Fotos da época mostram como as pirâmides do Egito foram construídas (humor)

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 2 min.
Foto da época do antigo Egito mostrando que um grupo de pessoas pode mesmo levantar qualquer peso e as pirâmides foram construídas por humanos.
Os escravos do faraó eram conhecidos por possuir grande força, porém hérnias eram bem comuns após poucos anos de trabalho, o que lhes concedia uma aposentadoria precoce.
Uma grupo de escravos carregando grandes blocos de rocha já processadas para a construção da próxima pirâmide. Note que o primeiro grupo está tendo alguma dificuldade e chamam mais pessoas para ajudarem na tarefa.

…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui para acessá-la.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar, pois cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

Lembre-se que as doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ❤️ Silas Raposo ❤️ Danilo Tercariol ❤️

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:


EgitoFotosHumorpirâmides
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (0)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.