Terra já pode estar dentro de um buraco negro, diz cientista

Compartilhe com a galáxia!
Tempo de leitura: 2 min.
Ouça este artigo...


Um físico afirmou que a Terra e o universo inteiro já podiam estar dentro de um buraco negro.

Segundo o físico, essa teoria está relacionada à ideia de que o Big Bang era na verdade um buraco negro.

Conforme indicado em vários relatórios científicos, os buracos negros podem se formar de várias maneiras, como quando uma estrela massiva maior que o Sol entra em colapso e morre. Essa ocorrência causa uma supernova e a formação de um buraco negro.

Os cientistas também acreditam que uma colisão entre duas estrelas de nêutrons pode criar um buraco negro.

Em teoria, esses cenários indicam que os buracos negros são formados quando existe um grande volume de massa em um determinado ponto no espaço. Isso causa uma fenda no tecido espaço-temporal, o que leva a um buraco negro.

Devido a essa teoria, muitos cientistas acreditam que o Big Bang, creditado como criador de todo o universo, era na verdade um buraco negro. Segundo os defensores dessa teoria, o Big Bang era um buraco negro que se abriu em um universo diferente. O material cósmico absorvido pelo buraco negro tornou-se os blocos de construção do Universo.

Para o físico teórico Nikodem Poplawski, da Polônia, esse conceito aponta para a possibilidade de que o Universo em que a Terra se encontra tenha sido formado dentro do buraco negro do Big Bang.

Ele em um artigo que escreveu para a Inside Science:

Nosso universo pode existir dentro de um buraco negro. Isso pode parecer estranho, mas poderia ser a melhor explicação de como o universo começou e o que observamos hoje.

É uma teoria que foi explorada nas últimas décadas por um pequeno grupo de físicos, inclusive eu.

Se essa teoria for verdadeira, explicaria porque o universo ainda está crescendo e se expandindo. Como o buraco negro do Big Bang ainda está ativo, o material cósmico que ele absorve continuamente se torna parte do universo em crescimento.

Poplawski observou que isso também poderia explicar porque as agências espaciais não podem observar o que está acontecendo dentro de outros buracos negros.

Ele afirmou:

Todo buraco negro produziria um novo universo bebê por dentro. Se isso é verdade, então a primeira matéria em nosso Universo veio de outro lugar. Portanto, nosso próprio universo pode ser o interior de um buraco negro existente em outro universo.

Assim como não podemos ver o que está acontecendo dentro dos buracos negros no cosmos, qualquer observador no universo pai não pode ver o que está acontecendo no nosso.

(Fonte)


Uma tese interessante que, se verdadeira, significa que há incontáveis universos em um gigantesco multiverso, que alguns cientistas cogitam existir.

…E não esqueça: Nossa página principal é atualizada diariamente, com novos artigos podendo ser publicados ao longo do dia. Clique aqui.

ATENÇÃO: Qualquer artigo aqui publicado serve somente para cumprir a missão deste site. Assim, o OVNI Hoje não avaliza sua veracidade totalmente ou parcialmente.

IMPORTANTE: Se puder, colabore para manter o OVNI Hoje no ar. Cada doação, por menor que seja, é crucial para manter este espaço de informação e conhecimento disponível para todos os interessados. Ao utilizar o QR code do PIX abaixo ou a chave PIX “OVNIHoje” (sem aspas), você está desempenhando um papel fundamental na sustentação deste site.

As doações não são apenas um ato de generosidade, mas também uma demonstração do seu compromisso em apoiar o compartilhamento de informações relevantes e o crescimento da comunidade interessada em assuntos tão fascinantes, possibilitando a continuação das pesquisas, análises e publicações que enriquecem nosso entendimento.

Seja parte deste movimento contínuo em prol do conhecimento. O OVNI Hoje e seus leitores agradecem sinceramente por seu apoio dedicado.

Agradecimentos aos colaboradores do mês!

Muito obrigado!


ÁREA DE COMENTÁRIOS
(Mais abaixo…👇)

ATENÇÃO:

astronomiaBig Bangburaco negroUniverso
Comentários não são disponíveis na versão AMP do site. (0)
Clique aqui para abrir versão normal do artigo e poder comentar.