web analytics

AARO entrevista testemunhas de “OVNIs e armas nucleares”

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 4 min.
Ouça este artigo...

Por Robert Hastings
Em 3 de janeiro de 2023, fui contatado por Sean Kirkpatrick, diretor do recém-criado grupo de investigações UAP (OVNI) no Pentágono – o All-domain Anomaly Resolution Office (AARO) – que foi recentemente mandatado pelo Congresso.

AARO entrevista testemunhas de "OVNIs e armas nucleares"
Imagem ilustrativa de um OVNI interferindo em uma base nuclear.

Um investigador no Capitólio, que não vou identificar a pedido dele, leu meu livro, UFOs and Nukes: Extraordinary Encounters at Nuclear Weapons Sites (“OVNIs e Armas Nucleares: Encontros Extraordinários em Sítios de Amamentos Nucleares”, em tradução livre), e chamou a atenção de Kirkpatrick, observando seu exame de mais de uma centena de incursão de OVNIs em locais de armas nucleares durante a era da Guerra Fria e além, conforme relatado pelos militares veteranos que testemunharam os incidentes.

Desde 1973, entrevistei 167 desses veteranos sobre suas experiências. Kirkpatrick perguntou se eu estaria disposto a entrar em contato com os indivíduos com quem ainda mantenho contato, para saber se eles estariam dispostos a testemunhar perante os funcionários do AARO. Eu prontamente concordei em fazê-lo e passei alguns dias entrando em contato com eles.

Uma conferência telefônica foi posteriormente marcada para 13 de janeiro entre Kirkpatrick, dois funcionários do AARO, o investigador do Congresso e eu. Informei aos outros participantes que havia contatado os veteranos — a maioria ex-funcionários aposentados da Força Aérea dos Estados Unidos — e que onze haviam concordado em testemunhar perante o AARO. Nesse ponto, fui solicitado a priorizar as testemunhas, em termos de sua importância. Kirkpatrick explicou que seu grupo já havia sido contatado por muitos outros veteranos que desejavam testemunhar – a respeito de outros tipos de eventos relacionados a OVNIs – e que levaria algum tempo até que o AARO pudesse entrevistar todos os onze que eu recomendei.

Em resposta, eu disse que, embora todos os veteranos fossem importantes, sugeri que a equipe de Kirkpatrick primeiro contatasse o ex-oficial de lançamento do ICBM da Força Aérea dos EUA, Bob Salas, que estava de plantão durante um incidente na Base Aérea de Malmstrom, Montana, em 24/25 de março de 1967, durante o qual um OVNI laranja em forma de disco pairou brevemente sobre o portão da frente do Oscar Flight Launch Control Facility (LCF). O Centro de Controle de Lançamento subterrâneo abaixo do LCF controlava dez mísseis Minuteman-1.

Segundos depois que um dos guardas da Polícia de Segurança de Salas ligou freneticamente para a cápsula de lançamento para relatar o OVNI para ele, todos os dez ICBMs (mísseis nucleares) caíram offline, um após o outro. Em outras palavras, eles não podiam ser lançados e levaram várias horas para repará-los e redirecioná-los. (Outra das minhas fontes, Robert Jamison, tinha sido um oficial de mira de mísseis em Malmstrom e ajudou a trazer os ICBMs Oscar Flight de volta à funcionalidade total. Jamison disse que ele e sua equipe receberam um “briefing OVNI” especial antes de partirem para o campo, instruindo-os sobre o que fazer caso outro OVNI apareça enquanto eles trabalham.

Após o incidente, Salas e seu comandante de mísseis, o falecido coronel Frederick Meiwald, foram interrogados por um agente do Escritório de Investigações Especiais da Força Aérea (de sigla em inglês, AFOSI) e obrigados a assinar declarações de sigilo de segurança nacional que estipulavam penalidades severas e multas caso violassem segurança.

Salas manteve o silêncio até 1996, quando veio a público em um artigo, co-escrito com o pesquisador Jim Klotz. Anos mais tarde, em 27 de setembro de 2010, Salas e eu co-patrocinamos a conferência de imprensa UFOs and Nukes em Washington DC, que foi transmitida ao vivo pela CNN. Naquele evento, ele e seis outros veteranos da Força Aérea dos EUA que eu entrevistei descreveram seu envolvimento em incidentes de OVNIs relacionados a armas nucleares. Suas revelações receberam extensa cobertura da mídia mundial.

O segundo ex-oficial da USAF que recomendei ao AARO como entrevistado de alta prioridade foi o Dr. Bob Jacobs, que se envolveu em um incidente surpreendente na Base Aérea de Vandenberg, Califórnia, em setembro de 1964. Jacobs havia sido o oficial encarregado de um equipe de câmera telescópica encarregada de filmar lançamentos de teste de mísseis na base. Para obter uma perspectiva lateral dos eventos, o telescópio estava localizado a cerca de 160 quilômetros a noroeste de VAFB, na costa da Califórnia, no topo de uma colina em Big Sur.

Durante um desses lançamentos, em 15 de setembro, a equipe de filmagem inadvertidamente capturou um OVNI no filme, enquanto ele se aproximava e circulava a ogiva nuclear fictícia separada do míssil, que estava voando sobre o Oceano Pacífico. De repente, o OVNI – um disco abobadado – direcionou quatro feixes de luz brilhantes para a ogiva. Segundos depois de ser atingida por eles, começou a cair e rapidamente saiu da sub-órbita centenas de quilômetros antes de seu alvo.

O filme do surpreendente incidente foi logo visto pelo oficial de foto interpretação de Vandenberg, major Florenze J. Mansmann, tenente Jacobs e dois oficiais da CIA que o confiscaram e classificaram o incidente como ultra-secreto. Jacobs finalmente revelou o evento em um artigo de revista em 1982, após o qual recebeu inúmeras ameaças de morte anônimas por telefone. (Os céticos, usando informações comprovadamente imprecisas, tentaram, sem sucesso, desmascarar este caso. O resumo oficial e documentado dele aparece em meu livro.)

De qualquer forma, Jacobs testemunhou sobre o incidente a um funcionário do AARO em 10 de fevereiro de 2023; Salas testemunhou sobre sua experiência de 1967 em Malmstrom AFB em 15 de fevereiro.

Tenho feito palestras sobre a Conexão OVNIs-Armamentos Nucleares em faculdades e universidades americanas desde 1981. Mais recentemente, Luis Elizondo, o ex-diretor do grupo anterior de investigações de OVNIs do Pentágono, o Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespaciais (AATIP), repetidamente referiu-se publicamente à atividade OVNI/UAP em locais nucleares durante entrevistas e podcasts na televisão e em jornais. Em uma delas, ele disse que seu grupo do Pentágono havia utilizado OVNIs e armas nucleares como recurso e que eu havia feito “um trabalho fantástico” pesquisando o assunto.

Além disso, o consultor científico da AATIP, Dr. Hal Puthoff, também confirmou em entrevistas um padrão antigo e generalizado de atividade de OVNIs em instalações nucleares, assim como o ex-subsecretário adjunto de Defesa para Inteligência, Christopher Mellon.

Além disso, o falecido senador norte-americano Harry Reid, que secretamente garantiu financiamento para a AATIP, também discutiu publicamente o link OVNIs-Armas Nucleares durante as entrevistas. Segundo o jornalista George Knapp, Reid havia lido meu livro e ficou surpreso com o testemunho dos veteranos nele contido. (Ele sem dúvida também tinha suas próprias fontes militares). Reid, Elizondo, Mellon e Puthoff tornaram-se defensores do Desacobertamento nos últimos anos, acreditando que o governo dos Estados Unidos deveria ser mais sincero com o público americano sobre o tema dos OVNIs.

Esperançosamente, o restante dos veteranos que recomendei ao AARO serão entrevistados em breve e, mais importante, seu testemunho sobre a realidade e a óbvia importância das incursões de OVNIs em locais de armas nucleares serão levados ao conhecimento do Congresso.

(Fonte)

Colaboração: Marcelino Melo


…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui para acessá-la.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar, pois cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

Lembre-se que as doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ❤️ Silas Raposo ❤️ Leopoldo Della Rocca ❤️ Egídia L dos Santos ❤️

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:


Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!

hit counter code