NASA mostra órbita de asteróides que podem ameaçar a Terra

Tempo de leitura: < 1 min.
A imagem divulgada pela NASA compara as órbitas de de um típico asteroide próximo da Terra (em azul) e um asteroide potencialmente perigoso (em vermelho), com a da Terra (em verde)
Foto: Nasa/Divulgação

De acordo com o site noticias.terra.com.br, a NASA divulgou nesta segunda-feira um diagrama que ilustra as diferenças entre as órbitas de um típico asteroide próximo da Terra (em azul) e um asteroide potencialmente perigoso (PHA, na sigla em inglês, em vermelho). PHAs são um subconjunto de asteroides próximos da Terra (NEAs) e têm órbitas próximas à do nosso planeta, chegando a cerca de 8 milhões de km. Eles também são grandes o suficiente para sobreviver à passagem pela atmosfera terrestre e causar danos regionalmente – ou em maior escala.

O Sol fica no centro da “multidão”, enquanto as órbitas de Mercúrio, Vênus e Marte estão em cinza na imagem divulgada. A órbita terrestre está destacada em verde entre Vênus e Marte. Como indica o diagrama, os PHAs tendem a ter órbitas mais semelhantes à órbita terrestre do que os asteroides próximos. As órbitas do asteroide são simulações de como pode ser o caminho de um objeto em torno do sol.

Os pontos ao fundo são baseados em dados do Neowise, o “caçador de asteroides” da NASA na missão Wide-field Infrared Survey Explorer, que varreu o sol duas vezes com luz infravermelha, antes de entrar em modo de hibernação em 2011. Os pontos azuis e laranjas representam uma simulação da população de asteroides próximos da Terra e PHAs, respectivamente, que têm mais de 100 m.

O Neowise forneceu a melhor noção geral até o momento dos PHAs, refinando as estimativas de seu número, tamanhos, tipos, órbitas e riscos potenciais. A equipe do Neowise estima que de 20 a 30% dos PHAs que se pensou existir foram efetivamente descobertos em maio de 2012.

 

Fonte: http://noticias.terra.com.br

Colaboração: Vergilio Neto

FotosNotíciasOvniHoje
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (17)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • Eduardo LBM

    Resumindo:

    Estamos bem em frente a alça de mira de um revólver que está participando neste momento de uma brincadeirinha inocente chamada “Roleta Russa”.

    Podem ser dados muitos tiros sem que nada aconteça, até que de repente:

    Kabum!

    • mago53

      Concordo com vc.! Deve ter alguém fazendo aquela brincadeira de circo, bolinhas na boca do palhaço. Já manjou quem são os palhaços, né? Abçs.

      • Silvio Alarcon

        Já ocorreu antes e pode ocorrer de novo!
        A história da Terra mostra que já houveram
        5 grandes condições de extinção, sendo o mais violento,
        até agora, a extinção do permiano…
        De todas essas extinções nenhum filo foi eliminado
        (as ‘matrizes’ prevaleceram…)
        O oxigenio q respiramos foi produzido por bactérias,
        há bilhões de anos: a vida microscópica proveu condições
        para a vida mais complexa (mega fauna, nós!)
        Há 65 milhoes de anos um evento como esse
        mudou a ‘sorte’ dos mamíferos, e aqui estamos nós!

        Saudações nobres amigos.

        • spic

          Perdoem-me os céticos, mas creio num Ser Supremo que realmente é O Grande Arquiteto do Universo, popoularmente conhecido como Deus. No passado, o”Grande Asteróide” foi a ferramenta que Ele usou para uma mundança muito importante na Terra para que se abrisse a oportunidade da evolução material de um organismo capaz de ser o invólucro de espíritos mais evoluido, ou seja, nós, humanos, para o prgresso de Sua obra. Se tiver que acontecer de novo, será pelo mesmo motivo.

