web analytics

Criadores dos OVNIs “se parecem exatamente conosco”, diz autor que apoia a teoria de Einstein

Tempo de leitura: 3 minutos


A Área 51, a base da Força Aérea, onde os teóricos da conspiração afirmam que o governo dos Estados Unidos está escondendo evidências de tecnologia alienígena, é o lar de algo extraordinário – mas não se trata de ‘homenzinhos verdes’, afirmou um autor.

Criadores dos OVNIs "se parecem exatamente conosco", diz autor que apoia a teoria de Einstein
Imagem meramente ilustrativa de como os ETs poderiam se parecer.

A base foi notícia recentemente após um evento no Facebook intitulado “Storm Area 51” e agendado para 03h da madrugada em 20 de setembro, atraiu um grande número de pessoas que se comprometeram a participar. KM Lewis, que escreveu um romance sobre a Área 51, intitulado The Thirteenth Guardian (“O Décimo Terceiro Guatdião”, em tradução livre), reconhece que o evento no Facebook foi iniciado como uma “piada” – mas acredita que a verdade realmente está “lá dentro”. Ele disse ao Express.co.uk:

Temos procurado a verdade … mas a verdade errada, na minha opinião.

Segundo alguns pesquisadores, Albert Einstein, um ávido estudante do fenômeno OVNI / UFO, disse uma vez que os OVNIs são máquinas voadoras feitas pelo homem, construídas por uma civilização antiga muito avançada que deixou a Terra 20.000 anos atrás por alguma razão desconhecida.

É uma ideia maluca, mas minha pesquisa sugere que não é uma ideia tão improvável quanto se possa pensar.

Lewis, que disse ter pesquisado o assunto por dez anos, acrescentou:

Acredito que algo pode muito bem ter caído em Roswell / Área 51 … mas não acredito que os ocupantes eram homenzinhos verdes.

Eles se parecem conosco, porque são nossos longínquos e distantes antepassados.

A questão é: o que aconteceu com eles? Por que eles deixaram a Terra? É por isso que eu acredito que há tanto segredo.

A “tecnologia extraterrestre” na Área 51 acaba por ser bastante terrestre.

E se todos esses filmes de ficção científica futuristas (carros voadores, viagens intergalácticas em velocidade de dobra, teletransporte, etc.) não forem o futuro, mas o passado?

Enquanto fiz minha pesquisa, eu estava tão abalado ao meu núcleo que achei que a única maneira de contar a história era através de um romance – “The Thirteenth Guardian“.

Se você ouvir o que Albert Einstein disse, e quando ler o The Thirteenth Guardian, fica muito claro que nossa história é muito mais interessante do que nos foi ensinado.

A tecnologia para viajar de planeta em planeta em pouco tempo não é nova; é esquecida. Já fizemos isso antes – mas há muito tempo.

Nossos antepassados, pessoas como você e eu, eram muito mais inteligentes do que nós reconhecemos.

A ideia de que alguns de nossos antepassados ​​deixaram a Terra por alguma razão desconhecida, de acordo com Einstein (a razão pela qual eles partiram é a premissa do The Thirteenth Guardian), explicaria por que nosso planeta é tão especial para eles. É o lar. ”

A biografia on-line de Lewis, publicada no site de seu livro, www.thirteenthguardian.com, descreve-o como tendo vivido em vários países do mundo e falando várias línguas.

Ele também afirma que “é formado em uma das universidades em destaque em seu livro”, e que quando não está escrevendo, ele “trabalha como consultor de gestão, com clientes em quase todos os continentes”. Lewis atualmente reside na costa leste dos Estados Unidos com sua família, acrescenta sua biografia.

Talvez em consideração à natureza explosiva de suas alegações, ele disse ao Express.co.uk:

Minha biografia, deliberadamente, não menciona muitos detalhes.

(Fonte)


Como a maioria dos autores/escritores, KM Lewis provavelmente é um pseudônimo, assim é difícil saber exatamente a origem do material que ele consultou; afinal, quem aqui sabia que Einstein era um “ávido estudante do fenômeno OVNI / UFO“? Seria esta uma alegação verdadeira, ou somente uma fantasia do autor?

Tudo que sabemos é que Einstein, junto com Oppenheimer escreveram um documento sobre alienígenas, mas isso não significa que ele estudava os OVNIs.

Quanto à sua tese, embora a capa do livro seja muito bonita, não se pode julgar um livro por isso, e o que ele alega cai na grande salada de teorias diversas sobre a origem do fenômeno OVNI, sem que haja alguma prova cabal para respaldar qualquer uma delas.

A única coisa que realmente sabemos sobre o fenômeno OVNI é que ele é real, sem sobra de dúvidas, estando presente por toda a história da humanidade.

Contudo sua real origem é tão elusiva quanto nossos sonhos.

n3m3

Você pode ajudar na manutenção do OVNI Hoje. Clique aqui para saber mais.

ATENÇÃO: Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.


AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários mais abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como ‘inapropriados’, acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.