Formações Circulares em platô – Caeté/MG (ATUALIZAÇÃO: 19/1/2012 – 21h55min)

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 2 min.
Ouça este artigo...

ATUALIZAÇÃO:  19/1/2012 – 21h55min

Veja  um dos vídeo enviados por deSanttis:

n3m3

——–

ATUALIZAÇÃO:  13/1/2012 – 22h45min

Foto com melhor resolução. (Clique na imagem para ampliá-la.)

O jornal da área onde ocorreu o incidente, publicou uma nota a respeito das formações. Veja, clicando no link: www.caetenews.com.br

n3m3

Colaboração: deSanttis

———

(12/1/2012 – 00h05min)

Nosso leitor deSanttis, nos enviou o seguinte relato, acompanhado de fotos:

“Cidade de Caeté/MG.

Estamos numa região montanhosa e rica em minérios. Anteontem, (4/1/2012) pela manhã, o pai de um amigo e sua esposa estavam fazendo uma caminhada pela zona rural do município e se depararam com estas formações circulares, uma dentro da outra, com distâncias perfeitas entre si.

Ontem, fui informado sobre esse fato. Mesmo cansado após uma viagem internacional, retornei ao local com os dois. O local fica num platô por cima de um monte, de onde se pode ver a Serra da Piedade e todo o município pelo alto. Fiquei muito intrigado com isso, pois não havia rastro de máquinas no local e nem pessoas. O local é de dificílimo acesso e creio que nenhuma máquina conseguiria adentrar ao local, sem deixar rastros evidentes.

Cogitaram que motocicletas teriam feito tal coisa, mas medindo o raio das circunferências e a perfeição com que se conformaram, acho que mesmo o motociclista mais habilidoso não iria conseguir fazê-lo e nem a motocicleta mais longa de todas, devido o tamanho das circunferências.

O casal tirou fotos no primeiro dia, onde os sulcos circulares estavam mais profundos. Estamos enfrentando chuvas fortes aqui em Minas Gerais, por isso, ontem quando fui até o local, parecia que os sulcos estavam mais rasos. Fotografei pelo celular e também filmei.  

Importante ressaltar que as plantas que estavam dentro das circunferências estavam amassadas, parecendo que algo “pousou” por cima delas.  Estamos providenciando uma cópia das primeiras fotos que estão mais nítidas.

Pesquisei na internet e vi casos semelhantes de Agroglifos no Brasil e no exterior…”

 Veja as fotos que acompanharam o relato, clicando nelas para ampliá-las:

 

n3m3

Colaboração: deSanttis

FotosOvniHojeRelatos
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (70)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.
  • melias

    Seria interessante recolher amostras de terra e plantas, tanto dentro dos círculos como fora, a uma distância de poucos metros para servir de amostra padrão.

    Abraços!

  • Dinossaurius

    não imagino nenhuma maquina que faria marca assim..

  • Baldini

    Bom, primeiro os amigos que tiraram a foto precisam cuidar para que elas não saiam tremidas, pois qualquer avaliação do material já é inválida com a qualidade das mesmas. Depois seria interessante como disse o amigo melias recolher amostras para análise. (o problema é encontrar alguém que analise o material, pois hoje em dia ninguém compra a briga…)

    • melias

      Se houver material para análise eu consigo um laboratório que o faça e banco os custos (que não são tão altos). Também seria interessante obter também medidas de radiação dentro do circulo e no entorno.

      • marcus

        Gostei da sua atitude Melias. Sua colaboração para executar as análises de solo serão muito importantes para a conclusão dos fatos. Parabéns!

        • melias

          Olá Marcus; Precisamos tomar este tipo de atitude para não ficarmos eternamente lendo estudos feito por outros e ainda colocando dúvidas numa ou outra parte. Creio que aqui neste grupo dispomos de muita gente que tem conhecimento científico e algum dinheiro no bolso para patrocinar ao menos em parte a investigação de novos casos. Precisamos renovar as pesquisas e os pesquisadores (sem desmerecer ninguém).
          Abraços!

          • jrdesanttis

            Um fato interessante em se tratando de radiação foi a primeira filmagem que fiz, poucos minutos antes da filmagem mais longa. Ela parecia estar sob interferência de algum tipo, apagando pelo menos umas duas vezes. Quando então a interrompi. Voltei a filmar de longe e fui me aproximando devagar, quando então consegui filmar sem interferência.