          • caiomrmello

            Concordo com você Spic. Sempre digo que a melhor forma de conhecermos o mundo em que vivemos é unir os conhecimentos “científicos” com os conhecimentos espirituais, que nem por isso deixam de ser científicos também, já que foram provados de maneira inconteste, apesar de não divulgados pelos céticos. Estamos no limiar de uma nova era e para essa transformação, milhões ou bilhões de espíritos precisarão deixar esse planeta, indo encarnar em mundos apropriados à sua evolução. Para que isso aconteça, será preciso um evento natural de grandes proporções, na qual os poucos que aqui permanecerem, precisarão de muita força intelectual e moral para a reconstrução. Por isso divulgo essa palestra (www.peallankardec.org). Um abraço.

        • mago53

          Nunca tive dúvidas de q. caso ocorra algum evento catastrófico, a raça humana sobreviverá! Abçs.

  • elsonSCCP

    E o Sol está lá no centro apenas observando e rindo da gente,livre de qualquer asteroides ou coisas que possam lhe fazer mal,afinal ele é o maior né seu Sol.

  • Johnny

    Que eles vão se encontrar com a gente é fato.
    Só nos resta saber quando e com quais proporções!!!!

    • TheBode

      Aaaarrrrgth! Corram para as…! Xá prá lá, não vai adiantar…

  • Ramonlemos

    Incrível , que só é nos dado, informações de catástrofes, ou possíveis catástrofes .
    Eu nunca li em nenhum lugar , um plano de sobrevivência para uma possível catástrofe .

    Aew alguém que esteja lendo minha resposta , pensa ( mais tem muita gente no planeta terra , não dar pra salvar todos ) .

    Bom , salvar todos eu não sei, como, o que eu sei é que é gastos milhões de dólares em futilidades , em pura bobagem se colocar na ponta do lápis , as guerras, é um grande exemplo .

    Meu povo e minha pova , essa nasa é uma baita de uma sacana ! Obvio que um dia vai acontecer umas grande catástrofe , obvio !
    Se a elite quisesse salvar todos , salvaria sim senhor.
    Quem sabe essa onda de turismo a marte não seja ja uma pre seleção hiem …
    Só quem vai, a esse turismo são pessoas ricas , e curiosas em quer visitar o universo , ou seja rica , rica = inteligente , ninguém consegue dinheiro honesto sem ser inteligente pra fazer dinheiro .
    Se ela é inteligente pra fazer dinheiro honestamente , então essa pessoa é culta e é uma pessoa evoluída, pelo menos em cultura .
    BOm essa é uma teoria do achismo … ta ae a minha …

  • Doidim2011

    Este vermelho baton, mais perto de se chocar, estaria sendo dirigido por uma mulher?
    (brincadeirinha…)

    • marcos

      nao entendi esses 8 milhoes kil. seria a distancia que +- eles passam??

  • Tiago Tks

    Notícia para alegrar os apocaliptícos … =)

    • ycatu

      Eu sempre pensei que essas revoadas de astronautas e cosmonautas, essas estações orbitais recebendo equipes e cargas de alimentos são realmente um ensaio, um treinamento para a futura salvação de um grupinho de privilegiados da elite que manda no Planeta Azul, no caso de uma catástrofe decorrente de explosão atômica ou da trombada de um asteroide com a Terra.. Aí, quando baixar a poeira, eles retornarão para começar tudo de novo, entre baratas e escorpiões que escaparam. Duvido que hão de pegar no cabo da enxada – se é que eles sabem o que é isso – para plantarem um roçadinho e uma horta perto de casa do contrário hão morrer de fome!!! A não ser que queiram me levar, pois eu entendo da matéria! Então vou ensinar a eles com quantos paus se faz uma jangada!
      PS: Como o texto acima foi escrito de mim para mim mesmo, acho que somente eu posso palpitar sobre ele. É ou não é? Mesmo assim estou na dúvida. Ou então convido os iluminados navegadores deste site para exararem as devidas considerações.
      Saudações astronômica

  • 666Dark

    Não estou nem um pouco preocupado! A Terra não é minha mesmo né ? Os “donos” que se preocupem!