web analytics
Tempo de leitura: 3 min.

Irlandês diz ter sido abduzido e revelado a ele como o mundo irá acabar

Tempo de leitura: 3 min.

Republico aqui um artigo postado no OVNI Hoje em 2017, que me foi relembrado pela leitora MaryH em mensagem, pois embora as alegações nele contidas possam ser difíceis de serem provadas, ainda assim há algumas verdades sobre a forma como a raça humana tem se comportado desde sempre:

Irlandês diz ter sido abduzido e revelado a ele como o mundo irá acabar
Gerry Battles alega ter se encontrado com ETs.

Um irlandês contou sua terrível história de abdução por alienígenas – e como eles predisseram o fim do mundo.

O carpinteiro aposentado, Gerry Battles, 61 anos, de Pallaskenry, Co Limerick, alega que estava caminhando para casa após beber duas doses com um amigo, quando os ETs entraram em ação

Durante a experiência ele diz que ficou paralisado, estando cara-a-cara com um extraterrestre de ‘cabeça em forma de cone” e viajou para o Polo Norte num piscar de olhos.

Ele lembra ter sido alertado sobre os dia finais da Terra, durante o encontro de 26 de dezembro de 2001.

Ele disse: 

“Eu estava somente a minutos de casa. A noite estava clara e seca. Você podia ler um livro com a luz do céu noturno, mas ela não provinha das luzes das estrelas ou da Lua, mas sim de uma luz branca e muito brilhante vinda do outro lado da estrada rural”.

Após ser atraído pela luz branca, Gerry lembra ter dado por si abordo de uma nave espacial com aproximadamente outras 40 pessoas – todas num estado subjugado, em pé e sem movimento, como estátuas.

Ele disse para o The Limerick Post:

Eles eram todos homens, de diferentes faixas etárias, todos em pé, ombro-a-ombro, como manequins.

Lembro de um homem próximo a mim, usando um casaco do tipo ‘Colombo’ e um chapéu.  Estávamos num estado de paralisia; eu só podia mover meus olhos, assim não podia ver muito. 

A próximo coisa que lembro é estar flutuando numa outra câmara maior, com um convés de visão de 360 graus. Foi aí que vi o extraterrestre. Eu não podia dizer o seu tamanho, nem se tinha braços e pernas. Tudo que lembro é sua enorme cabeça em formato de cone e seus bonitos enormes olhos.  Eles eram negros, quase como espelhos.

Ele falou comigo por telepatia e disse; ‘você não está aterrorizado como os outros’.

“Não, não estou. Deveria estar?”, perguntou Gerry.

Então o alienígena teria perguntado a Gerry o que ele gostaria de ver.

“O Polo Norte”, respondeu instantaneamente.

Num piscar de olhos eles teriam sido transportados para o Polo Norte.  Gerry descreveu o evento “como dirigindo através de uma tempestade de neve a 500 milhas por hora (800 km/h).”

Ele admite que qualquer pessoa a quem ele tenha revelado esta história achou que ele era louco e riram perguntando sobre seu histórico de doença mental.

Ele diz que aqueles que não acreditam em sua história são “ingênuos e possuem imaginações pequenas”.  Ele revelou que o alienígena o alertou que a raça humana ‘irá’ da mesma forma que fizeram os dinossauros, quando um asteroide gigantesco atingiu a Terra.

Gerry diz que o alienígena contou que a raça humana tem uma história longa, mas que seu tempo está acabando.

O alienígena teria dito:

Daqui a 850 anos, um asteroide gigante, do tamanho de Munster, irá aniquilar o planeta.  O asteroide se aproximará do seu planeta, vindo do 35º quadrante.

Somos 4 milhões de anos mais avançados que vocês. Temos os observado por milênios.  Em todo esse tempo vocês só tiveram excelência em duas coisas – guerras globais e mentir para sua própria espécie.  Vocês devem usar a força. Serem um com a força. Canalizar a força.

Gerry não estava assustado quando confrontou o alienígena.  Ele disse que o alienígena também o alertou para não confiar nos governos ou bancos, pois eles “estão mentindo para vocês desde o primeiro dia”.

Ele não lembra quanto tempo a abdução durou e não tem memória disso após o casaco que ele estava usando ter aparecido no teto do Hospital Regional.

Ele disse:

Não tenho a mínima ideia como fui parar lá.  Foi somente quando meu casaco foi retornado a mim que comecei a relembrar os eventos de 26 de dezembro de 2001.

Gerry espera que sua história alcance a comunidade científica, e disse: “A verdade definitivamente está lá fora“.

(Fonte original fora do ar)


Irrelevante de ser verdade aquilo que Gerry Battles nos conta que lhe revelado sobre o fim do mundo, ele fala a mais pura verdade sobre como a raça humana tem, de forma geral, se comportado.

Considerando os milhares de anos de nossa existência aqui neste planeta e este tipo de comportamento nocivo continua sendo uma constante, não posso acreditar em evolução espiritual generalizada da raça humana. Esta, penso eu, depende de cada indivíduo separadamente, mas uma parte substancial da humanidade ainda é dominada pelo egoismo, o que “estraga o planeta” para o resto de nós. Aliás, penso que este tipo de comportamento – ou do bem, ou do mal – deve ser uma característica inerente da alma de cada um, e, se este for o caso, abre um leque de possibilidade para a razão de nossa passagem por aqui. Ou seria tudo um acaso?

Mas isto é caso para outro artigo.

– n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.


PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.
EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol