Petição para entrevista de Gevaerd na Band

Tempo de leitura: < 1 min.

Nosso parceiro em ovniologia Weslem Andrade, administrador do blog ETs & ETC, publicou no site secure.avaaz.org uma petição intitulada “Grupo Bandeirantes de Televisão – BAND: Entrevistem no CANAL LIVRE o ufólogo Ademar Gevaerd“.

Veja o que Weslem escreveu:

gevaerd
Ademar Gevaerd, editor chefe da revista UFO.

Acredito que o programa CANAL LIVRE seja um dos programas de entrevistas mais sérios do Brasil. Creio que o tema UFOLOGIA mereça ser tratado na mídia de forma mais séria, com boas entrevistas e com bons esclarecimentos às pessoas leigas e também às pessoas que pesquisam o assunto. Assuntos ufológicos são tratados na mídia aberta sempre com entrevistas recheadas de chacotas, piadas e descredibilização de forma geral. Acredito que ufologia seja coisa séria e deva ser tratada como tal, muitos países pelo mundo todo, inclusive o Brasil, tem liberado arquivos secretos e ultra-secretos sobre o assunto. As pessoas precisam ter este conhecimento, por isso peço a presença de um dos nossos maiores ufólogos no excelente programa de entrevistas, CANAL LIVRE da Band.

O OVNI Hoje presta seu apoio à esta iniciativa, disponibilizando aqui o link para os nossos leitores que queiram assinar a petição: Petição.

Desejamos muito sucesso à iniciativa.

n3m3

-------
-------

AVISO: Todos são bem-vindos a participar da área de comentários abaixo. Contudo, os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de seus próprios autores e o site OVNI Hoje não se responsabiliza por quaisquer inconveniências ou conflitos por eles causados.

Também informamos que, a fim de não causar distrações e conflitos desnecessários, comentários, avatares e pseudônimos com viés político, seja de qual ideologia for, serão prontamente apagados quando encontrados pelos moderadores. O foco dos comentários deve ser mantido no assunto de cada artigo e somente desviado quando for pertinente ao tema do OVNI Hoje.

Assim, colabore com o bom andamento dos comentários, seja civilizado ao comentar e reporte abusos, marcando comentários fora do padrão como 'inapropriados', acessando a pequena flecha apontada para baixo no lado direito de cada comentário.

Obrigado.