            Talvez tenhamos absorvido um pouco da radiação que ficou no local e já na segunda filmagem, tenhamos conseguido filmar sem interferência.

            Como disse lá embaixo no post hoje, vou mandar essas duas filmagens pro Luiz amanhã. Vocês vão ver que não existe fraude.

            JR

        • Adalbs

          Poderia junta o conhecimento do povo aqui e criar um grupo para analise de casos assim.

          Um ja se ofereceu para analise de material, oque falta apenas alguem proximo da região, gastar um poco de tempo, pra fazer este material chegar nas mão do melias.

          Se for questão de custos basta o n3m3 disponibilizar um botão de doação, e mostrar o valor necessario que cada um ajudando noque puder alcansamos mais rapido doque pensamos.

          Até mais

          • MD1

            disponibilizando um botão de doação doarei imediatamente.

  • Mcnaught

    Interessante. Na medida do possível vou acompanhar esse caso.

    Eita Minas Gerais. Sempre tem uma “coisinha´´ por estas bandas rs.

    Fiquei sabendo que existem pessoas que possuem um excelente material relacionado a avistamentos e relatos. São pessoas de idades diferentes e que não possuem internet. E nem ficam se autodenominando Ufólogos. Um rapaz contou para um camarada meu que conseguiu ver o material de um Senhor e ficou espantado com as fotos que o senhor possui.

    Eu tenho imensa vontade de ir para Varginha. Porque fiquei sabendo que existem pessoas que possuem relatos os quais não saiu na imprensa. Estariam essas pessoas mentindo? Estariam elas aumentando as coisas relacionadas ao ocorrido? É possível. Mas, eu gostaria de checar e até mesmo observar os locais.

    No fim das contas, ir lá pode até valer como passeio rs. Um rôle diferente rs.

    Quem for de SP e estiver a fim de rachar umas despesas ae rs. De repente até formamos um grupo para irmos todos juntos rs.

    Um pouco de pesquisa de campo seria bom rs. Ei, OvniHoje patrocina a gente ae rsrs.

    []´s

    • LokoLukas

      Muito interessante mesmo, eu no momento dou todo o meu apoio MORAL kkkk.
      Agora, considerando os casos ufológicos de Minas, que são sem dúvida, parte indispensável na contribuição para a ufologia mundial, acho isso uma grande idéia fazer uma visita de pesquiza em Varginha e colher novas informações no que diz respeito a uma atualização do famoso caso do ET de Varginha, bem como, uma retrospectiva do caso englobando depoimentos recentes que repercurtem por lá e não estão na imprensa. Interessante mesmo.

      E depois postar aqui no OVINIHOJE no dia 20 de janeiro, aniversário do caso Varginha. É uma sugestão para o N3M3, e com certeza milhares de pessoas vão agradecer, eu inclusive, por que a curiosidade é grande e aquela história sabemos que ainda não chegou ao fim.

      Sorte no patrocínio.

      • Mcnaught

        E ae? Vamos lá dar um rôle e fazer umas perguntas rs?

        Também acho que não teve fim. Quem sabe num é a gente que o “destino´´ esta aguardando para apontar certas coisas (peças) que de repente estão mesmo faltando.(?)rs. A gente leva o Sr. Arnaldo aqui do blog. Acho que é ele que ja possui uns contatos por lá.

        Eu só poderia ir no mês de Maio rs. Alias, eu acho que irei mesmo rs. Isso caso nenhuma BIG novidade num apareça em outro local rs.

        Obrigado. Vamos ver ae se eu ganho esse patrocinio rsrs.

        []´s

  • JHONY VIKTOR

    Putzzz, a qualidade da imagem esta horrivel… o Cara faz viagem internacional, e não tem uma câmera de qualidade… com essa imagem não da para ver se são circunferências ou espiral. Porque se for espiral, pode sim ser uma motocicleta.

    • jrdesanttis

      Jhony,

      São circunferências completas e totalmente simétricas. Medimos com varetas de pau a distancia entre elas. Exatamente as mesmas. Olhei no centro do circulo, para ver se alguém havia fixado um eixo, mas não havia nada.

      E na boa: Nem se o motoqueiro fosse um Jorge Negrete da vida, não conseguiria fazer zerinhos tão profundos, sem jogar terra pra fora e tão simétricos. E outra: os Círculos possuem raios maiores que qualquer moto conhecida!

      Com relação a qualidade das fotos, já esclareci no post abaixo!

      JR

  • Alguem

    Ou o fotógrafo era muito mau ou teve intenção de esconder as marcas raspadas na terra enlameada…

    • jrdesanttis

      Já respondi no post abaixo . . .

  • Torá

    Tem tudo para ser a marca deixada por um óvni, levando em conta o difícil acesso e a dificuldade de se fazer círculos tão perfeitos.

  • Mcnaught

    Observações: Leiam o Post.

    A pessoa chegou de viagem, pelo visto deixou a bagagem e foi atender o chamado do tal amigo. As fotos foram feitas pelo “Celular.´´ E fotos de aparelhos celulares geralmente e na imensa maioria das vezes ficam exatamente como estas fotos estão. Nem é mencionado se a pessoa é um fotografo profissional e tals.

    As fotos feitas através de um “celular´´ estão apagando (para alguns observadores) detalhes interessantes como este: “o raio das circunferencias e a perfeição com que se conformaram.´´

    Lembrando também que a marca ja “tomou´´ chuva. Sim, conforme mostra nos noticiarios, Minas esta sendo castigada com tanta chuva.

    []´s

    • luexdernum

      olhando as fotos assin fica dificil msm de avaliar ………..
      e tem todo o barato da chuva ,mas nao acredito q alguem forjou
      esses circulos ……
      a melhor ideia e sua fera so uma pesquisa de campo poderia msm
      finalizar este caso ……paz

    • Bryan

      Concordo. Mas no post também fala que um casal também tirou fotos do local. Aí fiquei com a dúvida, se as fotos mostradas são do casal, ou são da pessoa que tirou fotos do celular? E o casal tirou fotos com uma Tekpix( hehe 🙂 )ou celular?

      Enfim fiquei com dúvidas, mas concordo com você Mcnaught.

      • Mcnaught

        A resposta esta no Post rs.

        O casal tirou foto “no primeiro dia.´´ E na parte final onde diz: Estamos providenciando uma cópia das primeiras fotos que estão mais “nitidas.´´

        Ou seja, creio eu que ele até sabe que as fotos do celular estão ruins. Mas, que sabe da importancia de publica-las mesmo assim. E foi o que ele fez.

        Agora, pela explicação dele, que as outras fotos ficaram mais nitidas, e ele postou as do seu aparelho, então significa que ele não pegou o aparelho das outras pessoas rs. Acho que são celulares também. Se fosse uma camera fotografica as pessoas emprestariam para ele baixar as fotos creio eu rs. Quanto a isso também tenho dúvida rs.

        Grande Abraço Bryan.

        []´s

        • Bryan

          Hum, é verdade 🙂 . Quanto a segunda duvida que tive, acho que talvez saberemos mais pra frente rs.

          Abraço.

        • jrdesanttis

          Obrigado Mcnaught pelo apoio. As fotos não foram reveladas a tempo de eu mandar para o Luiz. Mas estão no link da reportagem do jornal local . . .

          • Mcnaught

            Por nada meu nobre camarada.

            Eu que agradeço a você por compartilhar com a gente.

            Grande Abraço.

            []´s

  • Sarah Connor

    Né por nada não, mas tá me parecendo cimento derramado nas “voltas”, tipo como se ali estivesse sendo usado como local para fazer a masseira. Sei lá, foi a minha impressão…
    Bjo, cumDeus.

    • Hannah

      Sabe que eu olhei e pensei a mesma coisa?! Já que se trata de um local ermo e de difícil acesso, deve ser uma masseira de cimento para futura pavimentação de uma pista de pouso de naves [observe o formato circular], já que o aeroporto está distante. Afinal 2012 finalmente chegou e faço votos que esta pista esteja pronta antes de Dezembro deste ano para o possível o retorno dos Maias e sua comitiva! 🙂

  • melias

    Será que ninguém que frequenta o blog mora lá por perto?
    Este caso merece uma pesquisa mais profunda, com fotos nítidas e detalhadas assim como as amostras das quais falei antes.
    Sinceramente eu dou crédito ao depoimento, porque as fotos não me dizem muita coisa.

