A teoria da conspiração da guerra subterrânea entre Boinas Verdes e ETs

Tempo de leitura: 2 min.

O ano é 1979. O resultado da batalha deixou 60 humanos mortos em combate e um número incalculável de tropas inimigas mortalmente feridas. Foi a maior ameaça das Forças Especiais do Exército dos EUA – e ninguém jamais saberia sobre isso. Os Boinas Verdes foram despachados para Dulce, Novo México, para manter as forças alienígenas no subsolo e longe do resto do mundo. Eles tiveram sucesso, mas a que custo?

Imagem meramente ilustrativa.

Pelo menos, é assim que o engenheiro de explosivos Philip Schneider conta sua parte da história. Ele estava no Novo México naquele ano e sabia que a ameaça alienígena era real.

Schneider afirma que estava trabalhando em uma base subterrânea altamente secreta na Reserva Apache Jicarilla, no Novo México, perto de Dulce, uma cidade fronteiriça do Colorado. Ele disse ao Huffington Post que começou a suspeitar da verdadeira intenção do projeto quando notou soldados das Forças Especiais Americanas operando na área e ao redor dela.

Eles não enviam Boinas Verdes para o Novo México sem motivo. Schneider alegou que os alienígenas “grays” estavam conduzindo experimentos médicos bizarros com a humanidade, tanto humanos vivos quanto amostras de DNA. Ele disse que nas profundezas do subsolo, os “grays” absorviam sangue humano e de vaca para seu sustento.

Schneider finalmente surgiu com sua história em meados da década de 1990. Dois anos depois, ele se matou com um cordão de cateter – um suicídio que traz alguns gritos de “jogo sujo”. Na época, o engenheiro disse que começou a construir uma base subterrânea como faria com qualquer outra base, fazendo furos. Desta vez, porém, um cheiro acre de lixo queimado emergiu dos buracos perfurados. Foi quando a luta começou.

Então, um dia, ele se virou e ficou cara a cara com o que ele chamou de “alienígena cinza fedorento de 2,10 metros de altura”. Imediatamente, o engenheiro agarrou sua pistola e derrubou dois deles. Um terceiro estourou alguns de seus dedos com uma espécie de laser. Foi quando um dos Boinas Verdes se sacrificou para salvar a vida de Schneider.

A luta se transformou em uma batalha completa que matou 60 humanos. Os Boinas Verdes reagiram instantaneamente, trazendo todo o poder de fogo que podiam contra os alienígenas. Os alienígenas responderam disparando raios azuis de poder radiante com movimentos de suas mãos. O tipo de raio que arrancou os dedos de Schneider estava virando os soldados das Forças Especiais do avesso. Finalmente, os alienígenas cederam, recuando mais para dentro do complexo.

O que aconteceu nos anos que se seguiram ninguém sabe.

Antes de sua morte, Schneider alegou que havia mais de 1.400 dessas bases subterrâneas em todo o mundo, cada uma com um preço de bilhões. As 192 bases dentro dos EUA também são consideradas interconectadas.

Embora não haja mais informações sobre o que começou a guerra alienígena subterrânea ou se ela continua até hoje, os moradores da vizinha Dulce atestam acontecimentos estranhos em áreas próximas à base.

(Fonte)

Colaboração: Evandro Giordano – Cavok


E não esqueça: nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

Atenção: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

PARTICIPE DOS COMENTÁRIOS MAIS ABAIXO…


ÁREA DE COMENTÁRIOS

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta. O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!

alienígenasbases extraterrestresboinas verdesextraterrestresgraysOVNI HojePhilip Schneider
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (0)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.