Minúsculo globo metálico pode ser prova de que ETs estão nos vigiando, dizem cientistas

Tempo de leitura: 2 min.
Balões enviados à estratosfera para coletar de material retornaram trazendo um objeto de diâmetro não mais espesso do que um cabelo humano, o qual possui uma substância biológica gosmenta saindo dele.

 

O seguinte artigo está diretamente relacionado a uma matéria publicada aqui no OVNI Hoje em janeiro passado, pois faz parte da continuação da mesma pesquisa: https://ovnihoje.com/2015/01/23/cientistas-encontram-um-microscopico-balao-vivo-no-espaco

Cientistas nos Reino Unido dizem que um globo metálico microscópico poder ser prova de que alienígenas estão nos vigiando.

O professor Milton Wainwright, líder de um estudo conduzido pelo Centro para a Astrobiologia da Universidade de Buckinham e pela Universidade de Sheffield, disse que a estrutura é feita de titânio e vanádio, e possui uma substância biológica gosmenta saindo dele.

Os cientistas acreditam que ele contenha material genético usado para propagar a vida alienígena na Terra.

University of Buckingham
Centro de pesquisa da Universidade de Buckingham.

É uma bola da espessura de uma cabelo humano, a qual possui vida filamentosa no lado de fora e um material biológico gosmento saindo do seu centro“, disse o professor Wainwright para o site Daily Express. “Ficamos abismados quando a análise de raio-X mostrou que a esfera é feita principalmente de titânio, com traços de vanádio.  Uma teoria é a de que ela foi enviada para a Terra por alguma civilização desconhecida, para continuar semeando o planeta com vida.  Este peça, que se assemelha à ficção científica chamada de ‘panspermia direcionada’, provavelmente não seria levada a sério por qualquer cientista, não fôra pelo fato disso ser sugerido pelo ganhador do Prêmio Nobel, Sir Francis Crick.  A menos, é claro, que encontremos detalhes da civilização que supostamente a tenha enviada, neste respeito esta é provavelmente uma teoria improvável.

O professor Wainwright descreveu como a esfera impactou o balão.

Ao atingir o equipamento de amostra da estratosfera, ela fez uma ‘cratera de impacto’, uma versão minúscula de uma cratera de impacto na Terra causada por um asteroide que teria causado a extinção dos dinossauros”, disse o professor.  “Esta cratera de impacto prova que a esfera estava vindo do espaço para a Terra, pois um organismo originário daqui não estaria viajando tão rápido ao retornara à Terra para causar tamanho impacto.  Por agora, estamos contentes em dizer que a esfera de titânio que contém vida veio do espaço, possivelmente de um cometa.

Wainwright ainda disse que “a NASA atualmente está enviando um balão para a estratosfera, a fim de procurar por vida.  Esperançosamente eles obterão os mesmos resultados que obtivemos.  Se eles irão reconhecer os resultados da nossa equipe, ou alegar a descoberta por eles mesmos, ainda não sabemos.

Alerto a todos que, embora a esfera tenha sido comprovadamente encontrada, não há confirmação científica alguma de que ela foi enviada por outra civilização, podendo até ser o caso dela ter vindo de um artefato (foguete, satélite) fabricado aqui mesmo na Terra.  Contudo, se houver comprovação de que a substância gosmenta encontrada nela é mesmo biológica, o caso fica um tanto mais complicado para aqueles que estão presumindo sua origem como sendo deste planeta.

n3m3

Fonte: www.mirror.co.uk

Colaboração: Inúmeros leitores.  Obrigado a todos.

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.