Pesquisador patrocinado pela NASA sugere ser possível mudar as leis da física

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: < 1 min.

Em uma visão extremamente cósmica do cérebro, o professor de astrofísica da Universidade de Rochester, Adam Frank, sugere que uma civilização poderia avançar tanto que poderia eventualmente mexer nas leis fundamentais da física.

É uma proposta alucinante que vai muito além da estrutura convencional do entendimento científico, um lembrete de que talvez devêssemos ousar pensar fora do quadrado – especialmente enquanto continuamos nossa busca por civilizações extraterrestres.

Se uma civilização fosse capaz de mudar as leis da física, “a própria natureza da energia, com regras estabelecidas como conservação de energia, estaria sujeita a revisão no âmbito da engenharia”, Frank, que faz parte da NASA- patrocinado pelo programa Categorizing Atmospheric Technosignatures, escreveu em uma dissertação o para o Big Think.

Por exemplo, como o astrofísico Caleb Scharf argumentou em um artigo de 2016, uma civilização alienígena poderia estar por trás da matéria escura, o material teórico que – no que diz respeito à nossa compreensão atual do universo – compõe a maior parte da massa em o universo.

Frank leva o conceito ainda mais longe, sugerindo que civilizações alienígenas avançadas podem “misturar e combinar as leis físicas da maneira que acharem melhor”.

É tudo muito improvável, e o astrofísico é o primeiro a reconhecer isso, apontando que neste momento, é principalmente ‘divertido’ pensar sobre essas coisas.

Frank conclui que, embora o controle dessas leis possa ser bastante improvável, é muito mais provável que elas imponham “limites severos à vida e ao que ela pode fazer”.

Portanto, é possível que “simplesmente não haja como contornar os limites impostos pela velocidade da luz”, admite Frank.

(Fonte)


…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui para acessá-la.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar, pois cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

Lembre-se que as doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ❤️ Silas Raposo ❤️ Franklin Viana ❤️Leopoldo Della Rocca ❤️

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:


Adam Frankalienígenasleis da físicaOvniHoje
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (0)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.