Extraterrestres no Vaticano: seus arquivos secretos descobertos

COMPARTILHE COM A GALÁXIA:
Tempo de leitura: 3 min.

O segredo está instalado no Vaticano há séculos. O maior repositório de documentos está oculto nos Arquivos Secretos do Vaticano.

No Vaticano existem dezessete milhões de páginas de documentos, correspondentes a um período de doze séculos, em mais de 85 quilômetros de estantes.

Ao lado da Biblioteca Apostólica e ao norte da Capela Sistina, os arquivos secretos do Vaticano são, sem dúvida, a coletânea de documentos históricos mais incríveis que existe hoje no mundo.

O sigilo em torno desses escritos deu origem a múltiplas teorias da conspiração. Uma das mais difundidas é que o Vaticano conhece a existência de vida extraterrestre.

Mesmo quando o cardeal Conrado Balducci comentou, há mais de 15 anos, que pelo menos sua experiência lhe dizia que a presença de seres inteligentes no Cosmos era “inevitável”, ele falava não apenas como homem da Igreja.

Ele fez isso como um exorcista reconhecido e especialista em ‘demonologia’, que escreveu, com o consentimento do papa João Paulo II, dois livros sobre Satanás e fez declarações públicas onde afirma que:

Devemos enfatizar que encontros com alienígenas NÃO são demoníacos, NÃO são devidos a deterioração psicológica, NÃO são um caso de posse de entidades, no entanto, esses encontros merecem ser cuidadosamente estudadas.

 É razoável acreditar e ser capaz de afirmar que existem alienígenas. Sua existência não pode continuar sendo negada, porque há muita evidência sobre eles e os discos voadores

Em uma entrevista, Balducci disse:

Lembremo-nos de um parágrafo do Novo Testamento em que São Paulo se refere a Cristo como Rei do Universo, e não apenas como Rei do mundo.

Isso significa que todos os seres do Universo, incluindo alienígenas, são reconciliáveis ​​com Deus.

Nomeado no ‘Pai de Honra‘ do Vaticano, desde 1964, Balducci é um membro oficial da família do papal.

Antes e depois, havia muitos padres que fizeram declarações públicas a esse respeito, mas, certamente, nenhum deles teve relevância mundial, pelo menos não aquele que adquiriu as palavras de Balducci, dada sua investida proeminente.

E, igualmente de forma sugestiva, vale a pena notar aqui que os prelados que sempre, mais ou menos discretamente, demonstraram interesse na possibilidade de não estarmos sozinhos no universo, eram os jesuítas. A mesma prelatura do atual Papa Francisco, coincidentemente.

Há muitos anos, o Vaticano instala os VATTs (sigla para telescópios astronômicos e radioelétricos) em diferentes partes do mundo.

Na realidade, eles são apenas uma dúzia, espalhados pela superfície da Terra. Estranhamente, o localizado nos Estados Unidos é equidistante de dois dos principais lugares do folclore ufológico:

Roswell e Área 51 (onde se afirma que as forças armadas dos EUA ocultariam material de espaçonave alienígena sinistra, e como experimentariam com ‘engenharia reversa’, isto é, o uso de tecnologia não humana.

Como se isso não bastasse, ele financiou e co-projetou, juntamente com a NSA, o SkyHole 12, um ‘telescópio espacial’, gêmeo do famoso Hubble, mas, diferentemente este, esse outro é totalmente secreto.

Tanto o Vaticano quanto a NSA – o que parece uma mistura incomum – operam em conjunto, e é conveniente saber que o SkyHole direciona suas lentes para a superfície da Terra – para obter imagens de uma proximidade incrível para fins militares e de espionagem – e também para o espaço profundo.

Sem dúvida, acreditamos, a NSA está interessada na primeira dessas aplicações. Para o Vaticano, qual delas lhe interessaria?

No dia 12 de fevereiro, uma conferência será realizada no Vaticano sob o título: O Universo e Possíveis Encontros com Outras Civilizações.

Em 2 de março de 2020, o Vaticano permitirá que vários pesquisadores de vários países acessem informações desde o final do pontificado do Papa Pio XII, ou seja, desde o ano de 1958 até os dias atuais…

Tudo sugere que pode haver uma abertura para a revelação da existência de vida extraterrestre no universo e, possivelmente, em nosso mundo…

(Fonte)


Dando aqui uma de “São Tomé”, só acredito vendo.

…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar. Cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

As doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês: Edward Vaz Jr. ||| Silas Raposo ||| Franklin Viana ||| Karin Gottert ||| Leopoldo Della Rocca

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

  • Os comentários são de responsabilidade única e exclusiva de cada pessoa que comenta, portante aja com responsabilidade.
  • O OVNI Hoje não se responsabiliza por transtornos, rixas ou quaisquer outras indisposições causadas pelos comentários.
  • Comente educadamente e com ética, sempre tratando seu colega de comentários como você mesmo/a queira ser tratado/a.
  • Qualquer comentário com “pregação” política ou religiosa, obsceno ou inapropriado será prontamente apagado pelos moderadores.
  • A PRIMEIRA TENTATIVA DE BURLAR AS REGRAS INCORRERÁ EM BANIMENTO DA ÁREA DE COMENTÁRIOS!
COMPARTILHE COM A GALÁXIA:
alienígenasdesacobertamentoextraterrestresOVNI HojeVaticano
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (0)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.