web analytics

Bob Lazar disse a verdade, dizem envolvidos em programas secretos

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 5 min.
Ouça este artigo...

Ontem, provavelmente em primeira mão para os países de fala portuguesa, o OVNI Hoje publicou um artigo extraordinário a respeito de denunciantes com credenciais os quais afirmam que o governo dos Estados Unidos realmente está em posse de naves de “origem não humana”. Devido à essa confirmação, muitos pesquisadores estão levantando a possibilidade de que outro denunciante, Bob Lazar, não mentiu quando, anos atrás, já havia falado sobre isso. Veja:

Bob Lazar disse a verdade, dizem envolvidos em programas secretos

A autenticidade de Bob Lazar sempre foi questionada devido à sua falha em fornecer credenciais substanciais. Os críticos frequentemente apontaram essa falta de evidências, o que levantou dúvidas sobre sua credibilidade. No entanto, apesar do ceticismo, também há muitos indivíduos que apoiam Lazar por causa do conhecimento que ele compartilhou com o público. Desde sua primeira aparição pública em 1989, Lazar permaneceu firme em suas reivindicações e não alterou sua história, o que alguns argumentam aumenta sua credibilidade no tema dos OVNIs.

A credibilidade de Lazar tem sido objeto de escrutínio. Os céticos apontaram inconsistências em sua formação, incluindo o fato de que as instituições educacionais que ele afirmou ter frequentado não tinham registro dele. Além disso, Lazar enfrentou problemas legais, sendo acusado de envolvimento em uma atividade ilegal não relacionada às suas reivindicações de OVNIs.

Embora Lazar tenha fornecido evidências físicas limitadas, como um formulário W-2 indicando renda do Departamento de Inteligência Naval, mesmo isso foi questionado quanto à sua autenticidade. Os críticos destacaram discrepâncias na redação do formulário, lançando dúvidas sobre sua validade.

Glen Meek, um ex-repórter investigativo de Las Vegas premiado com o Emmy, escreveu:

“Cobri o caso criminal de Lazar como repórter da KTNV-TV em 1990. Lembro-me dele se declarando culpado de favorecimento e lembro-me de pensar: se as histórias de seus discos fossem verdadeiras, e ele é típico dos cientistas que temos trabalhando no projeto científico mais significativo da história – então nosso planeta pode estar em profunda confusão.

No entanto, questões de credibilidade à parte, e apesar da escassez de evidências físicas e falta de corroboração de outros cientistas, o conto surpreendente de Lazar não apenas sobreviveu por mais de três décadas – mas prosperou.

Suas reivindicações receberam atenção renovada em 2018 graças a um documentário produzido pelo cineasta Jeremy Corbell. O documentário – amplamente visto na Netflix – levou Lazar a aparecer no podcast de Joe Rogan, possivelmente o podcast mais popular do planeta (este planeta, pelo menos). Corbell, por sua vez, foi entrevistado várias vezes recentemente em talk shows de notícias da rede. Ele é a fonte de pelo menos um vídeo OVNI recentemente vazado que mostra o que parecem ser formas triangulares se movendo no céu.

Corbell – nas entrevistas que vi – não afirmou que os vídeos de OVNIs mostram inteligência alienígena em ação. Mas ele disse em seu documentário que acreditava que havia mais evidências de que Bob Lazar estava dizendo a verdade do que de que ele estava mentindo.

Supondo que Lazar tenha dito a verdade – o relatório pode evitar admitir isso? O Pentágono não teria que dizer, no mínimo: ‘Bem, senadores, não temos certeza do que está causando todos esses avistamentos recentes de OVNIs, mas podemos dizer que temos uma tecnologia alienígena em nossa posse capaz de realizar o mesmo tipo de manobras de alta velocidade que desafiam a gravidade que vemos nesses vídeos’. Claro, essa notícia seria a maior história desde o Gênesis.

Uma coisa você pode dizer sobre Lazar depois de todos esses anos: ele era inequívoco. Lazar não deu dicas vagas e tentadoras (como alguns fizeram recentemente na mídia) de que os cientistas americanos têm possíveis “materiais exóticos” que precisam de mais testes para determinar se são de origem alienígena. Lazar disse sem rodeios que nossos cientistas têm nove naves alienígenas cativas (nove!), que eles estudam essas naves há mais de trinta anos e que ele pessoalmente viu as máquinas.”

Concordando com Meek sobre Lazar, Leslie Kean e Ralph Blumenthal publicaram recentemente um artigo sobre a redação do Debrief:

“Um ex-oficial de inteligência que se tornou denunciante forneceu ao Congresso e ao Inspetor Geral da Comunidade de Inteligência extensas informações classificadas sobre programas profundamente secretos que ele diz ter recuperado intactos e embarcação parcialmente intacta de origem não humana”.

