Asteroide Apophis: fatos menos conhecidos da rocha espacial mais mortal que pode atingir a Terra

Tempo de leitura: 2 min.


O asteroide de nome Apophis 99942, se atingir a Terra, liberará 1.600 megatoneladas de energia e, sim, isso pode trazer uma enorme perda para os humanos.

Asteroide Apophis: fatos menos conhecidos da rocha espacial mais mortal que pode atingir a Terra
Asteroide Apophis. C’redito: NASA

Recentemente, muitos asteroides mortais, incluindo os 2019 OK, 2019 OD, 2015 HM10, 2019 OE, 2019 NN3, 2019 MB4, 2019 MT2, 2006 QV89, 2016 NO56M, RF12 e outros se aproximaram da Terra. Felizmente não atingiram nosso planeta. É importante ressaltar que um asteroide pode causar tsunamis, ondas de choque e ventos devastadores que podem ser catastróficos.

As rochas espaciais se aproximam da Terra devido às forças gravitacionais que as afetam. Dizem que um dia toda a vida na Terra será extinta. Não apenas a vida, mas a Terra também será extinta algum dia e um asteroide pode ser a razão possível.

Chocado ao ouvir isso? Bem, em um futuro próximo, muitas rochas espaciais estarão passando pela Terra. Mais de 7 mil asteróides foram encontrados no espaço. Um asteroide do tamanho de um carro bate na atmosfera da Terra cerca de uma vez por ano.

Por outro lado, um asteroide grande o suficiente para ameaçar a existência de vida na Terra chega uma vez a cada poucos milhões de anos.

O asteróide chamado Apophis 99942, se atingir a Terra, liberará 1.600 megatoneladas de energia e, sim, isso pode trazer uma enorme perda para os humanos.

Aqui estão alguns fatos menos conhecidos a respeito do asteroide Apophis:

• O asteroide Apophis 99942 se aproximará perigosamente da Terra em 13 de abril de 2029.

• Se ele se chocar com a Terra, o Apophis poderá desencadear o maior terremoto já registrado no planeta e, é claro, a rocha espacial matará milhares de pessoas.

• No entanto, as chances d o asteroide Apophis atingir a Terra em 13 de abril de 2029 são quase nulas.

• De acordo com a NASA, o asteroide Apophis retornará à vizinhança da Terra 7 anos depois, em 13 de abril de 2036.

• A rocha espacial supergigante provavelmente não atingirá a Terra no ano de 2036.

• Se o asteroide Apophis atingir a Terra, ele pousará em algum lugar no hemisfério oriental e liberam 1.600 megatoneladas de energia.

• Se comparados, a erupção do vulcão Cracatoa em 1883, que causou destruição em 70% da ilha e seu arquipélago ao cair, liberou apenas 200 megatoneladas.

(Fonte)


Estes são somente alguns fatos interessantes, mas não temos que nos preocupar, pois embora o nome dado a essa rocha espacial significa, em grego, “Senhor do Caos“, a NASA já confirmou que a chance dela atingir a Terra é mínima…

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais, ou use o botão abaixo:



ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.



PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…

-------

BOMBANDO NO planetaabsurdo.com.br:

ALGUÉM ESTÁ COLANDO CHAPÉUS DE CAUBÓI NOS POMPOS EM LAS VEGAS

-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.