sejam esses construtores … vamos chamá-los apenas de ocupantes ou construtores dessas naves. Agora, estamos sendo informados da verdade, quando tivemos essas comunicações com esses construtores ou ocupantes, certo? E isso eu não faço ideia. Como eu poderia saber?

Mas sei que temos engenharia reversa, programas de exploração para tecnologia não terrestre, e apresentei testemunhas. Apresentei testemunhas, tanto publicamente quanto em particular, apresentei testemunhas… portanto, dentro do governo. As pessoas sabem quem são. E trarei muito mais pessoas que realmente trabalharam nessas tecnologias. Verificadas, genuínas, sem mistério. Elas fizeram parte desses SAPs de engenharia reversa – Programas de Acesso Especial. Então, olha, cara, está acontecendo.”

Corbell acredita que há algumas informações importantes sendo retidas sobre contato extraterrestre e tecnologias avançadas, que podem ter implicações significativas para nossa compreensão da realidade e nosso lugar no universo.

Ele sugere que a razão do sigilo é porque essa tecnologia pode ser armada e fornecer uma enorme vantagem ao país que puder replicá-la. Ele também menciona que esse tema está classificado no mais alto nível de Segurança Nacional, tanto nos Estados Unidos quanto em outros governos, e que estão sendo feitos esforços para estudar e replicar a tecnologia.

Na entrevista seguinte, Brand trouxe à tona o tópico Bob Lazar, dizendo que acredita que ele é legítimo, e perguntou a Corbell sua opinião sobre Lazar. Corbell disse que Lazar foi encarregado pelos militares dos EUA de fazer engenharia reversa de tecnologias não terrestres de uma nave espacial em estilo de disco.

Corbell disse:

“Conversei com outros funcionários que o viram chegar lá e descer do ônibus e descer até a S4, que é o nome do prédio onde ele trabalhava nessas tecnologias não terrestres. Tínhamos nove naves intactas.”

Corbell enfatizou que descartar a mensagem de Lazar atacando sua personalidade é um erro perigoso e que denunciantes como Lazar são importantes para trazer à tona informações confidenciais do governo. Ele alegou que o testemunho de Lazar é apoiado por evidências, incluindo avistamentos de outros funcionários. A história de Lazar é significativa porque lança luz sobre a alegada engenharia reversa de tecnologias alienígenas do governo.

Corbell acredita que OVNIs e alienígenas são apenas uma pequena parte de um fenômeno muito maior e misterioso. Ele sugere que o que estamos vendo pode estar mais próximo de uma viagem dimensional ou de uma realidade alternativa, em vez de máquinas de outros planetas. Corbell conversou com milhares de testemunhas oculares que compartilharam histórias que indicam algo maior do que apenas máquinas voadoras.

Ele cita o Skinwalker Ranch como exemplo, onde houve relatos de uma fenda no céu de onde surgiram seres e naves. Corbell argumenta que as mutilações de gado também fazem parte desse fenômeno e não podem ser separadas dos avistamentos de OVNIs.

[Para instruções de como ativar a legenda em português do(s) vídeo(s) abaixo, embora esta não seja precisa, clique aqui.]

(Fonte)


…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui para acessá-la.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar, pois cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

Lembre-se que as doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ❤️ Silas Raposo ❤️ Leopoldo Della Rocca ❤️ Egídia L dos Santos ❤️

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:


Jeremy CorbellOVNIsRussell BrandUFOs
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (0)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.