David Charles Grusch, um denunciante e ex-oficial de combate no Afeganistão, apresentou informações sobre fenômenos aéreos não identificados (UAP/OVNIs). Grusch, um veterano da Agência Nacional de Inteligência Geoespacial (NGA) e do Escritório Nacional de Reconhecimento (NRO), afirma que o governo, seus aliados e empreiteiros de defesa vêm recuperando fragmentos parciais e veículos intactos relacionados a esses fenômenos há décadas.

Segundo Grusch, a análise desses objetos revelou sua “origem exótica” e sugere a presença de inteligência não humana, seja extraterrestre ou de origem desconhecida. Essa determinação é baseada em morfologias de veículos, testes de ciência de materiais, arranjos atômicos únicos e assinaturas radiológicas.

Com base nisso, as afirmações de Lazar parecem verdadeiras e, certamente, ele apoiou indivíduos envolvidos em programas de recuperação de acidentes, de acordo com Diana Pasulka, professora da Universidade da Carolina do Norte e autora do livro American Cosmic.

Pasulka diz que a crença em OVNIs e extraterrestres está se tornando uma espécie de religião – e não é tão marginal quanto se poderia pensar. Em sua recente entrevista com Danny Jones no Koncrete, ela apresenta sua perspectiva sobre a história de Bob Lazar.

Ela não afirma explicitamente se acredita ou não, reconhecendo que há muitas informações e desacreditando Lazar. Ela menciona que conhece pessoas associadas a programas [OVNI] que trabalham com fenômenos e reivindicações de retroengenharia, e eles acreditam na história de Lazar. No entanto, ela não pode confirmar suas reivindicações.

Pasulka acha a situação confusa, como todo mundo, e menciona que uma informação pouco conhecida é que, se essa informação viesse a ser divulgada, não seria por alguém com doutorado, mas sim por pessoas que poderiam facilmente ser desacreditadas, se necessário.

Um aspecto desconcertante para Pasulka é o fato de que, se Lazar é um verdadeiro delator expondo um dos programas mais secretos do governo, é intrigante que ele ainda receba contratos do governo e continue trabalhando em vários projetos. Ela compara isso a outros denunciantes que normalmente enfrentam consequências e não são apoiados pelo governo.

Pasulka também observa a natureza polarizadora do debate, com cientistas se opondo veementemente a Lazar, enquanto outros com credenciais semelhantes o apoiam. Ela questiona porque Lazar não se envolveu em um debate ou discussão científica adequada e sugere que ele pode não ser capaz de acompanhar os cientistas em termos de questões e investigações específicas. Além disso, Pasulka menciona que o próprio Lazar lamentou ter apresentado sua história, o que poderia explicar sua relutância em se envolver em mais debates.

Com relação à inteligência de Lazar, Pasulka discute a ideia de que alguns indivíduos podem ser gênios em áreas específicas, mas carecem do conhecimento e experiência mais amplos adquiridos por meio de uma educação extensiva. Ela cita Tyler como exemplo, que se formou na faculdade, mas possui inúmeras patentes em áreas relacionadas à biotecnologia. Isso implica que Lazar pode ter sido altamente qualificado em um domínio específico, mas pode não possuir o conhecimento abrangente associado a instituições acadêmicas avançadas como o MIT.

(Fonte)


Então, o que fazer de Bob Lazar? Será que ele disse a verdade e agora as declarações de David Charles Grusch dão respaldo ao que ele disse?

Diferente da física teórica onde o que é teorizado por um físico é aceito sem provas concretas até que seja desbancado por outra teoria de outro par, quando se trata da ovnilogia qualquer declaração é prontamente desacreditada por um exército de pessoas, pois contradiz aquilo que tem, desde sempre, sido apresentado como realidade para elas. Até mesmo muitas pessoas que se dizem ter as mentes abertas não ousam sequer considerar a possibilidade de tais declarações serem verídicas.

Muitas vezes, a verdade pode estar bem na nossa cara, mas a soberba nos impede de vê-la, ou pelos menos de estudar os fatos mais a fundo para alcançarmos a verdade, seja ela qual for. É muito mais confortável negar quaisquer fatos fora no “normal” pois assim nos sentimos mais “inteligentes” – ficamos do lado da maioria e do status quo. E é bem assim que aqueles “no poder” querem que fiquemos.

Mas voltando os delator David Grusch, se você não leu o artigo publicado ontem no OVNIHoje.com por falta de tempo, veja pelo menos o segmento de vídeo abaixo, onde ele faz suas declarações bombásticas ao repórter Ross Coulthart, publicada no canal de notícias News Nation e legendada em português pelo canal João Marcelo (logo publicaremos toda a entrevista de Grusch legendada):

n3m3

…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui para acessá-la.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar, pois cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

Lembre-se que as doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ❤️ Silas Raposo ❤️ Leopoldo Della Rocca ❤️ Egídia L dos Santos ❤️

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:


Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!

hit counter code