Observatórios de universidades procuram por vida extraterrestre

Tempo de leitura: 2 min.
Phil Langill (Foto: Morgan Shandro / the Gauntlet)

Coincidentemente, logo após noticiarmos aqui no OVNI Hoje que um grupo de astrônomos estão reavaliando a forma com que enviamos mensagens para que possam ser decifradas pelos alienígenas, esta outra notícia chega até nós, publicada pelo site canadense thegauntlet.ca:

A absoluta vastidão do nosso universo torna difícil pensarmos de que não haja vida lá fora.

Para ter uma oportunidade de escutar diretamente a uma pessoas que está na linha de frente da procura por vida extraterrestre, visite o Observatório Astronômico de Rothney, neste Sábado, 12 de fevereiro.  Phil Langill, do Departamento de Física e Astronomia da Universidade do Calgary, irá palestrar sobre as estratégias que estão sendo usadas neste momento para encontrar planetas fora de nosso sistema solar.

É sempre uma época muito empolgante para alguém que esteja à procura de vida extraterrestre”. disse Langill. “Agora temos a tecnologia e a habilidade de identificar planetas fora de nosso sistema solar.  Até de 10 anos atrás, ninguém era capaz de ver planetas fora de nosso próprio sistema solar…  …Com o desenvolvimento de nova tecnologia, agora podemos ver, classificar e comparar outros sistemas solares ao nosso.

Langill também irá palestrar sobre as características que estes planetas necessitam ter para abrigar a vida e como a recente descoberta de micróbios que usam DNA baseado em arsênio para alguns de seus processos (que foi publicado aqui no OVNI Hoje), aumenta a possibilidade de encontrar vida no espaço.

Pensávamos que entendíamos todos os processos que favorecem a vida,” disse Langill.  “Agora temos que começar a olhar em outros lugares e temos que ser mais abrangentes em nossa procura, porque não entendemos isso completamente“.

Fonte: thegauntlet.ca

———————-

Editorial:

A corrida já começou.  Como já mencionamos anteriormente, a ciência convencional parece estar gradativamente mudando sua visão.  De repente, a procura por vida extraterrestre virou moda nas importantes universidade ao redor do mundo.  Já não é mais algo vergonhoso para um cientista declarar que está procurando por ETs.

Penso que um dos grandes e esperados eventos que está por vir é a alteração do paradigma não só pelos cientístas, mas também por toda sociedade.

Os ventos da mudança já começam a soprar.

n3m3

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.