web analytics
Tempo de leitura: 2 min.

Ossos de dinossauros poderão ser encontrados na Lua

Tempo de leitura: 2 min.
Ossos de dinossauros poderão ser encontrados na Lua
Crédito da imagem: depositphotos

Embora Neil Armstrong tenha sido o primeiro humano a pisar na Lua em 1969, os dinossauros podem tê-lo vencido 66 milhões de anos antes – ou pelo menos pedaços das criaturas pré-históricas o fizeram.

A afirmação decorre do livro de 2017 de Peter Brannen, “The End of the World” (“O Fim do Mundo”, em tradução livre), que foi recentemente divulgado no Twitter pelo blogueiro Matt Austin.

Um trecho descreve o asteroide violento enquanto rasgou um “buraco no vácuo do espaço sideral para dentro da atmosfera”.

Isso enviou detritos voando para a órbita e “pedaços de dinossauros” podem ter sido misturados no enorme volume de terra que foi expulso para o espaço – todos os quais se assentaram na Lua.

Os especialistas dizem que o catastrófico asteroide colidiu no “ângulo mais mortal possível” quando atingiu o que hoje é a península mexicana de Yucatán.

Brannen, que é um jornalista científico premiado, escreve que o asteroide era maior do que o Monte Everest e caiu na atmosfera 20 vezes mais rápido do que uma bala em alta velocidade.

“Isso é tão rápido que teria percorrido a distância da altitude de cruzeiro de um 747 até o solo em 0,3 segundos”, diz o livro.

O livro inclui comentários do geofísico Mario Rebolledo do Centro de Investigación, que disse a Brannen:

“A pressão da atmosfera em frente ao asteroide começou a escavar a cratera antes mesmo de chegar lá. Então, quando o meteoro tocou o marco zero, estava totalmente intacto. Era tão grande que a atmosfera nem mesmo o arranhou.”

O livro diz que a cena testemunhada há 66 milhões de anos não estava nem perto do que vemos nos filmes de Hollywood, que geralmente mostram uma bola de fogo brilhante cruzando o céu.

Brannen explicou e perguntou a Rebolledo:

“Quando o asteroide colidiu com a Terra, no céu acima dele, onde deveria haver ar, a rocha abriu um buraco no vácuo do espaço sideral para dentro da atmosfera.

Enquanto os céus se precipitavam para fechar este buraco, enormes volumes de terra foram lançados em órbita e além – tudo dentro de um ou dois segundos do impacto.

Portanto, provavelmente haveria pequenos pedaços de osso de dinossauro na Lua?”

E Rebolledo responde:

“Sim, provavelmente.”

Embora não haja nenhuma evidência para apoiar as afirmações no livro, os cientistas foram capazes de juntar as peças dos eventos que se desenrolaram.

O asteroide deixou uma cratera de 200 quilômetros de largura na zona do desastre, vaporizando rochas e enviando bilhões de toneladas de enxofre e dióxido de carbono para os céus pré-históricos.

Todas as coisas vivas a centenas de quilômetros do local do impacto teriam sido incineradas em minutos.

Enquanto isso, a nuvem de poeira gerada pelo impacto teria bloqueado o Sol – provavelmente desencadeando um ‘inverno nuclear’ e despencando as temperaturas, chuva ácida caindo do céu e 75% das espécies vivas eliminadas.

O professor de ciências terrestres e espaciais Mark Richards, da Universidade de Washington, disse:

“Pareceria que o solo sob seus pés havia se tornado um navio no meio do oceano. Então, as rochas teriam bombardeado você com um céu fervente que estava começando a assumir um brilho nebuloso. Teria parecido como o fim do mundo.”

(Fonte)


Interessante, e tudo que posso dizer é que agora os cientistas têm uma boa desculpa se encontrarem ossos não só na Lua, mas até em Marte: Vão dizer que são de dinossauros da Terra.

Lembre-se, muitos dos meteoritos encontrados na Terra são considerados de origem marciana. Então, já que um meteoro que atingiu Marte pode ter mandado detritos para a Terra, o contrário também deveria ser verdadeiro.

– n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.


PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


*Agora você também pode apoiar o OVNI Hoje através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:



ÁREA DE COMENTÁRIOS

Atenção:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores. Pessoas que insistirem em burlar as regras serão banidas dos comentários.
EnglishFrançaisDeutschItaliano日本語PortuguêsEspañol