Cubo de Orion: “Um dispositivo alienígena de viagem no tempo”

Ouça este artigo...
Tempo de leitura: 3 min.

A existência de alienígenas tem gerado polêmica há muitos anos, no entanto, declarações surpreendentes de altos funcionários revelam que eles sabem mais do que pensamos. E acontece que um cientista e ex-funcionário das Forças Armadas dos Estados Unidos falou sobre o enigmático Cubo de Orion.

[ATENÇÃO: Não há comprovação da veracidade de alguma ou todas as informações constantes neste artigo, o qual é publicado aqui meramente para cumprir a missão do OH.]

Cubo de Orion: “Um dispositivo alienígena de viagem no tempo”
Cubo de Orion: “Um dispositivo alienígena de viagem no tempo”
Dan Burisch alega ter trabalhado em projetos secretos para o governo dos EUA.

Dan Burisch, Ph.D em microbiologia, foi quem expôs o segredo sobre o Cubo de Orion, máquinas do tempo, planos secretos do governo e a extinção da humanidade.

Dan Burisch e o cubo Orion

A paixão pela ciência começou aos 5 anos, quando ganhou seu primeiro microscópio. Mais tarde, ele se tornaria o membro mais jovem da Los Angeles Society for Microbiology.

Em 1986, ele recebeu uma visita inesperada na Universidade de Las Vegas, do chamado “governo secreto” dos Estados Unidos.

Homens vestidos com uniformes militares lhe ofereceram trabalho em um projeto secreto. Em 1987, ele começou a trabalhar para um escritório do governo em Nevada lidando com liberdade condicional de prisioneiros. Em 89 ele começou a receber amostras de tecido. Seu trabalho era examiná-los em outro lugar e enviar os relatórios de volta ao local original.

Nesse mesmo ano, ele trabalhou em um projeto secreto chamado “Sharp Storm“. Mas, em 1994, eles o levaram para uma base subterrânea chamada “Siglo IV“, que faz parte da Área 51. Lá ele começou a trabalhar no “Projeto Aquário“.

Lá ele descobriu que o governo estava de posse do chamado Cubo de Orion, naves espaciais e seres extraterrestres. Em um apartamento havia informações sobre seres chamados de “Orions” e seres do sistema estelar Zeta Reticuli. Também uma cópia do acordo entre Eisenhower e seres conhecidos como P-50 e os chamados Orions.

Alienígenas e naves espaciais

No local conhecido como Baía de Galileu, Burisch descobriu diferentes naves espaciais. Uma delas foi a usado por Bob Lazar.

Como explicou o cientista, temos uma concepção errônea dos alienígenas e que existiam vários tipos.

Ele garantiu que alguns vieram de outros planetas, mas outros eram humanos do futuro, procurando resolver certos problemas. Ainda assim, eles eram terrestres; os humanos evoluíram milhares de anos depois.

Eles são classificados com a letra P, que representa o tempo presente, e os anos que nos levam ao futuro. Por exemplo, os de Roswell são P-24, ou seja, o tempo presente mais 24.000 anos no futuro.

Os outros são conhecidos como “J ROD P-45, J ROD P-52 e P-54”. Ele garantiu que esses “J RODs” sofrem de uma doença estranha e dolorosa, e que participaram de um projeto que buscava uma cura.

Ele alegou ter coletado amostras de sangue de uma fêmea desses seres e que trabalhava com essa criatura há 2 anos.

Burisch garantiu que eles estabeleceram uma relação amigável e que, em um de seus encontros, ela quebrou o protocolo e pulou nele.

Ela transmitiu telepaticamente muitas informações para ele, nas quais destacou que a maioria da humanidade morreria em uma catástrofe nuclear. Os sobreviventes se esconderão no subsolo para sobreviver.

Máquinas do tempo

Vinte e quatro mil anos depois, os seres mais avançados da Terra conseguiram viajar no tempo, então eles viajaram para Roswell em 1947. Desta forma, seria sabido que a espaçonave do incidente era uma máquina do tempo.

O Coronel Philip J. Corso, autor de “O Dia Depois de Roswell”, disse que os seres foram feitos para viajar no espaço-tempo. Eles tinham 2 cérebros, um para controlar as naves, e não se reproduziam. Além disso, ele garantiu que a nave era a chave para o avanço tecnológico.

Outros sobreviventes da extinção nuclear colonizaram a Lua, Marte e, finalmente, Orion, lar dos P-52s ou Orions.

Os P-45s seriam os vilões, seres que desejavam uma catástrofe nuclear para justificar sua existência. Eles são responsáveis ​​pela maioria das abduções. Eles não têm empatia emocional.

Eisenhower se reuniu com os grupos para evitar a catástrofe. Nesta reunião, foram alcançados acordos diplomáticos, onde a abdução de humanos foi aprovada para ser estudada, desde que não fossem danificados e sua memória fosse posteriormente apagada.

Os Orions deram a Eisenhower o Cubo de Orion, um dispositivo de 7 centímetros de largura e 20 de comprimento, capaz de prever o futuro.

Este dispositivo passou por diferentes anos ao longo da história, especialmente entre membros da elite para garantir seu futuro.

O Cubo de Orion continua sendo uma questão controversa entre os teóricos, alguns acreditam que seja o mesmo “espelho”, usado por associações poderosas para ver as probabilidades de eventos futuros.

[Para instruções de como ativar a legenda em português do(s) vídeo(s) abaixo, embora esta não seja precisa, clique aqui.]

(Fonte)


E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

Participe dos comentários mais abaixo… e (importante) se puder, colabore na manutenção do OVNI Hoje utilizando o QR code do PIX abaixo, ou use a chave PIX “OVNIHoje” (sem as aspas):

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward de Lima, Maria Dorotea Soares, Leopoldo DeLa Rocca, Fabiano de Faria, Silas Raposo, Eduardo Figueiredo, Paulo Sanchez.

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!!!

Caro leitor, a existência do OVNI Hoje depende exclusivamente dos anúncios apresentados aqui. Por favor, apoie o OVNI Hoje e desabilite seu bloqueador de anúncios para este site. Obrigado!