A vida pode estar espalhada por todo o planeta Marte, afirma especialista

Compartilhe esta informação com a galáxia!
Tempo de leitura: 2 min.
A vida pode estar espalhada por todo o planeta Marte, afirma especialista
Imagem meramente ilustrativa, não representado a ideia da pesquisadora. Crédito: depositphotos

Uma líder na busca por inteligência alienígena afirma que a vida pode estar ‘espalhada’ em Marte – mas está escondida no subsolo.

Nathalie Cabrol é diretora do Carl Sagan Center for Research, que faz parte do SETI (‘search for extraterrestrial intelligence’) Institute.

Em um novo artigo publicado na revista Nature Astronomy, ela desafia suposições comuns sobre o Planeta Vermelho, argumentando que uma biosfera microbiana (uma região de suporte de vida) pode estar prosperando lá.

No entanto, nos últimos 4 bilhões de anos, ela teoriza que essas formas de vida poderiam ter se movido para o subsolo.

A professora Cabrol estudou ‘análogos de Marte’, que são lugares frios, secos e inóspitos na Terra que imitam as condições em Marte o mais próximo possível, como a Antártica.

Nathalie Cabrol é diretora do Carl Sagan Center for Research (Imagem: SETI)

Sua pesquisa mostra que mesmo as paisagens que parecem estéreis podem de fato sustentar a vida.

Além da presença de água, o que mais importa na busca por vida em Marte é como fatores ambientais extremos, como uma fina atmosfera, radiação ultravioleta, salinidade, aridez e flutuações de temperatura interagem entre si.

A professora Cabrol diz que é essa interação que “abre a distribuição e a abundância da vida nessas paisagens”.

Ela escreveu:

“Isso não torna necessariamente mais fácil de encontra-la, já que os últimos refúgios para micróbios em ambientes extremos podem estar na escala micro a nano dentro das rachaduras nos cristais.

Por outro lado, as observações feitas em análogos terrestres sugerem que essas interações expandem consideravelmente o território potencial para a vida moderna em Marte e podem trazê-la para mais perto da superfície do que há muito tempo se teorizava.”

Ela diz que embora seja importante considerar onde a vida pode sobreviver em Marte hoje, também é vital entender como ela pode ter se dispersado e se adaptado ao longo de bilhões de anos.

Rios, oceanos, vento e tempestades de poeira podem ter espalhado vida microbiana para qualquer lugar do planeta, diz ela – e com missões de exploração humana planejadas para Marte, pode ser nossa única oportunidade de recuperar amostras primitivas…

(Fonte)

Alguém aqui quer apostar que no subsolo de Marte pode haver não só vida microbiana, mas também pequenos animais como vermes, minhocas e seres do gênero? Parece impossível? Eu acho que não.

Pode até demorar, pois a descoberta de vida fora da Terra vai contra os interesses de muitos por aqui, mas um dia ela será revelada, pois o tempo é o senhor da verdade.

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe esta informação com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site.

Clique aqui para apoiar através do site Apoia.se, ou use o botão abaixo:


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:

(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.