    Abraços!

    • carlos.s.

      Oi melias vou aproveitar o seu comentário, todos sabemos o caráter anômalo dos círculos ditos “autênticos”, como a radiação residual presente,ou anomalias eletromagnéticas.Se alguém chegar num desses com uma bussola já ajuda né.abraços…

  • Lightium

    Caros amigos.

    Desconheço câmera digital ou celular que tira fotos com tão baixa qualidade. Até mesmo estas câmeras de 30 reais, geralmente chamadas de “Breeze Cam” ou algo parecido, conseguem captar imagens melhores.

    A não ser que o autor tenha utilizado uma câmera digital fabricada há 30 anos ou uma daquelas que tira fotos instantâneas entalhadas na pedra, não consigo entender o porquê das imagens estarem disponíveis apenas neste nível de definição.

    Mesmo assim ainda considero as marcas bem interessantes e acho que este caso merece uma análise mais detalhada.

    • Lightium

      Ops, com todo respeito ao autor. Não tinha visto que era participante aqui do fórum. 🙂

    • joaqmarc

      Acima ele explica que as filmagens sofriam interferencias magneticas chegando inclusive a serem apagadas. Pode ser essa a causa.

  • Maneco

    Puxa! Nem com um celular vagabundo eu consigo tirar fotos tão ruins assim, parece que quem as tirou tem mal de parkinson.

  • Luiz Ferreira

    Boa Noite: acho que o pessoal ai deve entender muito de camera de celular, me parece que a maior preocupação esta no celular ou no fotografo. tenho uma sugestão se não conhecem o local,a Cidade onde foi tirada a foto de uma boa olhada La pelo GOOGLE EARTH voces vão achar muitas coisa interessantes no local. Tem AERONAUTICA OBSERVATORIO Alguma coisa mistica e local de peregrinação, tem muitos morros casa com piscinas minerios me parece um local ideal para os ETs, eu achei muito interessante, ainda vou neste lugar, Boa Noite a todos.

    • melias

      Sabe de uma coisa Luiz, quando entra na sopa este tal de misticismo…. Pra mim perde 30% em credibilidade o caldo.

      Abraços!

      • Luiz Ferreira

        Ola Melias.
        Bom Dia, Desculpe ache que não me esprecei bem, eu não quis relacionar o caso com mistico, eu diz para olharem no local do fato das fotos (na região) que iriam encontrar tudo aquilo que mensionei, Eu tambêm não creio nesta relação de mistico. Este tal mistico fica na cabeça das pessoas que sente isto sem nenhuma influencia sobre quem não a sente.
        TUDO DE BOM; Abraços.

        • Luiz Ferreira

          Desculpem tambêm os meus erros de portugues.

          • melias

            Amigo Luiz;
            Acho que fui eu quem se expressou mal, as informações que passou sobre o local são importantes, inclusive o fato de ser um local místico; E justo por isso perde um pouco da credibilidade pois pode ser algo forjado pelos adeptos do misticismo.
            Um grande abraço e não se acanhe em comentar, estamos aqui para trocar informações e aprender uns com os outros!

  • Sete de Setembro

    Pq as fotos estão desfocadas? Será que foram fotografadas correndo ou foram desfocadas depois no photoshop?

  • Sarah Connor

    Agora sim! A foto que está no link que o Neme postou – na atualização – tá beeem melhor.
    Conclusão: não sei o que é, mas voto em ovet.

    • Homem do Universo

      é isso aí,Sarah.

  • carlos.s.

    alguém deveria dar uma passadinha com um contador Geiger-Müller por lá…abraços…

  • duarte

    Boa noite , vou postar um caso oficial de Caetê disponível nos doc liberados da FAB e disponível no site http://www.fenomenum.com.br/ufo/governo/brasil/minas.htm .
    O Controle de Tráfego Aéreo de Belo Horizonte, Minas Gerais, é um dos mais movimentados do país. São centenas de pousos e decolagens nos aeroportos da Pampulha e de Confins, também conhecido como Aeroporto Internacional Tancredo Neves. Estes dois aeroportos são os dois principais do estado e estão localizados na região de Belo Horizonte.

