web analytics

Piloto de Boeing 747 e já viu OVNIs desafiando nossa tecnologia

COMPARTILHE COM A GALÁXIA:
Tempo de leitura: 4 min.

Um capitão de BOEING 747 com cerca de 9.500 horas de voo nos controles contou sobre seus encontros bizarros com OVNIs enquanto pilotava sua aeronave.

Piloto de Boeing 747 e já viu OVNIs desafiando nossa tecnologia
Christiaan van Heijst é um piloto experiente.

Christiaan van Heijst explicou que testemunhou objetos que parecem exceder toda a tecnologia conhecida, pois pareciam atingir velocidades hipersônicas de até 37.000 km/h.

O holandês de 39 anos é um aviador respeitado e um fotógrafo aéreo premiado – e ainda assim ele viu coisas que não consegue explicar.

Os OVNIs são tradicionalmente um tópico altamente estigmatizado – muitas vezes sendo descartados como nada além de teorias da conspiração ou algo para o mundo dos excêntricos.

Mas nos últimos anos a conversa mudou, com até mesmo o governo dos EUA confessando que há coisas no céu que eles ainda não podem ou não irão identificar publicamente.

E com ex-pilotos militares dos EUA se apresentando para contar sobre suas próprias experiências inexplicadas, isso despertou o interesse de Christiaan.

Ele disse ao The Sun Online:

“Percebi que o que eles descreveram parecia muito com algumas das coisas estranhas que eu vi anos antes.

Eu sempre pensei que era alguma ‘coisa militar’ que eu tinha visto, mas agora era possivelmente algo totalmente diferente que até surpreendeu alguns dos melhores pilotos militares dos EUA já registrados.”

Christiaan voa há 20 anos – começando como um piloto campeão de acrobacias antes de passar para aviões comerciais.

Ele tem cerca de 9.500 horas totais de voo, sendo 6.000 delas no Boeing 747 – uma das maiores e mais populares aeronaves do mundo.

E enquanto ele diz que cerca de 99 por cento das coisas estranhas que vê no céu podem ser descartadas, ainda há um ‘punhado’ de avistamentos que para ele desafiam a explicação.

Christiaan enfatizou que, como piloto, ele é treinado para detectar coisas no céu – com seu principal objetivo quando está no controle de manter seu avião seguro.

Ele disse:

“Se vejo algo que chama minha atenção, imediatamente quero saber se é outro avião, algo relacionado ao clima, militar ou qualquer outra coisa que possa prejudicar meu voo. Qualquer outra coisa é secundária.

É também por isso que os pilotos de linha aérea são ‘observadores treinados’ credíveis: não procuramos por OVNIs, avaliamos tudo o que vemos com base no nosso conhecimento profundo de observações aéreas, experiência meteorológica e questionamos se algo tem influência direta no nosso percurso de voo ou aeronave.”

E para Christiaan, um de seus avistamentos mais atraentes e estranhos foi sobre a Grécia enquanto ele voava perto do porta-aviões USS Theodore Roosevelt e seu grupo de ataque.

Ele estava pilotando um Fokker 50 na época e testemunhou uma luz brilhante aparecer em uma altitude extremamente alta – movendo-se a uma velocidade aproximada de até Mach 30 (37.000 km/h).

Christiaan disse:

“Nenhuma física conhecida pode descrever o que aquela luz/coisa fez, até onde eu sei. Não deixou nenhum rastro ou algo parecido, apenas velocidade instantânea e puf… sumiu.”

Ele não tem certeza se seu avistamento estava relacionado com o porta-aviões movido a energia nuclear lá embaixo, que realizava missões relacionadas à Guerra do Iraque em setembro de 2005.

Outros encontros inexplicados incluem uma luz cadente movendo-se ‘muito rápido’ enquanto mergulhava em direção ao solo – sem nenhuma informação sobre o objeto do controle de tráfego aéreo em julho de 2005, quando ele sobrevoava a Alemanha.

Em outro incidente, viu seu Boeing 737 encontrar uma bola de luz branca voando sobre o Mar Adriático em fevereiro de 2009.

A luz caiu em direção ao mar antes de desaparecer sob a superfície sem respingar.

Christiaan também compartilhou com o The Sun Online o que parece ser um objeto em forma de charuto que ele viu em janeiro de 2010. Seu encontro com o objeto durando mais de uma hora.

Ele estava voando de Amsterdã para Málaga a 41.000 pés (12.500 m) quando avistaram o objeto a cerca de 100 milhas náuticas (185 km) à frente deles.

O controle de tráfego aéreo disse a eles que não havia nenhuma outra aeronave na área.

O objeto parecia ser grande e estacionário, pairando no céu e bloqueando parte do Sol.

O objeto estava voando muito mais alto do que o tráfego aéreo comercial, e o controle de tráfego aéreo militar negou que houvesse qualquer atividade na área.

Christiaan tirou uma foto que, depois de aprimorada por um sistema de IA, parece mostrar uma forma negra pendurada no céu.

Piloto de Boeing 747 e já viu OVNIs desafiando nossa tecnologia
Crédito: Christiaan van Heijst

A foto está sendo analisada pelo IPACO, que é administrado pelo grupo de investigação de OVNIs GEIPAN da agência espacial francesa.

Christiaan não tem uma teoria sobre o que esses objetos podem ser – mas espera que um dia haja uma explicação.

E ele espera que o estigma em torno das discussões sobre OVNIs continue a se desfazer.

Ele disse:

“Mesmo explicações racionais de alguns dos avistamentos podem ajudar outros pilotos a identificar algumas coisas espetaculares, mas mundanas, que eles veem de cima.

Podemos realmente tropeçar em fenômenos atmosféricos raros e novos, mas a única maneira de ter certeza é coletar dados e analisá-los sem viés.”

Christiaan disse que costumava “desconsiderar” seus próprios avistamentos – temendo que eles pudessem ser “muito rebuscados para eu contemplar seriamente”.

Ele disse:

“De vez em quando, o assunto surge entre os colegas, embora raramente eu mesmo inicie a conversa.

Alguns dos meus colegas viram coisas realmente extraordinárias durante suas carreiras, mas só discutiram comigo quando sentiram que não seriam [ridicularizados].

Pessoalmente, não tenho medo de falar sobre esse assunto, pois tento evitar especular sobre as origens ou a natureza do que poderia ser.

Eu só quero saber o que eu testemunhei e se é de alguma
preocupação com a segurança do meu voo.”

Christiaan ainda acrescentou:

“Foi até algum lugar em 1800 que a ideia de ‘pedras caindo do céu’ foi considerada como
absurdos e no reino da fantasia, hoje são comumente conhecidos como meteoritos e parte da natureza.

Livrar-se do estigma é um processo que leva tempo, mas estamos chegando lá, passo a passo.”

Ele pediu às agências de aviação e segurança de todo o mundo que continuem coletando dados sobre o fenômeno – e acrescentou que está satisfeito com o início da discussão nos EUA.

Christiaan disse:

“Duvido que algum dia ouviremos todas as agências militares e de inteligência dos EUA saberem ‘isso’ por causa de óbvias preocupações de segurança nacional.

Mas acredito que uma aceitação geral do assunto acabará por criar um efeito de bola de neve que pode resultar em alguma forma de desacobertamento ou compreensão.”

São alienígenas ou algum tipo de conspiração global? Christiaan diz que é uma “armadilha tentadora” para cair – mas ele simplesmente pediu uma investigação mais aprofundada.

Ele acrescentou:

“Apenas coletando dados podemos começar a analisar o que está acontecendo.

Temos apenas que manter a mente aberta para o ‘um por cento’ que é genuinamente desconhecido, seja lá o que for. Mal posso esperar para descobrir o que vi.”

Os legisladores dos EUA iniciaram uma nova investigação do Pentágono após uma série impressionante de vídeos vazados que mostraram encontros militares com OVNIs, como o infame ‘Tic Tac’.

Isso marcou uma reviravolta incrível depois que o governo rejeitou os OVNIs na conclusão do Projeto Blue Book na década de 1960.

O debate, que por décadas foi considerado um tópico marginal e prejudicial, agora está sendo falado abertamente por figuras muito importantes, incluindo os ex-presidentes Bill Clinton e Barack Obama.

(Fonte)


…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui para acessá-la.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar, pois cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

Lembre-se que as doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ||| Silas Raposo ||| Franklin Viana ||| Karin Gottert ||| Leopoldo Della Rocca

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta, portanto aja com responsabilidade.
  • O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com éticasempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

COMPARTILHE COM A GALÁXIA:
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!

hit counter code