NASA procura voluntários para ‘Missão Falsa à Marte’ na Rússia

Tempo de leitura: 2 min.

A NASA está procurando pessoas que estejam dispostas a levar o auto-isolamento para o próximo nível e se permitirem ficar trancadas por oito meses em um laboratório russo – como um experimento para futuras viagens a Marte.

NASA procura voluntários para 'Missão Falsa à Marte' na Rússia

A missão Apollo 17 em 1972 foi a última vez que a NASA enviou um humano para a Lua. Agora, o atual programa Artemis da organização espacial planeja pousar astronautas não apenas na Lua, mas também em Marte.

Por causa da distância (225 milhões de quilômetros até Marte, 384 400 km até a Lua) e do tempo que leva para chegar a Marte, bem como dos longos períodos que os astronautas passarão realizando pesquisas científicas, a NASA acredita que é vital estudar primeiro o efeito que viver em espaços apertados por períodos prolongados terá sobre as pessoas.

Como a NASA diz, eles querem:

Aprender sobre os efeitos fisiológicos e psicológicos do isolamento e confinamento em seres humanos, em preparação para as missões de exploração da missão Artemis na Lua, e futuras missões de longa duração em Marte.

Você aguentaria 8 meses no Institute for Biomedical Problems?

O programa será realizado em Moscou, no Instituto de Problemas Biomédicos da Rússia. Esta instalação já havia sido usada para missões espaciais simuladas.

Durante oito meses de isolamento, o pequeno grupo de participantes usará a realidade virtual para executar tarefas semelhantes às de uma missão espacial. Enquanto isso, serão realizadas pesquisas pela NASA para estudar os efeitos do isolamento e do confinamento, para que eles possam desenvolver soluções para quaisquer problemas em potencial.

Parte de uma declaração no site da NASA dizia:

Os resultados de missões terrestres como essa ajudam a NASA a se preparar para os desafios da vida real da exploração espacial e a fornecer dados científicos importantes para resolver alguns desses problemas e desenvolver contramedidas.

A NASA está aceitando pedidos públicos para o cargo. Eles querem cidadãos norte-americanos ‘altamente motivados’ entre 30 e 55 anos, fluentes em russo e inglês. Não são necessárias qualificações específicas, mas os candidatos devem ter um M.S, PhD, M.D ou treinamento para oficiais militares. Pessoas com diploma de bacharel e outras experiências relevantes também serão consideradas.

A NASA informou que os indivíduos selecionados para o programa serão pagos da seguinte forma:

Existem diferentes níveis de remuneração, dependendo de você estar ou não associado à NASA ou se você é um funcionário ou contratado da NASA.

Os interessados ​​no trabalho podem se inscrever AQUI.

O próximo programa de pesquisa é um acompanhamento de um programa de 2019, quando quatro russos e dois americanos foram colocados em uma ‘viagem’ simulada de quatro meses à Lua e volta.

(Fonte)


Uma pena eu não falar russo ou ter um M.S, PhD, M.D ou treinamento para oficiais militares, pois já estou trancado no meu apartamento por praticamente 3 anos e até agora ainda não fiquei maluco… eu acho. 🤣

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.