Cientistas começam a acordar para a realidade dos OVNIs

Tempo de leitura: 3 min.

Cerca de 5% dos fenômenos anômalos não identificados relatados – ou os chamados OVNIs – não podem ser explicados e devem ser minuciosamente investigados pelos principais cientistas, de acordo com Etienne Caron (Canadá).

Cientistas começam a acordar para a realidade dos OVNIs

Juntamente com Massimo Teodorani, astrofísico do Instituto Nacional Italiano de Astrofísica (INAF), Etienne Caron nos diz porque, como e onde os cientistas podem desempenhar um papel ativo na compreensão da anomalia. Em essência, eles não estão dizendo que os OVNIs carregam seres inteligentes do espaço sideral, mas reconhecem a importância de monitorar os eventos de uma maneira mais rigorosa e determinística.

Os chamados ‘OVNIs’ têm sido amplamente divulgados em todo o mundo e até mesmo ao longo da história humana. A anomalia parece ser transitória e imprevisível, iridescente e hipnótica, líquida e flutuante, harmônica e etérea, simétrica e assimétrica. Quando esses relatos não são falsificações, trotes ou interpretações errôneas de fenômenos naturais e/ou provocados pelo homem, eles provêm de testemunhas cujo estado emocional geralmente altera o que realmente aconteceu.

Os sensores de medição são capazes de registrar o fenômeno com um alto nível de precisão e reprodutibilidade. Curiosamente, o fenômeno tem sido frequentemente observado em locais específicos do mundo (Figura 1) e a fotometria de alta velocidade pode ter sido usada para monitorar o fenômeno.

Cientistas começam a acordar para a realidade dos OVNIs
Figura 1

Entre esses locais, Hessdalen, na Noruega, é particularmente interessante, pois o fenômeno tem sido relatado com muita frequência, com cerca de 20 observações por mês na década de 1980. Hessdalen agora está equipado com vários instrumentos, registrando continuamente dados em uma estação automatizada. Os dados gravados podem ser plotados em um gráfico para ilustrar a variação dos parâmetros físicos em função do tempo (Figura 2). Posteriormente, uma equação pode ser derivada para descrever a tendência dos dados adquiridos e, finalmente, deduzir uma lei física. Este é um exemplo simplificado do método científico atualmente usado em Hessdalen para descrever o fenômeno anômalo não identificado (UAP) de uma maneira científica rigorosa.

Cientistas começam a acordar para a realidade dos OVNIs
Figura 2. O ‘efeito de agrupamento’ manifestado pelas esferas de luz observadas em Hessdalen. (Acima) Esboço mostrando o mecanismo do aumento da luz dos fenômenos de plasma luminoso em Hessdalen devido a um ‘efeito de agrupamento’ de muitas esferas de luz em torno de um baricentro comum. (Centro) A luz medida medida correspondente obtida com uma câmera de vídeo profissional. (Abaixo) A curva de luz completa obtida durante um período de 3 minutos.

Hessdalen é um bom exemplo de como é possível estabelecer instrumentos adequados para a investigação científica dos OVNIs.

Um OVNI pode vir a ser qualquer coisa: falsificações e trotes, fenômenos naturais desconhecidos, tecnologia humana secreta ou até mesmo visitas de exo-inteligência. A ciência física pode fornecer todos os meios necessários para identificar a natureza dos fenômenos observados e entender quantitativamente o mecanismo físico que os caracteriza. Mais uma vez, identificar locais estratégicos e adotar os instrumentos de medição apropriados é crucial para permitir que os principais cientistas adquiram esses dados. Por exemplo, é possível usar câmeras de vídeo de alta qualidade, alta sensibilidade e para todo o céu, gravações de alta velocidade, espectrógrafos ópticos de baixa e alta resolução, câmeras de imagem térmica, magnetômetros, espectrômetros VLF/ELF e de microondas, radares, LIDARs, detectores eletrostáticos de partículas e gravímetros. Alguns desses instrumentos já foram usados ​​para monitorar OVNIs, mas é necessário financiamento para equipar estações científicas adicionais em vários locais estratégicos predefinidos.

Esta pesquisa ainda está em um estágio muito inicial e nenhuma universidade ainda tem um interesse sério em pesquisar OVNIs. Em nossa opinião, agências de fomento e universidades devem incentivar essa pesquisa porque o fenômeno apresenta o tipo de anomalia que pode levar a descobertas científicas e, finalmente, ao desenvolvimento de tecnologias inovadoras.

(Fonte)


Um cientista ali e outro aqui começam a acordar.

A determinação do que é o fenômeno OVNI é um trabalho que deve ser tomado com a maior seriedade pela ciência, e cientistas que ignoram ou zombam deste fenômeno não são realmente cientistas, mas sim pessoas que tomam o que a ciência descobriu até agora como religião, cheia de domas que não podem ser tocados.

Já passou da hora das instituições científicas acordarem para isso.

E não esqueça que na nossa página principal várias notícias são publicas todos os dias. Clique aqui para acessá-la.

n3m3

Compartilhe este artigo com a galáxia!

_______

ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site. Clique aqui para informações de como fazê-lo, ou use o botão abaixo:


(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)

_______

O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:


PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

[Devido a problemas técnicos, dispositivos móveis que acessam a versão amp (Accelerated Mobile Pages) do OVNI Hoje não terão acesso ao sistema de comentários Disqus. Neste caso, para acessar os comentários simplesmente acesse o site ovnihoje.com diretamente, e não por intermédio do sistema de procura. Estou trabalhando para tentar resolver esta questão.]

-------
-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.