web analytics
Tempo de leitura: 2 min.

Gaúcho argentino diz ter entrado em OVNI e ETs levaram seu cachorro

Tempo de leitura: 2 min.

Juan Oscar Pérez, gaúcho e trabalhador da zona rural de Venado Tuerto, província de Santa Fé, contou a história de sua vida. Como a história de sua mãe, seu relato inclui OVNIs, alienígenas, um cachorro sendo abduzido e uma série de premonições que se seguiram.

Gaúcho argentino diz ter entrado em OVNI e ETs levaram seu cachorro
Juan Pérez diz que entrou em um OVNI e teve contato com extraterrestres. (Foto: cortesia Testigos de Otro Mundo).

Juan tinha 12 anos e estava no meio do campo com seu cavalo quando, segundo disse em um documentário, viu um OVNI. Há muitas histórias de pessoas que dizem ter visto OVNIs, mas Juan disse que entrou no objeto voador e teve contato com um dos tripulantes da nave.

Ele disse:

“Era como uma caixa, mas com uma cúpula alta e redonda. Eu queria entrar. Eles acenderam como luzes de muitas cores e como o cavalo estava com medo eu o amarrei em uma escada enorme que saiu, que eu lembro que era cinza e muito fria.”

A queixa do homem é mais séria, pois ele garante que seu cachorro permaneceu dentro do OVNI, a quem ele descreveu como seu “melhor amigo”.

Na época, ele descreveu a experiência como ‘traumática’ e garantiu que o episódio mudou sua vida. Mas o mais impressionante aconteceu depois, quando soube da história de sua mãe.

Gaúcho argentino diz ter entrado em OVNI e ETs levaram seu cachorro
Juan Pérez aos 14 anos com seu pai, seu irmão mais novo ao fundo e o famoso astrofísico Jacques Valée.


Uma conexão familiar

O caso da mãe de Juan Oscar Pérez ocorreu em 6 de setembro de 1978, quando ela era uma menina de 12 anos que caminhava pelo campo com seu cão pastor. “Era seu parceiro, seu irmão“, disse Juan. Uma luz misteriosa vinda de uma nave iluminou o céu e levou o cão pastor embora.

A experiência marcou tanto a vida da família Santa Fe que a partir daquele momento tiveram um contato especial com os animais. Hoje eles têm 36 cães no campo e a mãe de Juan Pérez não é a mesma desde aquele episódio.

Segundo o homem nascido em Venado Tuerto, sua mãe tem premonições. “Ela tem uma percepção especial”, disse ele. Essa percepção foi percebida há algumas semanas, quando ele garantiu que algo havia acontecido com seu neto Nicolás. “Nico está sangrando“, disse a mulher. Poucos minutos depois, ela recebeu um telefonema de sua cunhada avisando-a de que algo havia acontecido.

Mas essa não foi a única experiência que a mulher teve com OVNIs. Há pouco tempo, uma luz iluminou o céu do campo e um brilho intenso foi visível. Juan contou que sua mãe entrou na casa desesperada com a possibilidade de ter um novo contato com esses “seres”.

De outro ângulo da cena, uma irmã de Juan assistiu, atordoada, como um cachorro latiu para a nave que flutuava 4 metros acima do solo. Desde aquele dia, o animal nunca mais voltou para casa.

(Fonte)


Aparentemente, se os relatos são reais, os alienígenas que visitam a Argentina gostam de cachorros. Mas quem não gosta destes adoráveis e inteligentes animais?

n3m3

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!
hit counter code
Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS DETECTADO!

Por favor, para ajudar manter o OH vivo, considere desativar seu bloqueador de anúncios ou colocar o OH na lista de sites permitidos (whitelist).

Agora, mais do que nunca. isto é importante.

Seu acesso sempre foi e sempre será gratuito, e você não é obrigado a clicar em nenhum anúncio, embora isso ajude muito na continuidade do site.

Muito obrigado.