Exército dos EUA aloca US$ 750.000 para estudar material extraterrestre

Tempo de leitura: 2 min.

A To the Stars Academy (TTSA), a organização OVNI de Tom DeLonge, está nos lábios de todos devido ao material extraterrestre que ela afirma possuir.

Exército dos EUA aloca US$ 750.000 para estudar material extraterrestre
Crédito: UFO-Spain.com

No entanto, embora muitas pessoas os tenham acusado de charlatães, no mês retrasado, o Exército dos Estados Unidos anunciou sua colaboração com a organização, surpreendendo a todos.

Após essa notícia, muitos especialistas expressaram que aquilo que a organização possuía não passava de amostras de meteoritos. Rapidamente, a TTSA provou que não era.

O próprio DeLonge e Jeffrey L. Langhout, diretor do Centro de Sistemas de Veículos Terrestres do CCDC do Exército dos EUA, assinaram um acordo para estudar metamateriais para desenvolver a tecnologia do país.

Aqueles que até zombaram de DeLonge e sua obsessão por alienígenas permaneceram de boca aberta a esse fato. E para tornar o assunto mais ‘interessante’, o acordo assinado vazou pelo site Black Vault.

O acordo de colaboração entre o Exército e a TTSA

Embora o documento não revele exatamente a origem dos materiais ou que tipo de tecnologia eles adquiriram na The Star Academy, já temos as declarações de Luis Elizondo.

Elizondo, que já foi diretor do projeto secreto do Pentágono para o estudo de OVNIs, disse a diferentes meios de comunicação que, de fato, esses materiais vieram de além do nosso Sistema Solar.

O contrato também revela que todos os materiais extraterrestres serão analisados ​​nas instalações do governo e que seu objetivo é aplicá-lo para a defesa do país.

Para isso, a gerência alocou um orçamento inicial de US$ 750.000 apenas para o estudo de tecnologia extraterrestre.

Entre os pedidos do governo está a redução da massa inercial, os metamateriais mecânicos, guias de propulsão da energia transmitida, entre outros.

Além disso, garante que, após a conclusão do estudo, o governo se comprometa a devolver os materiais à organização. Algo que não havia sido dito no passado.

De fato, diferentes portais da Internet declararam que o governo solicitava estritamente mantê-los em sua posse por ‘segurança’.

Também vazou que vários dos materiais se tratam de algumas rochas misteriosas que um militar encontrou após o incidente em Roswell.

O militar manteve as pedras escondidas de todos os seus superiores e, segundo Elizondo, esse material não é encontrado na Terra, portanto não foi criado neste mundo.

A isto se acrescenta uma série de características únicas que coincidem com os depoimentos das testemunhas do polêmico evento.

Entre eles estão as propriedades antigravitacionais. Um material que, segundo ele, era uma obsessão de Adolf Hitler durante seu regime nazista.

Parece haver muitas coincidências para se tratar de outra teoria da conspiração simples. No entanto, é prudente continuar esperando para ver como a investigação prossegue.

(Fonte)


A To The Stars Academy já “nos deve” há algum tempo outra “grande revelação”.

Realmente, tudo que podemos fazer é esperar para ver o que acontece.

n3m3

P.S.: Por que o OVNI Hoje publicou este artigo? Clique aqui para saber.

E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Compartilhe este artigo com a galáxia!



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


O OVNI Hoje TAMBÉM ESTÁ NAS REDES SOCIAIS:

O OVNI Hoje precisa de sua ajuda. Você pode ajudar na manutenção do site.

Clique aqui para apoiar através do site Apoia.se, ou use o botão abaixo:


*Agora você também pode doar através de uma transferência PIX, clicando aqui, ou utilizando o QR Code abaixo:

(Obs.: Se preferir utilizar depósito bancário, favor enviar e-mail para n3m3@ovnihoje.com para obter as informações. Obrigado.)



ÁREA DE COMENTÁRIOS:

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.