Astrônomos do SETI supostamente detectaram sinal alienígena vindo da maior lua de Júpiter

Tempo de leitura: 2 min.
Ganimedes, a maior lua de Júpiter

Artigo interessante encontrado no site scienceray.com, com um final excepcional (não deixem de ler até o fim):

Teriam os astrônomos do SETI realmente detectado um sinal alienígena vindo de Ganimedes, a maior lua de Júpiter, durante a década de 1980?

De acordo com o pesquisador, Rupert Matthews, isto foi afirmado por um astrônomo da NASA, que trabalhava em contato constante com o SETI (Search for Extraterrestrial Intellingence).

Apesar disso parecer algo fantástico demais, lembrem-se que foi somente nas últimas décadas que os astrônomos confirmaram as fortes evidências de oceanos líquidos nas três maiores luas de Júpiter: Europa, Ganimedes e Calisto.

E, como todos sabem, água é o elemento que deve estar presente para a vida [tal como a conhecemos] desenvolver.  Assim, enquanto este cenário possa parecer improvável, certamente não é impossível.  Infelizmente, o sinal parece ter sido recebido por um breve espaço de tempo e nunca mais foi detectado.   Assim, pode-se dizer que estes alienígenas poderiam estar somente visitando a área e não são residentes daquela lua.

Isto é o que Rupert Mathews relata em seu livro  Alien Encounters: True Stories of Aliens, UFO’s and other E.T. Phenomenon (Encontros Alienígenas: Histórias Verdadeiras de Alienígenas, OVNIs e outros Fenômenos de ETs – trad. livre n3m3), que foi publicado em 2008:

Astrônomos do SETI captaram um sinal de rádio que parecia ter uma mensagem codificada nos meados da década de 1980.  O sinal estava vindo da lua Ganimedes, de Júpiter, e definitivamente era de natureza artificial.  O sinal passou por múltiplos computadores e nenhum sentido pode ser extraído da mensagem.

O Presidente Ronald Reagan foi notificado e uma conferência internacional foi constituída para tentar contactar os seres que enviaram a mensagem.  Eventualmente, foi decidido o envio de um sinal para a exata localização de onde a mensagem veio em Ganimedes.

Este sinal teria seria enviado em Código Morse, que foi considerado o mais fácil para uma civilização alienígena decodificar.  O sinal passava a seguinte mensagem: “RECEBEMOS O SEU SINAL, MAS NÃO O ENTENDEMOS.  FAVOR ENVIAR NOVAMENTE SEU SINAL, USANDO ESTA LINGUAGEM E CÓDIGO DE TRANSMISSÃO”.

Imediatamente após a mensagem ser enviado, o misterioso sinal de Ganimedes cessou sua transmissão, assim todos presumiram que logo receberiam um novo sinal em Código Morse.  Mas, dia após dia, e semana após semana, nenhum sinal veio e as autoridades começaram a perder as esperanças de realmente receber uma resposta.

Finalmente, após mais de um mês, um sinal foi detectado vindo da fonte original de Ganimedes, e incrivelmente era em Código Morse.  Ansiosamente os cientistas da NASA traduziram nosso primeiro contato com uma civilização alienígena e a tradução foi: “NÃO ESTAMOS FALANDO COM VOCÊS”.

Então, foi este nosso primeiro contato direto com uma civilização alienígena?  Se realmente foi, isto pode ser olhado, ou como algo positivo, ou algo negativo.  Por eles dizerem que não estavam falando conosco, pode ser uma indicação de que não somos importantes, ou suficientemente desenvolvidos para eles, o que seria uma coisa muito negativa.  Mas isto também indicaria a existência de múltiplos alienígenas em nosso canto da galáxia, o que pode ser visto como algo positivo.

Fonte: scienceray.com

———————

Editorial: Não temos como atestar a veracidade desses fatos, nem da integridade do autor do livro acima mencionado.  Contudo, não tivemos como deixar de publicar este artigo, pois,  principalmente se este foi um fato verídico, é digno de muitas gargalhadas.  Aliás, até consideramos colocar este artigo na nossa seção de humor, mas o site original não o classificou como tal.

Imaginem se for verdade: uma civilização alienígena falando “NÃO ESTAMOS FALANDO COM VOCÊS” para a raça humana, a qual está desesperadamente  tentando abrir os canais de comunicação.

Acho que até mesmo os ETs têm senso de humor.  Se dar o trabalho de decodificar a mensagem enviada por nós, traduzi-la para sua linguagem e recodificar a reposta traduzida em Código Morse, só para mandar alguém calar a boca?  (Estou rindo neste momento).

Pelo menos a leitura não deixa de ser interessante.

O OVNI Hoje mal pode esperar para ler seus comentários sobre este artigo… (desculpem, mas ainda estou rindo daquela situação… e muito!).

n3m3

AVISO: Fique alerta quanto as regras da área de comentários clicando aqui.