web analytics

Foguete russo é atingido por raio em pleno voo

Tempo de leitura: 1 minuto


O foguete Soyuz-2.1b, da Rússia, foi atingido por raio, apenas 10 segundos depois de ser lançado do Cosmódromo de Plesetsk … mas ainda resistiu ao duro golpe.

Foguete russo é atingido por raio em pleno voo

É muito comum um avião ser atingido por raio em pleno voo, mas o que é interessante desta vez é que se tratou de um foguete. O evento ocorreu em 27 de maio de 2019, logo após o lançamento do foguete Soyuz.

Como pode ser visto o vídeo abaixo publicado o Twitter, o raio passa através do corpo do foguete, entrando por sua ponta e saindo por baixo, para depois atingir o solo.

Parabéns ao comando das Forças Espaciais, às equipes de combate do Cosmódromo de Plesetsk, às equipes do Centro de Progresso (Samara), da Associação de Produção Científica S.Lavochkin (Khimki) e do Acadêmico MF Reshetnyov ISC com o lançamento bem-sucedido da nave GLONASS!
O raio não é um obstáculo para vocês.
(Tradução Google Translator)

O vídeo impressionante foi publicado mais tarde pelo chefe da Agência Espacial Russa Roscosmos, Dmitry Rogozin.

De acordo com o site strangesounds.org, o general de divisão Nikolai Nesterchuk, disse orgulhosamente:

O clima não é um obstáculo, somos uma tropa para todos os climas.

Para a Soyuz-2.1b, este é o primeiro voo do Cosmódromo de Plesetsk este ano e o 37º desde o lançamento do primeiro teste em 2004.

O foguete não era tripulado, mas mesmo se fosse, os cosmonautas não estariam em perigo, bem como não estariam a tripulação e passageiros de aeronaves convencionais quando estas são atingidas por raio.

Este site publica notícias que estão sendo disponibilizadas na Internet a respeito do fenômeno OVNI, bem como assuntos alternativos relevantes ao nosso planeta/Universo e à raça humana. Antes de criticar um artigo aqui publicado, entenda nossa missão clicando neste link.

Termos recém pesquisados por leitores: