web analytics

Asteroide surpreende a NASA com seu formato inexplicável – não era nada do que pensavam

Tempo de leitura: 1 minuto

* Conteúdo da matéria com veracidade comprovada, de fontes originais fidedignas. (Em se tratando de tese ou opinião científica, só pode ser garantida a veracidade da declaração da pessoa envolvida, e não o fato por ela declarado.) (Missão do OVNI Hoje)

Asteroide surpreende a NASA com seu formato inexplicável - não era nada do que pensavam

Ultima Thule, a rocha espacial mais distante que já visitamos, continua a confundir astrônomos. Ela tem sido descrita como uma batata disforme, um amendoim, um pino de boliche e um boneco de neve. Agora as últimas fotos tiradas pela espaçonave New Horizons em seu sobrevoo revelam outra coisa totalmente diferente.

A extremidade bulbosa maior da rocha, chamada Ultima, não é esférica como pensávamos, mas plana, como um biscoito. O bulbo menor, chamado Thule, também é um tanto achatado, como uma noz.

O cientista da missão, Alan Stern, disse em um comunicado:

As novas imagens estão criando enigmas científicos sobre como tal objeto pode ser formado . Nunca vimos algo assim orbitando o Sol.

A sonda New Horizons da NASA passou pelo Ultima Thule na véspera de Ano Novo deste ano, tirando fotos e coletando dados, enquanto voava a 3500 quilômetros da rocha que tem 32 quilômetros de comprimento. As últimas fotos foram tiradas depois que a espaçonave passou por ela, revelando um ângulo diferente.

Acredita-se que o asteroide Ultima Thule seja um remanescente do sistema solar primitivo, de modo que estudá-lo poderia nos dizer como os planetas se formaram. Sua forma desconcertante desafia a explicação por enquanto, mas certamente inspirará novas teorias, à medida que a New Horizons envia mais dados.

(Fonte)


Por essa ninguém esperava. Mistério do Universo!