    Além dos vôos comerciais normais e militares comuns eles estão às voltas com a presença de outras aeronaves não identificadas. Vários casos são registrados todos os anos. Em 1988, um ocorreu um destes registros e envolveu vários aviões comerciais, um piloto da FAB a bordo de um tucano T-27 (do mesmo tipo utilizado pela Esquadrilha da Fumaça) e os controladores de vôo da Torre de Confins.

    O episódio teve início quando os controladores detectaram, através de radar, a presença de um objeto voador sólido sobre a região da Serra da Piedade, perto do município de Caetés (MG). O registro foi confirmado por pilotos comerciais que voavam na região. Mais tarde o piloto de um avião da Nordeste Linhas Aéreas (NLA) observou e reportou a presença do estranho objeto. O avião estava vindo de Ipatinga com destino ao Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. O piloto de um Tucano T-27 que ouvia a comunicação entre o avião e a torre de controle informou que iria averiguar a natureza do objeto. Ao chegar no local ele relatou à torre que o objeto era um um pouco maior que um avião 747 e tinha formato discóide. Ele possuía uma câmera fotográfica e resolveu fotografar o objeto. Após documentar o objeto ele seguiu para o aeródromo militar de Lagoa Santa. Chegando no local o filme foi apreendido pelos oficiais da base que provavelmente o remeteram ao Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (COMDABRA), em Brasília.

    Em maio de 1995, ocorreu outro evento interessante. Desta vez envolvendo um Fokker 27, da companhia Brasil Central, que avistou e reportou ao controle a presença de um OVNI abaixo de sua posição. Tinha formato discóide e estava posicionado próximo à uma lagoa. Em novembro do mesmo ano outro piloto informou estar avistando um OVNI quando preparava-se para aterrissar no Aeroporto da Pampulha. O avião, um Beechcraft 200, que havia decolado de São Paulo, reportava a presença de um imenso farol que o seguia. Ele contatou os controladores que declaravam não existir nenhum outro avião nas proximidades que justificasse a presença da luz.

    Em janeiro de 1996, vários funcionários do aeroporto da Pampulha avistaram um objeto luminoso sobrevoar a região do aeroporto por volta das 4 horas da manhã. Um outro objeto foi avistado pelos funcionários da INFRAERO. Neste mesmo mês ocorreu o famoso caso Varginha, na cidade de mesmo nome, quando pelo menos duas criaturas não identificadas foram capturadas pelo exército brasileiro.

    Nos meses seguintes, várias pessoas avistaram OVNIs nos céus de Minas Gerais. Vários ligaram para a torre de controle dos aeroportos locais solicitando informações. Em 26 de fevereiro foi a vez de um comandante da VASP, que seguia para Guarulhos, relatou a presença de um objeto luminoso, de coloração azulada, à direita de sua aeronave. Tal objeto não foi captado pelos radares. No dia seguinte foi registrado mais um contato visual com OVNIs na proximidades do Aeroporto da Pampulha. O relato partiu do comandante de avião da TAM que preparava-se para aterrissar no aeroporto. Novamente neste caso o radar não detectou o objeto que estava sendo avistado a partir de um avião comercial.

    Em janeiro de 1998 ocorreu outro caso, desta vez envolvendo um avião da Total Linhas Aéreas que fazia um vôo entre Belo Horizonte e o Rio de Janeiro. O comandante do vôo avistou um objeto luminoso que fazia evoluções nas proximidades de sua aeronave. Ele informou ao CINDACTA I, de Brasília, a presença do objeto.

    Estes casos foram tornados públicos através de um militar e publicados na Revista UFO nº 78, de Agosto de 2001. No artigo Evidências Secretas Confirmam Contatos com UFOs em Minas, são expostos alguns dos casos que ocorrem com muita freqüência no Sistema de Tráfego Aéreo Brasileiro, mas que não são divulgados ao público.

