Está chovendo aranhas na Austrália e um estudioso de OVNIs está empolgado com o fato

Tempo de leitura: 2 min.
Teia de aranha normal. Foto: Rob Stothard/Getty Images.

Este mês, a previsão do tempo para a Austrália não está boa para pessoas aracnofóbicas.  Isto porque a previsão é de que irá chover bebês de aranhas em uma parte da Austrália, de acordo com cientistas.

Nuvens de milhões de bebês aranhas foram avistados precipitando do céu na região sul de New South Wales, no início deste mês, cobrindo partes da zona rural e até algumas casas, com teias que foram trazidas pelo vento.

O que acontece é que durante um período do ano, particularmente em maio e agosto, aranhas jovens em algum lugar do Outback liberam suas teias para cima no ar e as usam como paraquedas para tirá-las do solo e levá-las em grandes colônias através do céu“, disse Keith Basterfield, um aposentado local para o jornal Goulburn Post.

Basterfield também aproveitou a oportunidade para pedir ao público que enviem a ele amostras das teias, as quais algumas vezes são chamadas de “cabelo de anjo”.  O jornal concordou e publicou o número de sua caixa postal, onde a população pode enviar as amostras.

Cabelo de anjo. © Brian Boldman

Mas há um lado oculto e mais bizarro quanto ao ‘cabelo de anjo’, que é o motivo principal para este aposentado pedir por amostras de teias.  Basterfield é bem conhecido na comunidade de pesquisadores de OVNIs, tendo publicado alguns livros sobre o tópico.  Ele também tem catalogado e analisado amostras de ‘cabelo de anjo australiano desde, pelo menos, 2001.

Por que?  Bem, pode ser porque muitos entusiastas e pesquisadores de OVNIs acreditam que alguns exemplos de ‘cabelos de anjo‘ possam na verdade ser uma misteriosa substância criada pela interação de um OVNI, ou seu campo eletromagnético, com a atmosfera da Terra.

Mas neste caso em particular, tanto Basterfield quanto cientistas parecem concordar que aquilo que caiu nos campos australianos estes mês provavelmente foram teias de aranha.

O naturalista Martyn Robinson, do Museu Australiano, disse para o Sydney Morning Herald que as aranhas que disparam suas teias na brisa podem algumas vezes se deslocar longas distâncias em grupos.

Você pode ter campos inteiros e celeiros e árvores infestadas com esta teia, ou cabelo de anjo, como algumas pessoas as chamam“, disse ele, também realçando ser improvável que estas aranhas sejam venenosas ou nocivas.

Para ler um artigo do relacionado diretamente à associação dos ‘cabelos de anjo’ ao fenômeno OVNI, favor acessar o seguinte link: https://ovnihoje.com/2011/03/07/substancia-misteriosa-deixada-por-aparicoes-de-ovnis

n3m3

Fonte: www.forbes.com

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.