Astrônomos reclamam que os satélites da SpaceX estão bloqueando a visão das estrelas

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 2 min.
Ouça este artigo...

A empresa espacial de Elon Musk, SpaceX, está tentando levar a banda larga ao mundo, enviando até 12.000 pequenos satélites para órbita baixa da Terra. Mas nem todo mundo está emocionado.

REIDAR HAHN/FERMILAB

Os astrônomos estão descobrindo que os 122 satélites que a SpaceX lançou até agora já estão arruinando o céu noturno, aparecendo como trilhas extremamente brilhantes de luz nas observações.

Clarae Martínez-Vázquez, astrônoma do Observatório Interamericano Cerro Tololo, no norte do Chile, twittou:

“‘Uau!! Estou chocada!!. A enorme quantidade de satélites Starlink cruzou nossos céus hoje à noite no @cerrotololo. Nossa exposição [Câmera de energia escura] foi fortemente afetada por 19 deles!

Céus lotados

A empresa espacial enviou 60 novos microssatélites Starlink para a órbita baixa da Terra em 11 de novembro, e muitos outros lançamentos estão planejados. No ano passado, a Comissão Federal de Comunicações aprovou a solicitação da SpaceX de lançar 7.518 satélites adicionais, elevando o total de unidades aprovadas para quase 12.000.

Isso significa que, se a SpaceX seguir seu plano, o problema só vai piorar.

Martínez-Vázquez ainda escreveu:

O trem dos satélites Starlink durou mais de 5 minutos !! Um pouco deprimente… Isso não é legal!

Interferência de rádio

A União Astronômica Internacional destacou a questão em uma declaração de junho, argumentando que os satélites refletivos Starlink poderiam “prejudicar as capacidades sensíveis dos grandes telescópios astronômicos terrestres” e que “os sinais de rádio agregados emitidos pelas constelações de satélites ainda podem ameaçar as observações astronômicas nos comprimentos de onda do rádio.”

Alguns astrônomos estão até transformando o problema em um meme:

Nova definição de palavra:

Starlinkar uma foto – adicionar trilhas similares a satélites a uma foto para obter um toque especial.”

Exemplo: “Olhe, Leonardo, eu ‘starlinkei‘ a Mona Lisa para você!”

(Fonte)


Será que o preço do avanço tecnológico será perdermos a capacidade de olhar as estrelas a partir da superfície da Terra?

…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar. Cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

As doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês!

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

astrônomosElon MuskSapceXStarlink
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (0)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.