    Outros casos envolvendo aeronaves comerciais e OVNIs ocorreu em Varginha, cidade que foi palco de um dos mais pesquisados e documentados casos ufológicos nacionais. Nesta cidade, o exército capturou pelo menos duas criaturas não classificadas biologicamente. Após o Caso Varginha a cidade continuou sendo palco de ocorrências ufológicos. Desta vez o epicentro foi o Aeroporto Brigadeiro Trompowsky que está dentro da aerovia W 45, que liga São Paulo a Belo Horizonte. Em diversas ocasiões OVNIs foram registrados pelos controladores de vôo, detectados por radar sobre a região e avistados a partir de aeronaves. Um exemplo é o fato ocorrido em 2 de maio de 2000, quando um objeto não identificado foi observado pairando sobre o aeroporto. Alguns dias depois, em 23 de maio, uma aeronave da PANTANAL aproximava-se para pouso. Pouco antes do horário previsto um comandante de uma aeronave da VARIG, que passava pela região, perguntou aos controladores se havia algum outro avião nas proximidades. Outras pessoas presentes no aeroporto neste horário avistaram um objeto que manobrava nas proximidades da cabeceira da pista de pouso logo após a aterrissagem do ATR-42 da PANTANAL.

    Um outro caso semelhante ocorreu em 1984 quando um avião cargueiro da TAM preparava-se para pouso no aeroporto da cidade. O comandante solicitou à torre informações sobre a presença de outro avião a frente dele, o que foi negado pela torre de controle. Com a insistência do comandante do vôo um dos controladores de vôo saiu da torre e avistou um grande objeto luminoso nas proximidades da cabeceira da pista do aeroporto. O piloto do avião decidiu continuar seu trajeto de pouso entrando em rota de colisão com o objeto. Quando o avião estava bem próximo do OVNI este acelerou rapidamente até desaparecer.

    Com o uso da Internet estes fatos começam a se tornar mais conhecidos. Em fóruns ufológico e aeronáuticos estes fatos vem sendo expostos com mais regularidade. Além disso, as transmissões de alguns centros de controle são divulgadas na Internet. Basta que os pesquisadores sérios e todos aqueles interessados nos registros destes casos sintonizem as estações de escuta e, munidos de programas específicos, gravem as conversações entre as torres e as aeronaves em contato visual ou radar com OVNIs.
    Abraços minerim Duarte.

  • melias

    Bela contribuição Duarte!

  • jrdesanttis

    Saudações, Amigos!!!

    Fui eu quem fiz o primeiro contato com o Luiz N3m3 e lhe enviei as fotos e o relato.

    Gostaria de esclarecer alguns pontos:

    1)Foram tiradas fotos melhores em câmeras com filme, o que dá maior credibilidade. Estamos tirando cópias e qualquer técnico meia boca conseguirá ver que não são forjadas;

    2)Como disseram, fui chamado às pressas. Que tipo de ser humano anda com uma câmera digital a todo tempo? Outra coisa: As fotos do celular ficaram boas. Porém, como sabemos, quando se aumenta o tamanho delas para exibição, perdem em qualidade, não é mesmo?

    3) Se quiserem ver as fotos de filme que foram anexadas na reportagem do jornal local, acessem o site: http://www.caetenews.com.br/blog/ultimas.phpindex.php?itemid=4247 .

    Conversem com o Paulo Antônio, dono do jornal e perguntem pra ele! Ele também esteve no local e inclusive foi à prefeitura perguntar se máquinas estiveram no local, visitou propriedades vizinhas, etc. . .

    4) Como havia falado para o Luiz, tenho a filmagem, que está bem nítida. Vou ver se mando através de uma LAN HOUSE com internet mais rápida para o Luiz N3m3 o mais rápido possível para que sejam anexadas à reportagem, juntamente com as fotos de filme scaneadas.

    Ass: J.R. de Santtis

    • Sarah Connor

      Que show. Vou esperar ansiosamente que o Neme disponibilize aqui pra gente.
      Muito legal você ter filmado tudo!

