web analytics

Cosmonautas fizeram caminhada espacial para procurar por evidência de sabotagem na ISS

Tempo de leitura: 2 minutos
Cosmonautas fizeram caminhada espacial para procurar por evidência de sabotagem na ISS

Demorou um pouco mais do que o esperado, mas, segundo todos os relatos, a caminhada espacial de terça-feira foi um sucesso. 

Por volta das 16h UTC, os cosmonautas da Estação Espacial Internacional (ISS), Oleg Kononenko e Sergei Prokopyev, partiram para uma caminhada espacial de aproximadamente seis horas. O objetivo: examinar um buraco na cápsula Soyuz que alguns acreditam poderia ter sido um ato de sabotagem. 

Cinco horas depois, a dupla finalmente teve a primeira visão do buraco, e menos de três horas depois, eles estavam em segurança de volta dentro da ISS. 

De acordo com uma reportagem da Associated Press, Kononenko e Sergei passaram as primeiras quatro horas da sua caminhada no espaço simplesmente indo até o local do buraco, cobrindo uma distância de aproximadamente 30 metros. Em seguida, usando uma faca e cortadores longos, dedicaram mais de uma hora para remover um pedaço de isolamento de 25 por 25 centímetros no exterior da Soyuz. O objetivo do trabalho foi expor o casco externo da cápsula. Finalmente, os cosmonautas conseguiram ver o buraco, que media cerca de 2 milímetros de diâmetro. Ao contrário da visão do buraco do interior da Soyuz, que tinha o que pareciam ser marcas de perfuração perto dele, do lado de fora, o buraco parecia ser um minúsculo ponto preto – sem marcas de broca. 

Os cosmonautas coletaram amostras perto do local do buraco antes de remendar o isolamento e retornar à estação espacial, cerca de oito horas após o início da caminhada espacial da ISS. 

As amostras que Kononenko e Sergei coletaram retornarão à Terra a bordo da Soyuz quando ela se soltar da ISS em 19 de dezembro. 

A parte do casco com o buraco se desprenderá da cápsula antes que ela reentre a atmosfera da Terra. Isso significa que as amostras, junto com qualquer evidência de foto e vídeo, podem acabar sendo as únicas pistas que os investigadores terão para a origem deste misterioso buraco na ISS.

(Fonte)

Se você não sabia da história toda, veja o artigo abaixo:

n3m3