  • Calibre 38

    ainda estou no aguardo de aprofundamentos e novas fotos e filmagens dessa situação

  • duarte

    e como anda as pesquisas de material coletado , estou ancioso . Minas gerias é cheia de historias intrigantes

  • jrdesanttis

    Pessoal, já mandei as filmagens pro Luiz N3m3 ontem. Agora, é esperar ele postar pra gente aque no site. Abraço,

    J.R. de Santtis

  • Homem do Universo

    Gentileza gera gentileza!
    Quando você conseguir superar graves problemas de relacionamentos,
    não se detenha na lembrança dos momentos difíceis, mas na alegria de haver atravessado mais essa prova em sua vida.
    Quando sair de um longo tratamento de saúde, não pense no sofrimento que foi necessário enfrentar, mas na bênção de Deus que permitiu a cura.
    Leve na sua memória, para o resto da vida, as coisas boas que surgiram nas dificuldades.
    Elas serão uma prova de sua capacidade, e lhe darão confiança diante de qualquer obstáculo.
    Uns queriam um emprego melhor; outros, só um emprego.
    Uns queriam uma refeição mais farta; outros, só uma refeição.
    Uns queriam uma vida mais amena; outros, apenas viver.
    Uns queriam pais mais esclarecidos; outros, ter pais.
    Uns queriam ter olhos claros; outros, enxergar.
    Uns queriam ter voz bonita; outros, falar.
    Uns queriam silêncio; outros, ouvir.
    Uns queriam sapato novo; outros, ter pés.
    Uns queriam um carro; outros, andar.
    Uns queriam o supérfluo; outros, apenas o necessário.
    Há dois tipos de sabedoria: a inferior e a superior.
    A sabedoria inferior é dada pelo quanto uma pessoa sabe e a superior é dada pelo quanto ela tem consciência de que não sabe.
    Tenha a sabedoria superior.
    Seja um eterno aprendiz na escola da vida.
    A sabedoria superior tolera; a inferior, julga;
    a superior, alivia; a inferior, culpa;
    a superior, perdoa; a inferior, condena.
    Tem coisas que o coração só fala para quem sabe escutar!

    • Jonas lee

      muito bom o que você escreve leio muito seus comentarios

  • Sarah Connor

    Aaai, só tô conseguindo o áudio. O vídeo não aparece!

    • Bryan

      Sarah eu consegui ver 🙂 , mas aparece um branco na frente de vez em quando. Mas mesmo assim bem legal, as marcas realmente estão muito perfeitinhas em termos de distância uma pra outra, e os circulos estão bem redondos rsrs, algo interessante aconteceu ali.
      Bom, e já que o seu não aparece, tente ver o video pelo youtube, talvez você consiga ver.

  • Forest da Vinci Gump

    Estou sendo censurado!

    Entendo que as minhas respostas não SÃO TÃO OFENSIVAS das quais RECEBO!

    Apenas lamento!

    Esse és um dos casos que não são faceis de explicar!

  • Sarah Connor

    Oi Bryan, eu tomei o ipod da minha filha pra ver se dava certo…e deu,rs, modos que eu consegui ver o vídeo. Depois de quase ter um ataque epilético com aqueles brancos 🙂 eu fiquei bem impressionada com as marcas, sim.
    Como disse o Neme: tomara que sejamos invadidos (mas que eles sejam do bem) 😆

    • Bryan

      kkk, que os ets te escutem, ou melhor, visitem o ovnihoje e vejam o que você escreveu 😀 . Aliás, sábias palavras do Neme em hehe, somos três, querendo uma invasão.

    • Enan Matthewz

      4 querendo uma invasão e espero que expliquem sobre alguns avistamentos que nunca tiveram explicação

      • Torá

        5! venham! venham! venham! \o/ / \*/ \@/

        • duarte

          6 ! Vem que vem ,já demorou ….

  • Mandove

    Oi gente, seguinte, péssima filmagem, sem comentários interessantes, sem um relato mais detalhado, tipo de solo, localização geográfic, direção do vento, altitude, tamanho das circunferencias, profundidade dos sulcos, pontos de destaque ou interessante mais próximo, coleta de material do local( solo, pedra, planta, etc…) e claro, uma analise mais cientifica do ocorrido, tipo de atividade local que pode ter feito isto, se é uma nova maquina chinesa que faz leituras do solo a procura de minério de ferro e outros materiais como urânio, eliminando todas as possibilidades conhecidas, a mais improvável que possa parecer, é a verdadeira….uma nave pode sim ter pousado neste local, mas fico pensando, não teria marcas de pegadas diferentes das nossas, ou radioatividade no local…penso que todas as possibilidades devem ser avaliadas com uma certa lógica…exemplo, para uma moto fazer os círculos ela deveria deixar marcas no inicio, sem contar que a terra estaria ” raspada” e não prenssada com parece esta no video..

    • jrdesanttis

      Mandove e demais amigos . . .

      Eu enviei para o Luiz DOIS VÍDEOS – O que ele publicou é o menor. Já expliquei o porque do vídeo estar piscando nos tópicos mais acima, mas vou explicar denovo: Eu comecei a filmar com o celular e a filmagem começou a piscar, talvez devido a interferência por radiação ou coisas do tipo. Parei esta filmagem e comecei outra, com a qualidade bem melhor e sem as interferências. Parece que conforme eu e o casal que estava comigo andávamos pelo local, a radiação ia se dissipando, permitindo que eu fizesse a segunda filmagem com um pouco mais de qualidade. PEÇAM PARA O LUIZ POSTAR A SEGUNDA FILMAGEM.

      Com relação à “maquina chinesa” duvido que seja, pois se ela não flutuar, não tem como entrar no platô e não deixar rastros de saída e entrada. Outra coisa: com relação ao ”
      sem um relato mais detalhado, tipo de solo, localização geográfic, direção do vento, altitude, tamanho das circunferencias, profundidade dos sulcos, pontos de destaque ou interessante mais próximo, coleta de material do local” não tenho experiência prática em documentação de eventos do tipo, e nem passou pela minha cabeça tais procedimentos. Prometo ser mais metódico nos próximos eventos, se acontecerem . . .

      Abraço,

      J.R. de Santtis

      • Adalbs

        Na real…

        Vc ta fazendo um esforço pra trazer as informações que que vc fassa a pesquisa completa como se fosse um cientista formado…

        Se fosse vc faria oque esta ao seu alcanse e publicava aqui como chegar ate o local e custos necessarios, desta forma quem desejar uma pesquisa mais detalhada pode ir até la pessoalmente, pois querer as coisas tudo “mastigada” e facil…

        E a 11 segundo da filmagem do lado direito não parece formar um outro circulo, mas não foi completo….

        até mais…

  • Marujo

    Eu (branco) também (branco) tive (branco) problemas (branco) com (branco) o (branco) vídeo (branco). Assim que (branco) resolver, (branco) dou minha (branco) opinião (branco) … Branco-final!

  • ycatu

    Os mineiros, meus amigos, têm um louvável costume de construir MIRANTES, que lá chamam de bel-vedere, um terraço no cume de montes, para admirar a vista. Tenho a intuição de que, há muito tempo, o prefeito da cidade ou outro cidadão qualquer, foi ao local e iniciou a construção do mirante. Depois, por um motivo qualquer, (de ordem superior), não pode dar continuidade à obra. Depois de certo tempo, as chuvas e os ventos apagaram os sinais deixados pelos construtores. É só uma opinião. Não quero, com isso, causa perturbação a fantasia de ninguém. Quero apenas sugerir aos pesquisadores que, antes de subir o morro, indaguem na prefeitura e junto aos moradores do lugar alguma pista sobre o caso.
    Cordiais saudações!

    • jrdesanttis

      No tópico do jornal local (o luiz postou o endereço mais acima)fala que o dono do jornal correu atrás das mineradoras e prefeitura, mas todos desconheceram atividades por aquelas bandas . . .

  • Jonas lee

    meus amigos nao sei porque desde criança sou fascinado pelo estudo ufológico o nome da cidade onde eu moro é ENCANTADO nome que SE DEVE A UM FENOMENO UFO aqui tem muitas estorias de avistamentos,os pescadores chamam de bola de fogo no céu e também dentro da agua, apos ouvir uma dessas estórias resolvi navegar pelo google earth pra ver se atraves da fotos de sátelite encontrava alguma coisa , impressionou muito oque vi uma forte prova para os céticos que os ovinis existam, se alguem quiser ver mando as coordenadas para que analisem

  • Baldini

    Cada vez mais controverso esse post…

  • Vecchiarelli

    Não vi nada de estranho nessas formações, para ser sincero.

  • nogueira

    Vivo na cidade onde ocorreu o evento.
    Há algo que acontece sim, em períodos regulares na região áerea do local.